Poderá ser necessário modificar o ADN dos astronautas para chegar a Marte

20th Century Fox

Matt Damon, “The Martian” (Ridley Scott, 2015)

A Agência Espacial Norte Americana tem uma proposta radical para levar humanos até ao Planeta Vermelho: modificar o ADN dos seus astronautas.

Entre os humanos mais corajosos do planeta, estão sem dúvida os astronautas, que já se aventuram no espaço em busca de descobertas científicas. Mas levar o Homem até outro planeta é um desafio ainda mais difícil – quer pelo elevado custo, quer pela dificuldade em criar formas de proteger o corpo humano em ambientes extremos.

Elon Musk, CEO da SpaceX, uma das empresas privadas que está na corrida a Marte, foi dos primeiros a alertar que a radiação cósmica vai afectar o cérebro dos astronautas. Outro dos problemas identificados é o aumento da probabilidade de ocorrência de cancros, devido à maior exposição dos astronautas à radiação.

Mas a agência espacial norte americana, NASA, tem agora uma proposta radical para levar o Homem até ao Planeta Vermelho: modificar o ADN dos seus astronautas para que eles se tornem mais tolerantes às viagens espaciais.

“Temos recolhido muito conhecimento em relação às viagens espaciais. Tratamentos com medicamentos parecem ser muito promissoras para coisas mais extremas, como as modificações epigenéticas. Mas isso levanta vários problemas éticos, pelo que estamos em fase experimental” diz Douglas Terrier, Director de Tecnologia da NASA.

Os cientistas sabem que os astronautas da Estação Espacial Internacional (EEI), em poucos meses em órbita, já são expostos a dez vezes mais radiação do que as pessoas na Terra, e a EEI está a apenas 408 quilómetros da Terra. Uma viagem de 54.6 milhões de quilómetros de distância até Marte é realmente muito mais perigosa.

A modificação do ADN dos astronautas, no entanto, é um recurso extremo que a NASA só deverá vir a aplicar em último caso, se não for possível encontrar melhores alternativas de adaptação dos seres humanos ao espaço – em especial a sua resistência à radiação.

Talvez fosse mais simples, por exemplo, construir naves mais resistentes à radiação, não?

PARTILHAR

20 COMENTÁRIOS

  1. “Talvez fosse mais simples, por exemplo, construir naves mais resistentes à radiação, não?”

    O autor deste artigo, em especial por causa dessa brilhante frase, não tardará a figurar nos quadros da NASA.

  2. Talvez tenham de trocar o cabeçalho da noticia para: A Agência Espacial Norte Americana tem uma proposta radical para levar HUMANOIDES até ao Planeta Vermelho

  3. Os dois comentários anteriores primam pelo desconhecimento. É de facto verdade e mesmo o último comentário da notícia é uma hipótese que anda a ser testada há muitos anos através de várias técnicas. Informem-se primeiro ou procurem estar a par das novidades nesta área e vão ver que muita coisa que parece estranha na realidade não o é.

  4. “Talvez fosse mais simples, por exemplo, construir naves mais resistentes à radiação, não?”

    Não … porquê? É um bom exercício para um jornalista.
    Dica: Massa, energia e Aurora Boreal.

  5. Com tantos “cientistas” a comentar, não compreendo porque é que após as vitórias do Euro de futebol e do festival da canção, ainda não houve nenhum Português a ganhar o Nobel da física ou da química.

RESPONDER

Santa Casa vai doar receitas dos jogos do Natal às vítimas dos incêndios

A Santa Casa de Lisboa vai destinar as receitas dos jogos na semana anterior ao Natal a um fundo para apoiar as vítimas dos incêndios, numa verba estimada entre quatro a seis milhões de euros. Em …

Tempestade Ana causou um morto, 789 quedas de árvores e mil ocorrências

A Proteção Civil registou esta noite mais de 1.100 ocorrências relacionadas com a tempestade Ana, a maior parte (789) quedas de árvores, mas também inundações e quedas de estruturas. O mau tempo fez também uma …

Entrega do Nobel marcada por relato comovente de sobrevivente de Hiroshima

A cerimónia de entrega do Nobel da Paz, em Oslo, teve este ano o relato de Setsuko Thurlow, que sobreviveu à bomba nuclear lançada contra Hiroshima, e que define armas nucleares como "mal extremo". A ICAN, …

Setúbal vs FC Porto | Vendaval azul à beira Sado

FC Porto regressou aos triunfos na Liga NOS e logo em grande estilo. Na visita ao Vitória de Setúbal, os “dragões” golearam por 5-0, num jogo sem história e de sentido único, e no qual Vincent …

Marcelo espera apuramento dos factos no caso da gestão da “Raríssimas”

O Presidente da República congratulou-se hoje com o facto de o Ministério do Trabalho, Segurança Social e Solidariedade anunciar que vai avaliar a situação da associação Raríssimas e eventual gestão danosa ou outras irregularidades. "O Estado …

Presidentes do PSD duram 2,5 anos e têm 40% de hipóteses de ser primeiro-ministro

O PSD escolhe a 13 de janeiro o seu 18.º presidente, num partido que, em média, muda de líder a cada dois anos e meio e que já produziu sete primeiros-ministros e dois Presidentes da …

Portugal é pela primeira vez Melhor Destino Turístico do Mundo

Portugal foi este domingo pela primeira vez considerado Melhor Destino Turístico do Mundo. Tornou-se também o primeiro país europeu a conquistar a distinção, derrotando concorrentes como o Brasil, Grécia, Maldivas, EUA, Marrocos, Vietname ou Espanha. A …

Rebentamento de conduta de água abre "cratera" de 20 metros em São Pedro de Moel

O rebentamento de uma conduta de água da rede pública de São Pedro de Moel provocou esta manhã "uma cratera de vinte metros de extensão" numa zona residencial, obrigando ao corte da circulação, informou a …

Empresas alemãs sob suspeita de corrupção no caso do submarino argentino

As duas empresas alemãs que forneceram as baterias do submarino desaparecido ARA San Juan estão sob suspeita terem pagado subornos para conseguir o contrato e de ter oferecido peças de qualidade inferior, segundo informações da …

Tempestade obriga a cancelar voos Lisboa-Londres e fechar estradas no Reino Unido

O aeroporto de Birmingham, no centro da Inglaterra, cancelou os seus voos deste domingo devido à forte nevasca que cai em grande parte do Reino Unido, que fechou estradas e provocou uma grande alteração nos …