Contra tudo e contra todos, Nelson Évora conquista bronze nos Mundiais de atletismo

Franck Robichon / EPA

Nelson Évora 3º lugar Mundiais de atletismo 2017

O atleta português conquistou, esta quinta-feira, a medalha de bronze no triplo salto dos Mundiais de atletismo, em Londres, com uma marca de 17,19 metros.

Nelson Évora conseguiu a sua melhor marca à segunda tentativa, depois de ter começado o concurso com 17,02 metros. O atleta ficou apenas atrás dos atletas norte-americanos Christian Taylor (17,68) e Will Claye (17,63).

“É sempre um orgulho representar nossa seleção, dou sempre o meu melhor e tento trazer uma medalha. Contra tudo, contra todos, contra as estatísticas, consegui contrariar tudo”, disse o atleta no fim da prova, relembrando que, de todos os concorrentes, foi o que teve menos tempo de competição antes dos Mundiais deste ano.

“Esta foi uma competição um pouco estranha, difícil, mas foi uma boa competição, eles provaram o favoritismo que tinham e saltaram bem. As pessoas que vieram ao estádio esperavam os 18 metros”, disse o antigo Campeão Mundial de Triplo Salto na conferência de imprensa dos três medalhados.

“Esperava surpreendê-los, o sénior aos mais novos. Fica para a próxima“, avisou.

Esta foi a quarta medalha de Nelson Évora em Mundiais, repetindo o bronze de2015, em Pequim, depois de ter sido campeão em 2007 e medalha de prata em 2009. Este ano, já tinha sido Campeão Europeu de Triplo Salto, em Belgrado, renovando o título de 2015.

O atleta, de 32 anos, representou o Odivelas entre 1994-95, o Benfica entre 1995 e 2002, o FC Porto entre 2002 e 2004, tendo regressado à Luz me 2005, onde esteve até ao ano passado. Em setembro, Nelson Évora terminou a sua ligação de 25 anos com o treinador João Ganço, e trocou o Benfica pelo Sporting.

PARTILHAR

RESPONDER

ONU prepara projeto contra reconhecimento pelos EUA de Jerusalém como capital de Israel16

Um projeto de resolução contra o reconhecimento pelos Estados Unidos de Jerusalém como capital de Israel está a ser preparado na ONU para demonstrar o isolamento dos norte-americanos no Conselho de Segurança. Os Estados Unidos da …

Último aviso da Cassini: se for a Saturno, leve guarda-chuva

Se está a pensar fazer uma viagem até Saturno deixamos um conselho: não se esqueça do guarda-chuva. Cientistas norte-americanos descobriram recentemente que os anéis de Saturno podem produzir uma espécie de chuva. A sonda Cassini viveu …

A bebé que nasceu com o coração fora do corpo sobreviveu

Uma bebé que nasceu com o coração fora do peito superou as expectativas que lhe davam menos de 10% de possibilidades de sobrevivência, e ultrapassou três cirurgias para resolver esta rara condição cardíaca. Vanellope Hope Wilkins …

Vieira da Silva implicado no escândalo Raríssimas

Paula Brito e Costa quis criar uma fundação, com o intuito de reforçar os seus poderes na associação Raríssimas. O pedido teve um parecer negativo, mas isso não a impediu de assinar um protocolo como …

PS contraiu mais um empréstimo e já deve 9 milhões de euros à banca

O PS contraiu, há cerca de duas semanas, mais um empréstimo bancário para fazer face às dificuldades financeiras que vem atravessando. O partido tem uma dívida à banca que ronda os 9 milhões de euros. A …

Casa dos Marcos corre o risco de fechar por falta de acesso às contas bancárias

Os trabalhadores da "Raríssimas" avisam que a associação está em risco de fechar por falta de acesso às contas bancárias e apelam ao primeiro-ministro para que envie uma direção idónea para permitir o seu funcionamento. A …

Rui Rio recebe 21 mil euros por ano da Ordem dos Contabilistas

Desde 2013, Rui Rio recebeu 1500 euros brutos mensais como vice-presidente da Assembleia Geral da Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC). Por ano, são 21 mil euros ilíquidos: é esse o valor que o candidato à presidência …

Médicos Sem Fronteiras falam em 9 mil rohingyas mortos em apenas um mês

Pelo menos nove mil rohingyas morreram no Estado de Rakhine, em Myanmar, entre 25 de agosto e 24 de setembro, segundo investigações dos Médicos Sem Fronteiras em acampamentos de refugiados no Bangladesh. "Como 71,7% das mortes …

MAI dá à PSP uma semana para avaliar riscos de segurança na noite

A PSP tem até ao próximo dia 20 para realizar uma avaliação dos incidentes registados nos últimos dois anos em estabelecimentos de diversão noturna. Segundo o Diário de Notícias, a ordem de Eduardo Cabrita terá sido …

Três semanas depois, ainda não há pedidos de indemnização por mortes em incêndios

Passaram quase três semanas desde a abertura do processo de entrega de requerimentos, mas a Provedoria da Justiça ainda não recebeu nenhum pedido. A presidente da Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande (AVIPG) explica …