Novobanco avança para tribunal contra dono do grupo Tricos e exige 100 milhões de euros

4

A instituição bancária abriu duas acções em tribunal contra a Abdul Majid Ibraimo e a sua esposa referentes a uma dívida ainda contraída no tempo do Banco Espírito Santo.

Segundo avança o ECO, o novobanco entrou em tribunal para tentar recuperar os 100 milhões de euros ao um membro da família Ibraim, dona do grupo Tricos, depois de anos de conversas entre as partes para tentarem chegar a um acordo sobre a dívida que ainda foi contraída no tempo do BES. O dinheiro foi usado para financiar um investimento no comércio automóvel que correu mal.

O novobanco abriu duas acções no Tribunal da Comarca de Lisboa, uma só contra Abdul Majid Ibraimo no valor de 40 milhões de euros, e outra que abrange também a sua mulher, no valor de 61,7 milhões. O devedor deve pedir a insolvência pessoal.

Já há vários anos que a família tenta resolver a dívida junto do novobanco, com propostas para a liquidação de um valor abaixo daquilo que foi emprestado, tendo a última proposta rondado os seis milhões de euros. Os 100 milhões exigidos agora incluem também os juros já vencidos.

O negócio no Brasil correu bem inicialmente, mas tornou-se inviável depois de uma lei de 2012 ter obrigado os importadores de automóveis a criar unidades de montagem das marcas que representavam. Para além disso, os negócios no imobiliário em Angola também começaram a dar problemas.

Para além do mercado português, o grupo Tricos está presente em Espanha, Brasil, Angola ou Moçambique, tendo investimentos nos sectores imobiliário, hoteleiro, mineiro e petrolífero.

O novobanco já tinha tentado vender um crédito malparado associado ao grupo Tricos há três anos, que rondava os 82 milhões de euros, mas a operação foi bloqueada de repente pelo Fundo de Resolução, que considerava que o valor dado pela compra era demasiado baixo, tendo pedido à instituição bancária que procurassse alternativas mais favoráveis.

  ZAP //

4 Comments

  1. Ainda não entendi nada deste negócio do novo banco. Afinal o dito cujo não foi vendido a fundo americano? Se foi, também a divida do novo banco devia ter ido na venda. por que razão tem os portugueses de estarem sempre a injectar dinheiro no banco? O novo banco até deveria ter sido extinto, já que não dá lucro. Há muitos bancos em Portugal, para um país tão pequeno. Alguns bancos estrangeiros bem famosos puseram-se logo a andar há muito tempo. Não conseguiam ter lucro em Portugal.

    • Só disparates..
      Quem falou em injectar dinheiro no NB?
      E, que bancos estrangeiros foram embora?
      Não só não foram, como até tem lucro a mais!! Por mim, iam todos!..

      • Olha o Eu que só diz disparates. É arrogante e acha que tem sempre razão. Vai estudar a ver se descobres alguma coisa racional!!
        Afinal e segundo o que disse secretário de estado norte-americano, a razão pela qual Putin colocou as tropas na fronteira com a Ucrânia foi mesmo por isso, pela possibilidade da Ucrãnia fazer parte da Nato. Vais dizer que sabes mais que o secretário de estado norte-americano e que ele está errado? És um arrogante.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE