Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo em março podem explicar a resistência das comunidades ao novo coronavírus.

Em março, quando a pandemia de covid-19 começou a soar alarmes mundiais, Nunavut tomou medidas mais rígidas do que o Canadá, impedindo a entrada de quase todos os não residentes, conta a emissora britânica BBC.

Os habitantes que voltavam do sul para esta região a norte foram obrigados a fazer duas semanas de quarentena em “centros de isolamento”, que são, na verdade, hotéis localizados nas cidades de Winnipeg, Yellowknife, Ottawa ou Edmonton.

Todos os custos foram suportados pelo Governo de Nunavut.

Para estes espaços foram destacados guardas para todas as instalações, bem como enfermeiras para controlar o estado de saúde dos isolados.

Apesar de serem reportadas algumas queixas sobre a comida que é servida nestes espaços e de até serem apanhados alguns habitantes a violar o isolamento (e a aumentar consequentemente o seu período em quarentena), a estratégia foi um sucesso.

Dos cerca de 7 mil residentes que foram obrigados a passar por estes espaços de quarentena, nenhum testou positivo ao novo coronavírus.

À medida que o número de casos continua a crescer no Canadá, Nunavut continua a zeros.

O responsável pela saúde pública da região, Michael Patterson, explicou que a decisão “bastante drástica” de introduzir este tipo de medidas se deveu à potencial vulnerabilidade da população face à covid-19, bem como os desafios únicos da região ártica.

O isolamento natural

Delimitada pelo Oceano Ártico a norte e pelos Territórios do Noroeste a oeste, a região, onde vivem aproximadamente 35 mil pessoas, tem cerca de 25 comunidades espalhadas pelos seus dois milhões de quilómetros quadrados de território.

É a mesma área do México.

Patterson reconhece que o isolamento natural desta região, onde só é possível chegar às comunidades através de avião, poderá estar diretamente relacionado com o facto de não existirem casos de covid-19 – mas também há desvantagens.

A maioria das comunidades não tem capacidade de realizar testes de covid-19 a nível local, precisando as amostras de serem enviadas por avião.

Além disso, os diagnósticos podem levar uma semana, aumentando drasticamente o espaço de tempo entre a deteção de um caso e a aplicação de uma resposta rápida.

Há ainda poucos recursos médicos a norte.

Por todos estes motivos, as autoridades locais optaram por regras mais rígidas, adaptadas à realidade social da região, bem como às suas especificidades a nível do sistema de saúde. Até agora, parece estar a resultar.

O vírus SARS-CoV-2 infetou mais de 44 milhões de pessoas e provocou a morte a quase 1,17 milhões em todo o mundo desde dezembro de 2019, quando foi diagnosticado o primeiro caso, segundo um balanço da agência France-Presse (AFP).

Por regiões do mundo, a América Latina e Caraíbas registava esta sexta-feira 395.320 mortes em 11.059.786 casos, a Europa 268.359 mortes em 9.423.884 casos, os Estados Unidos e Canadá 236.719 mortes em 9.001.798 casos, a Ásia 167.825 mortes em 10.321.120 casos, o Médio Oriente 57.553 mortes em 2.475.896 casos, África com 41.956 mortes em 1.739.674 casos e a Oceânia com 1.018 mortes em 34.314 casos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Role play ao serviço da Ciência. Investigadores fingem ser Neandertais para estudar caça a aves

Uma equipa de investigadores espanhóis decidiu adotar a "dramatização" científica para reconstruir um novo elemento do comportamento Neandertal: a cooperação com os membros do grupo enquanto usa fogo e ferramentas para caçar gralhas no interior …

Estoril 0-1 Sporting | Figueira deu o fruto que saciou o leão

Foi preciso surgir um erro crasso do guarda-redes estorilista (até então a fazer uma belíssima exibição) para o campeão nacional poder respirar de alívio e festejar a quarta vitória na Liga, esquecendo por agora a …

A tinta mais branca do mundo ajuda a poupar energia nas casas - e pode eliminar de vez o ar condicionado

Uma equipa de investigadores da Universidade de Purdue desenvolveu uma tinta tão branca que revestir um prédio com ela pode reduzir, ou até mesmo eliminar, a necessidade de ter ar condicionado. Depois de testar mais de …

Costa promete "lição exemplar" à Galp depois de "tanto disparate" em Matosinhos

O secretário-geral do PS, António Costa, considerou hoje que “era difícil imaginar tanto disparate, tanta asneira, tanta insensibilidade” como a Galp demonstrou no encerramento da refinaria de Matosinhos, prometendo uma “lição exemplar” à empresa. Falando em …

Porto 5-0 Moreirense | Días, Taremi e Fábio, o trio maravilha

O Porto foi o primeiro dos “grandes” a entrar em campo e deu o mote, e que mote. Os “dragões” receberam o Moreirense e golearam sem apelo nem agravo, por 5-0, graças a uma segunda …

Ronaldo volta a marcar pelo United em jogo com final frenético

O português Cristiano Ronaldo voltou hoje a marcar pelo Manchester United, mas foram Lingaard e David de Gea que ‘brilharam’ na vitória sobre o West Ham, por 2-1, em jogo da quinta jornada da Liga …

O Cumbre Vieja, num dos complexos vulcânicos mais ativos nas Canárias, entrou em erupção

O vulcão Cumbre Vieja, na ilha espanhola de La Palma, entrou hoje em erupção na zona de Las Manchas, depois de mais de uma semana em que foram registados milhares de sismos na região. Na zona, …

Portugal regista 677 novos casos de covid-19 e cinco mortes

Portugal registou, este domingo, 677 novos casos e cinco mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

Estudo mostra como diferentes espécies de polvos coexistem no mesmo ambiente

Existem mais de 300 espécies de polvos a viver em diversos habitats que abrangem recifes de coral, leitos de ervas marinhas, planícies de areia e regiões de gelo polar. Mas de que forma cefalópodes tão …

As máquinas estão "muito longe" de serem mais inteligentes (mas muito perto de agir como pessoas)

A especialista em inteligência artificial Daniela Braga considera que as máquinas estão "muito longe" de substituírem totalmente os humanos ou serem mais inteligentes, mas estão "muito perto" de interagirem como as pessoas. "Acho que estamos muito …