Novo Banco. Grandes devedores causavam perdas de 4,15 mil milhões no final de 2018

António Cotrim / Lusa

Seis meses antes, a 30 de Junho de 2018, a instituição financeira tinha 3,54 mil milhões de euros em perdas com clientes com dívidas superiores a 43,3 milhões de euros.

O Novo Banco tinha no final de Dezembro de 2018, à data da última injeção de dinheiros públicos, 4.150 milhões de euros em perdas causadas por 36 devedores, segundo informação hoje divulgada pelo Banco de Portugal.

Os mesmos devedores obrigaram ainda o Novo Banco a constituir 2.179 milhões de euros em imparidades (perdas potenciais). Já em participações em instrumentos de capital, o Novo Banco tinha em Dezembro passado apenas um milhão de euros em outras perdas. Não aparece registado qualquer valor em imparidades.

No total, estes valores ficam acima dos já divulgados referentes a 30 de Junho de 2018, quando o Novo Banco tinha 3.542 milhões de euros em perdas e 2.420 milhões de euros em imparidades.

Em Julho, cumprindo uma lei do Parlamento, o banco central divulgou as perdas causadas pelos grandes devedores (sem referir nomes) dos bancos que beneficiaram de ajudas públicas nos últimos 12 anos (Caixa Geral de Depósitos, BES/Novo Banco, Banif, BPN, BCP, BPI e BPP), pelo que esta informação atualiza os dados para o Novo Banco, acrescentando a referência de 31 de Dezembro de 2018.

Apesar de em Outubro de 2017 o Novo Banco ter sido vendido ao fundo norte-americano Lone Star, este continua a pesar no bolso dos contribuintes. É que na venda foi acordado um mecanismo pelo qual o Fundo de Resolução (entidade da esfera do Estado) compensa perdas, sob determinadas circunstâncias, até ao valor de 3,89 mil milhões de euros. Até agora, a instituição já recebeu 1.941 milhões de euros (referentes a 2017 e 2018), tendo o Fundo de Resolução recorrido a empréstimos do Estado para poder pagar.

As perdas divulgadas pelo Banco de Portugal não são todas as associadas ao Novo Banco, mas apenas dos grandes devedores deste banco. É que, segundo a lei, as operações consideradas são aquelas com perdas associadas e de valor corresponde a pelo menos 1% do montante total dos fundos mobilizados pelo banco, mas nunca inferior a cinco milhões de euros. Para o Novo Banco, o Banco de Portugal manteve o limiar de 43,3 milhões de euros.

O documento indica, em cada tabela, os grupos económicos devedores (sem referir nomes, apresentando-os por códigos), o valor do crédito inicial, o capital reembolsado, a exposição à data da ajuda pública, as perdas registadas nos cinco anos anteriores, os tipos de garantias e a existência ou não de medidas feitas pelos bancos para tentar recuperar o dinheiro emprestado.

Já as imparidades não são apresentadas por cada devedor, mas apresentado o valor agregado total dos grupos de devedores em cada banco. No caso do Novo Banco, em todos os casos é dito que foram tomadas medidas de recuperação, havendo 13 operações sem garantias associadas.

Apesar de, em 2014, o Novo Banco ter nascido como o ‘banco bom’ do BES, na resolução deste, desde então só tem apresentado prejuízo, justificando a administração com o legado do BES com que ficou. No primeiro semestre deste ano teve prejuízos de 400,1 milhões de euros , o dobro do prejuízo de 212,2 milhões no mesmo período de 2018.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas detetam estranhos movimentos de gás na Via Láctea (em redor de algo "invisível")

Os astrónomos detetaram movimentos de nuvens de gás incomuns perto do centro da Via Láctea, que podem sugerir a presença de um desconhecido buraco negro de classe intermediária. Os investigadores que rastrearam os gases no centro …

Hackers podem facilmente piratear satélites (e transformá-los em armas)

Piratear satélites pode não ser assim tão complicado quanto pensamos. Os hackers podem simplesmente desligá-los ou até mesmo usá-los como armas. No mês passado, a SpaceX tornou-se a operadora da maior constelação de satélites ativos do …

Gelo a cair num buraco faz barulhos estranhos (e parece uma batalha de lasers)

Alguma vez pensou o que se ouve quando deixamos cair gelo num buraco gelado profundo? Já não precisamos de pensar mais - e já podemos ouvir. O vídeo do pedaço de gelo a cair num buraco …

Tribunal recusa exumar corpo. Rosa Grilo conhece sentença a 3 de março

A leitura do acórdão no processo do homicídio do triatleta ficou agendada, esta terça-feira, para o dia 3 de março. De acordo com o Diário de Notícias, a defesa de Rosa Grilo pediu a exumação do …

Revelados documentos que provam a investigação de OVNIs por parte do Pentágono

Documentos recentemente divulgados mostram que o Departamento de Defesa dos Estados Unidos (EUA) financiou estudos sobre Objetos Voadores Não Identificados (OVNI's), contradizendo declarações recentes do Pentágono. Em 2017, o New York Times revelou a existência de …

"Nem sei onde é Alcochete". Pinto da Costa ouvido como testemunha de Bruno de Carvalho

O presidente do FC Porto foi ouvido, esta terça-feira, como uma das testemunhas do ex-dirigente leonino no julgamento da invasão à academia do Sporting, em Alcochete, que está a decorrer no tribunal de Monsanto, em …

A nova obra de Bansky só durou dois dias

A nova obra do artista britânico Banksy, que apareceu na véspera do Dia dos Namorados em Bristol, foi coberta por um grafite cor-de-rosa dois dias depois. A imagem de uma menina a atirar flores vermelhas com uma …

Mais de cem médicos assinam carta a exigir fim da "tortura" de Assange

Mais de cem médicos assinaram uma carta, divulgada esta terça-feira, na qual pedem que o fundador do Wikileaks receba tratamento médico adequado.  Através de uma carta publicada, esta terça-feira, na revista científica The Lancet, mais de uma …

Espiões russos foram à Irlanda investigar cabos submarinos de Internet. Teme-se que os cortem

Esta segunda-feira, o mundo entrou em estado de alerta: agentes secretos da Rússia foram descobertos na Irlanda, numa missão para mapear a localização exata dos cabos submarinos que conectam a Europa à América do Norte. Não …

Telmo Correia eleito líder parlamentar do CDS-PP por unanimidade

O deputado foi eleito, esta terça-feira, presidente do Grupo Parlamentar do CDS-PP, sucedendo a Cecília Meireles, numa votação em que contou com os votos favoráveis dos restantes quatro eleitos centristas. O anúncio foi feito no Parlamento …