Poderá ser necessário modificar o ADN dos astronautas para chegar a Marte

20th Century Fox

Matt Damon, “The Martian” (Ridley Scott, 2015)

A Agência Espacial Norte Americana tem uma proposta radical para levar humanos até ao Planeta Vermelho: modificar o ADN dos seus astronautas.

Entre os humanos mais corajosos do planeta, estão sem dúvida os astronautas, que já se aventuram no espaço em busca de descobertas científicas. Mas levar o Homem até outro planeta é um desafio ainda mais difícil – quer pelo elevado custo, quer pela dificuldade em criar formas de proteger o corpo humano em ambientes extremos.

Elon Musk, CEO da SpaceX, uma das empresas privadas que está na corrida a Marte, foi dos primeiros a alertar que a radiação cósmica vai afectar o cérebro dos astronautas. Outro dos problemas identificados é o aumento da probabilidade de ocorrência de cancros, devido à maior exposição dos astronautas à radiação.

Mas a agência espacial norte americana, NASA, tem agora uma proposta radical para levar o Homem até ao Planeta Vermelho: modificar o ADN dos seus astronautas para que eles se tornem mais tolerantes às viagens espaciais.

“Temos recolhido muito conhecimento em relação às viagens espaciais. Tratamentos com medicamentos parecem ser muito promissoras para coisas mais extremas, como as modificações epigenéticas. Mas isso levanta vários problemas éticos, pelo que estamos em fase experimental” diz Douglas Terrier, Director de Tecnologia da NASA.

Os cientistas sabem que os astronautas da Estação Espacial Internacional (EEI), em poucos meses em órbita, já são expostos a dez vezes mais radiação do que as pessoas na Terra, e a EEI está a apenas 408 quilómetros da Terra. Uma viagem de 54.6 milhões de quilómetros de distância até Marte é realmente muito mais perigosa.

A modificação do ADN dos astronautas, no entanto, é um recurso extremo que a NASA só deverá vir a aplicar em último caso, se não for possível encontrar melhores alternativas de adaptação dos seres humanos ao espaço – em especial a sua resistência à radiação.

Talvez fosse mais simples, por exemplo, construir naves mais resistentes à radiação, não?

PARTILHAR

22 COMENTÁRIOS

  1. “Talvez fosse mais simples, por exemplo, construir naves mais resistentes à radiação, não?”

    O autor deste artigo, em especial por causa dessa brilhante frase, não tardará a figurar nos quadros da NASA.

  2. Talvez tenham de trocar o cabeçalho da noticia para: A Agência Espacial Norte Americana tem uma proposta radical para levar HUMANOIDES até ao Planeta Vermelho

  3. Os dois comentários anteriores primam pelo desconhecimento. É de facto verdade e mesmo o último comentário da notícia é uma hipótese que anda a ser testada há muitos anos através de várias técnicas. Informem-se primeiro ou procurem estar a par das novidades nesta área e vão ver que muita coisa que parece estranha na realidade não o é.

  4. “Talvez fosse mais simples, por exemplo, construir naves mais resistentes à radiação, não?”

    Não … porquê? É um bom exercício para um jornalista.
    Dica: Massa, energia e Aurora Boreal.

  5. Com tantos “cientistas” a comentar, não compreendo porque é que após as vitórias do Euro de futebol e do festival da canção, ainda não houve nenhum Português a ganhar o Nobel da física ou da química.

  6. Mas afinal qual é a duvida?
    Faz já muito tempo que somos genéticamente ‘alterados’, basta lembrar que quando se toma uma vacina o nosso sistema imunitário fica diferente porque ‘armazena’ a informação necessária para sem outras ajudas mais combater a maleita para a qual se destina a vacina.
    Recordando que nenhum ser vivo é completamente estavel geneticamente porque faz parte da propria natureza dos sistema vivos que evoluem apartir de várias alteraçãos genéticas em que as ‘uteis’ ficam e as outras se retraem ou desaparecem.
    Claro que o melhor é mesmo não mexer na ‘especie’ e criar um escudo magnetico na nave.

  7. Ja Agora um ultimo comentário, porquê tanta preocupação com idas para Marte, afinal não existe nada de bom , a não ser para os fabricantes de fatos espaciais e com capacete pois já nao vou viver eu nem as proximas 100 gerações , a fim de ver humanos a respirar com as condições que temos no nosso maravilhoso planeta que por acaso se chama TERRA , vivam mais realidade e sonhem menos .

RESPONDER

Publicada lista de entidades abrangidas por alargamento da ADSE

A ADSE já publicou a lista de entidades abrangidas pelo alargamento do subsistema de saúde da função pública aos trabalhadores com contrato individual de trabalho. As entidades reguladoras e a maioria das empresas municipais foram …

O "caminho ainda é longo", mas Portugal já administrou um milhão de vacinas

Esta sexta-feira, Portugal ultrapassou o marco do primeiro milhão de vacinas administradas, mas o "caminho ainda é longo". Portugal ultrapassou, esta sexta-feira, um milhão de vacinas contra a covid-19 administradas, uma marca que o secretário de …

Cavaco fala em "democracia amordaçada" (e na "vergonha" dos números da pandemia)

Este sábado, numa participação na Academia de Formação Política das Mulheres Sociais-Democratas, Cavaco Silva deixou duras críticas ao Executivo de António Costa, sublinhando que a pandemia mostrou um "SNS fragilizado por decisões erradas do governo". O …

Remédio contra piolhos está a ser usado contra covid-19. Infarmed e DGS investigam

"Centenas" de doentes de covid-19, em Portugal, têm sido tratados com o antiparasitário Ivermectina que é usado contra piolhos e lombrigas. Há médicos que o prescrevem e que também o tomam a título preventivo, embora …

Sporting bate recorde histórico, mas até o do 6-3 era melhor (quando Amorim não estava "do lado certo")

O Sporting não perde há 22 jogos e bateu o recorde de invencibilidade dos leões em jogos do campeonato que pertencia à equipa de 1981/1982. Um dado que deixa Ruben Amorim orgulhoso, mas o treinador …

"Estou a morrer." Constança luta por um medicamento para se salvar, Infarmed diz que não recebeu pedido do Hospital

Constança Bradell fez um apelo nas redes sociais, numa publicação em que descreve a luta que está a travar contra a fibrose quística. A jovem, de 24 anos, pede a aprovação do medicamento que lhe …

Um século de luta comunista comemorado com 100 ações pelo país

O mais antigo partido político comemora, esta sábado, 100 anos de existência. PCP vai festejar o aniversário com 100 ações pelo país. O PCP assinala, este sábado, os seus 100 anos com 100 ações, em mais …

Relações esfriadas. Moedas consultou Marcelo, mas dispensou conselhos de Passos

Antes de anunciar a sua candidatura a Lisboa, Carlos Moedas consultou Marcelo Rebelo de Sousa e falou com Paulo Portas. Com Pedro Passos Coelho só falou um dia depois de o seu nome ter sido …

Portugal não pode perder o comboio da Europa. Para Marcelo, é hora de aproveitar o novo ciclo

A crise que assolou o nosso país tem de ser aproveitada para "olhar para os problemas estruturais". A mensagem foi deixada pelo Presidente da República, nesta sexta-feira, na conferência de abertura do Festival P, com …

Santana não desiste e admite candidatar-se à Figueira (mesmo à revelia do PSD local)

Pedro Santana Lopes não fecha totalmente a porta e admite vir a candidatar-se à Figueira da Foz como independente. Mesmo que a concelhia do PSD já tenha tomado uma decisão e avance com Pedro Machado, Pedro …