O café mais caro do mundo é feito de fezes (e está a causar estragos)

Uma das variedades mais exóticas – e mais caras – de café é o Kopi Luwak (ou café civeta), nome dado ao café produzido a partir de grãos defecados pelas civetas, um mamífero noturno, parente da raposa, que habita as florestas tropicais africanas e asiáticas.

Um quilo de Kopi Luwak pode custar pelo menos 400 dólares (mais de 350 euros) no mercado norte-americano. Em confeitarias mais requintadas, uma simples chávena pode sair por 30 dólares.

Não por acaso, o produto é habitualmente descrito como um dos cafés mais caros do mundo – a par de variedades como o Black Ivory Coffee, que é recolhido das fezes de elefantes.

“As proteínas são um dos principais fatores da amargura dos cafés. Menos proteínas resultam num sabor menos amargo”, explicam os especialistas.

Mas o que faz deste café tão caro? Trata-se de uma combinação entre exotismo e forças de mercado. Para produzir o café é preciso encontrar as sementes “descartadas” pelas civetas, que se alimentam do fruto, mas digerem apenas a polpa – a semente passa intacta pelo sistema digestivo do animal.

Especialistas afirmam que a ação de enzimas e bactérias no organismo dos mamíferos torna o sabor do café diferenciado – seria uma mistura de “chocolate e sumo de uva”, descrita como menos ácida e amarga que os café comuns.

O que mais impressiona é que as civetas escolhem os grãos de melhor qualidade para comer.

No entanto, o fator principal para o preço alto é que, ao contrário de variações mais comuns, o Kopi Luwak tem uma produção muito limitada de grãos – menos de 230 kg por ano.

Além disso, o crescimento urbano desordenado no Vietname tem levado a uma crescente desflorestação, levando à destruição do habitat das civetas.

Cativeiro

A procura de paladares mais delicados e voluntariosos, no entanto, provocou transformações na produção do Kopi Luwak.

O método tradicional de recolha dos grãos deu lugar a um sistema de produção intensiva, com animais trancados em jaulas – algo semelhante ao que se passa com as galinhas criadas para pôr ovos.

Em 2013, uma investigação da BBC na ilha de Sumatra, outro centro produtor do Kopi Luwak, encontrou evidências de crueldade animal em quintas da região.

Diversos hotéis de luxo da Ásia tiraram o produto dos seus cardápios por causa de pressão de ONGs de defesa dos direitos animais.

Isso, porém, não impediu que o café conquistasse o imaginário popular. O Kopi Luwak aparece até mesmo em filmes de Hollywood e séries norte-americanas, ainda que invariavelmente a brincar com o método pouco ortodoxo de extração.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos

A crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos, antevê o presidente da Petrobras. O brasileiro calcula que o preço do barril de petróleo caia dos 40 para os 25 …

Ministro alemão encontrado morto "estava muito preocupado" com apoio à população

O ministro das Finanças do Estado alemão de Hesse, Thomas Schäfer, foi encontrado morto no sábado. O corpo do político estava nos carris de uma linha de comboios de alta velocidade, na cidade de Hochheim, …

Oposição denuncia sequestro de dois membros da equipa de Guaidó

Este domingo, a oposição venezuelana denunciou que alegados funcionários das forças de segurança sequestraram dois membros da equipa do líder da oposição, Juan Guaidó. Rafael Rico, do partido Vontade Popular, indicou que o sequestro teve lugar …

Há 853 profissionais de saúde infetados. Cerco sanitário no Porto em discussão

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, revelou que existem 853 profissionais de saúde infetados com a covid-19 em Portugal. Em conferência de imprensa ao fim da manhã desta segunda-feira, depois de a …

Fazer despedimentos ou não renovar contratos são situações distintas, explica Siza Vieira

O ministro da Economia afirma que o acesso aos apoios financeiros do 'lay-off' simplificado está condicionado ao compromisso de não haver despedimentos, mas reconhece que despedimento e não renovação são situações distintas. O ministro da Economia …

Empresas denunciadas por abusos nos despedimentos e violações ao código de trabalho

A CGTP recebeu denúncias a 40 empresas em que são relatadas situações de abuso e aproveitamento laboral. Milhares de trabalhadores foram afetados em todo o país, garante a líder sindical. Isabel Camarinha, classificou como "muito negro" …

NOS Primavera Sound adiado para setembro

Devido ao estado de emergência em que o país se encontra, resultado do surto de COVID-19, a nona edição do NOS Primavera Sound foi adiada e vai acontecer de 3 a 5 setembro. “Perante este cenário …

Twitter apaga publicações de Bolsonaro que defendiam fim das medidas de contenção

O Twitter bloqueou dois vídeos publicados no perfil oficial de Jair Bolsonaro sobre a visita que fez no domingo a vários pontos de Brasília, contrariando as recomendações sanitárias da Organização Mundial de Saúde (OMS) para …

País vai entrar no "mês mais crítico" da pandemia (e medidas vão ser prolongadas)

O primeiro-ministro, António Costa, avisou esta segunda-feira que Portugal "vai entrar no mês mais crítico desta pandemia" da covid-19 e por isso é necessário que se prepare para esta fase. António Costa falava aos jornalistas na …

Bancos também dão moratória no crédito automóvel

Para além da moratória no crédito à habitação decretada pelo Governo, alguns bancos estão a alargar a moratória ao crédito de consumo, como por exemplo, à prestação do carro. Face à pandemia de covid-19, o Governo …