Novas medidas covid-19: Certificado muda e validade dos testes de antigénio reduz

1

Comunicado do Conselho de Ministros anuncia fim da testagem para entrar no país e a queda da validade dos testes rápidos de 48 horas para 24.

O Governo anunciou esta quinta-feira, em comunicado, várias alterações às medidas contra a covid-19 também no que diz respeito ao certificado digital covid-19.

Já não é preciso apresentar um teste negativo para entrar em Portugal — até agora era obrigatório mesmo para quem tinha certificado de vacinação — e a validade dos testes rápidos também foi reduzida de 48 horas para apenas 24 horas.

De  acordo com as novas regras, quem tem um certificado digital covid-19 não necessita de apresentar um comprovativo de realização de teste com resultado negativo para entrar em território nacional.

O certificado digital de vacinação também passa a atestar a conclusão da série de vacinação primária do respetivo titular.

Uma dose para a vacina da Janssen, duas doses para todas as outras, há mais de 14 dias e menos de 270 dias desde a última dose, com uma vacina contra a covid-19.

O certificado atesta também a toma de uma dose de reforço de uma vacina contra o coronavírus SARS-CoV-2.

O certificado digital de testagem passa a atestar que o titular foi sujeito a um teste molecular de amplificação de ácidos nucleicos (testes PCR), nas últimas 72 horas, com resultado negativo, ou um teste rápido de antigénio, nas últimas 24 horas (em vez de 48 horas), com resultado negativo.

Relativamente ao certificado digital de recuperação, as regras continuam as mesmas, não se verificando qualquer alteração.

Foi, ainda, aprovada a resolução que altera as medidas aplicáveis no âmbito da pandemia, introduzindo ajustamentos nos comprovativos de vacinação a apresentar para acesso a determinados locais.

Os ajustamentos dizem respeito ao acesso a estabelecimentos turísticos ou de alojamento local, restauração ou similares, estabelecimentos de jogos de fortuna ou azar, casinos, bingos ou similares, eventos, acesso a ginásio e academias, e à entrada em território nacional.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE