Novos carros de combate a incêndios não têm potência para apagar fogos

Paulo Cunha / Lusa

Dezenas de novas viaturas de combate a incêndios encomendadas pela GNR não podem ser utilizadas porque não têm a potência necessária para apagar fogos. 

De acordo com o Expresso, que avança com a notícia este sábado na sua edição impressa, as carrinhas ao serviço da unidade especializada GIPS – Grupo de Intervenção, Proteção e Socorro – foram equipadas com uma bomba de água sem pressão suficiente. As pick-ups para combate tinham uma potência inferior à recomendada e pedida.

“As viaturas não podem ser utilizadas e foram recolhidas para se proceder à substituição das motobombas”, confirmou César Nogueira, presidente da Associação dos Profissionais da Guarda, em declarações ao semanário.

No total, foram encomendadas 80 viaturas e, já depois da cerimónia de entrega das primeiras 20, a anomalia foi detetada quando os veículos já circulavam nas mãos dos membros do GIPS. Esta anomalia encontra-se apenas nas viaturas de uma das duas marcas que forneceram os novos veículos de combate a incêndios

Por questões de segurança, as viaturas não podem ser utilizadas – como a potência é inferior à prevista, a água lançada pelas mangueiras não chega tão longe, obrigando os militares a aproximarem-se da frente de combate.

As Viaturas Ligeiras de Combate a Incêndios são normalmente usadas para enfrentar incêndios ainda em fases iniciais, e transportam equipas com quatro militares. Na compra destas 80 VLCI, fornecidas por duas marcas de automóvel, o Ministério da Administração Interna investiu 2,2 milhões de euros.

Governo garante que veículos estão operacionais

O secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves, assegurou, este sábado, que todos os veículos de combate a incêndios rurais “estão operacionais” e que estão distribuídos pelo terreno a nível nacional.

“Os veículos estão operacionais e estão no terreno e, portanto, estão a funcionar em pleno”, disse o secretário de estado na Guarda, à margem de uma campanha de sensibilização dos emigrantes para a segurança rodoviária e para a campanha Aldeia Segura e Pessoas Seguras.

“Os contratos que foram estabelecidos entre o Estado através da entidade de contratação pública e os cadernos de encargos elaborados pela GNR, naturalmente que foram cumpridos no contrato que foi estabelecido”, prosseguiu.

“Se há um pormenor ou outro que não esteja em condições, naturalmente que é assumido pela entidade contratada. Não temos dúvida nenhuma quanto a isso. Contudo, importa esclarecer: todos os veículos estão operacionais, nenhum está inoperacional“, disse.

“Todos os operacionais estão no terreno com os veículos necessários para combater os incêndios” e que sobre o assunto não há “nenhuma dúvida”, reiterou.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Estão operacionais para quê? Só se for para eles irem visitar as zonas ardidas!!!
    Cambada de lesmas. Pelo menos chamem a coisa pelos nomes…
    Estão inoperacionais, houve falhas e têm de ser corrigidas de imediato!

  2. Alguem quer ganhar com o negocio mas houve denuncia publica. Uma bomba de potencia inferior é mais barata que a do concurso. Pelo que o diferncial seria para alguem meter ao bolso. Infelizmente foi descoberto. Por alguma razao noa houve ficalização.

  3. Mais um indício de corrupção.
    Quem compra um carro, faz um test drive.
    Neste caso, ainda mais se justificava que um grupo de profissionais tivesse avaliado as viaturas de combate a incêndio, antes de se efectuar a compra.
    Mas já suspeitamos como foi… a empresa contemplada deu umas luvas a quem podia decidir, e a partir daí não havia razão para mais testes.
    Tribunal de Contas e Polícia Judiciaria, façam a vossa parte!

  4. Uma coisa é estar operacional (abaixo do normal), outra é NINGUÉM ter experimentado as viaturas em tempo.
    Não deve ter havido tempo…

Responder a JR Cancelar resposta

Tottenham perde frente ao Antuérpia. Mourinho "rasga" equipa: "Queria fazer 11 substituições ao intervalo"

O Tottenham perdeu esta quinta-feira frente ao Antuérpia, na segunda jornada da Liga Europa de futebol, levando o treinador português José Mourinho a criticar a sua equipa. "Queria fazer 11 substituições ao intervalo", admitiu. No …

PCP sobe fasquia no OE2021. Quer mais um escalão de IRS

O PCP quer que o Orçamento do Estado para 2021 contemple a criação de um novo escalão de IRS, segundo uma das dezenas propostas de alteração ao documento que os comunistas fizeram chegar ao Parlamento. Em …

Equipas lusas 100% vitoriosas na jornada europeia. Gaitán estreou-se com um grande golo

O SC Braga e o Benfica venceram esta sexta-feira as partidas a contar para a Liga Europa, depois de o FC Porto ter também saído vitorioso do jogo que disputou frente aos gregos do Olympiacos …

Mutação do coronavírus pode ter tido origem em Espanha (e isso pode explicar a segunda vaga)

Análises realizadas pela Universidade de Basileia, a Escola Politécnica Federal de Zurique e o consórcio espanhol SeqCovid-Spain, liderado pelo Conselho Superior de Investigação Científica, mostram que a nova variante se espalhou pela Europa e outras …

Arqueólogos encontraram lamas sacrificadas pelos Incas no Peru

Arqueólogos encontraram, no Peru, restos mortais mumificados de cinco lamas que foram sacrificadas pelos deuses Incas há cerca de 500 anos. De acordo com o site Live Science, as lamas mumificadas ainda estão adornadas com os cordões …

"Nunca vi nada assim." Ameaça terrorista é mais intensa do que nunca em França (e mais difícil de travar)

O ataque terrorista dentro de uma Igreja em Nice, com a morte de 3 pessoas, veio reforçar a ameaça do terrorismo islâmico em França. Já havia sinais e alertas oficiais de perigo numa altura em …

Costa recebe partidos esta sexta-feira. "Nenhuma medida está excluída", garante Costa

O primeiro-ministro recebe esta sexta-feira, em São Bento, os partidos com representação parlamentar para procurar um consenso para a adoção de medidas imediatas de combate à pandemia de covid-19. Além disso, o Governo vai auscultar …

Ratos-toupeira-nus foram apanhados a raptar bebés de outras colónias

Cientistas descobriram dois casos em que ratos-toupeira-nus foram raptados da sua colónia, tendo sido transformados em escravos. De acordo com o site Science Alert, embora os ratos-toupeira-nus (Heterocephalus glaber) sejam pequenos, têm grandes colónias compostas por …

Não houve multas por falta de máscaras (e o Canhão da Nazaré não desiludiu)

Milhares de pessoas juntaram-se, algumas das quais sem máscaras, para ver as ondas gigantes da Nazaré, nesta quinta-feira, mas nenhuma delas foi multada, apesar de violarem as regras da Direcção-Geral da Saúde (DGS). No mar, …

Bolsonaro afirma que vai "erradicar o comunismo" do Brasil

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, afirmou na quinta-feira, num evento público, que "se Deus quiser, poderá comemorar-se em breve a erradicação do comunismo" no país. "Vamos, num curto espaço de tempo, expulsar o comunismo do país", …