NASA já decidiu: sonda Opportunity tem 45 dias para dar notícias

Há quase dois meses que a NASA não consegue restabelecer ligação com a Opportunity. E, segundo o prazo limite estabelecido pela agência espacial norte-americana, as coisas não parecem estar a correr bem para a sonda marciana.

Três vezes por semana, desde o passado 10 de junho, os especialistas da NASA estão a enviar um sinal para Marte, com o objetivo de receber uma resposta da Opportunity.

No início desse mês, o Planeta Vermelho foi atingido por uma forte tempestade de pó que abalou a maior parte da cratera Endeavour, onde a sonda está a operar. Alguns dias depois, a situação agravou-se de tal forma que os engenheiros tiveram que colocar a sonda em regime de emergência e desligar todos as suas ferramentas exceto o relógio.

Já em meados de junho, e de acordo com fotografias capturadas pela sua “amiga” – a sonda Curiosity, que está noutra parte do planeta – a tempestade abalou o planeta por completo, sendo oficialmente considerada uma tempestade de envergadura planetária.

À medida que volume de pó na atmosfera de Marte começa a dar tréguas, a agência espacial norte-americana não desiste de tentar restabelecer ligação com a sonda marciana mas, até agora, sem sucesso.

“O Sol está a começar a entrar no Vale da Perseverança, por isso, em breve haverá luz solar suficiente para que a Opportunity possa recarregar baterias”, diz John Callas, gestor de projeto da Opportunity no Jet Propulsion Laboratory (JPL).

“Quando o tau cair abaixo de 1,5, vamos iniciar um período ativo de tentativas de comunicação com o rover, enviando comandos através das antenas da Deep Space Network da NASA”, explica.

“Assumindo que vamos ter novidades da Opportunity, logo iniciaremos o processo de colocá-la novamente online”, explica. Porém, cita o Science Alert, se não tiver qualquer sinal da sonda “nos próximos 45 dias, a equipa será forçada a concluir que o pó que está a bloquear o Sol e o frio marciano conspiraram para causar algum tipo de falha da qual o rover provavelmente não vai conseguir recuperar”.

Mas nem todos concordam com este plano, como é o caso de Mike Seibert. O ex-diretor de voo da Opportunity recorda que a sonda está equipada com duas “asas” de painéis solares, sendo que ambas fornecem energia suficiente para explorar o planeta e para comunicar com a Terra.

Se esses painéis estiverem cobertos pela poeira, há uma hipótese, por mais mínima que seja, de um eventual surto de vento – chamado de “redemoinho” – poder limpá-los. O antigo responsável do projeto lembra que, geralmente, este fenómeno começa em novembro, ou seja, já depois do prazo de 45 dias definido pela equipa da NASA.

O robô encontra-se em Marte desde 2004. Inicialmente, foi concebido para durar apenas três meses, mas continuou a operar durante quase 15 anos. Também já passou por outros infortúnios como quando, em 2007, conseguiu sobreviver a uma tempestade de pó semelhante.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Detetadas "partículas fantasmagóricas" que o Modelo Padrão não pode explicar

O observatório IceCube, localizado no Pólo Sul, revelou que a Antena Antena Antártida de Impulso Transitivo (ANITA) detetou alguns "sinais muito estranhos" que "não pode ser explicados" pelo Modelo Padrão da Física. O projeto ANITA, …

Descoberto primeiro asteróide que se move apenas dentro da órbita de Vénus

Uma rede de telescópios robóticos operados à distância observou um asteróide que, além de ser o asteróide mais próximo do Sol, é também o primeiro asteróide descoberto que se move completamente dentro da órbita de …

Mark Zuckerberg tem medo do TikTok (e já se sabe porquê)

Mark Zuckerberg já deixou claro, mais do que uma vez, que não gosta do TikTok. No entanto, agora sabemos o que está por trás desta hostilidade pelo rival: a aplicação está a crescer muito, mesmo …

A empresa mãe da Google já vale um bilião de dólares

Esta quinta-feira, a Alphabet, empresa mãe da Google, conseguiu uma cotação na bolsa de 1 bilião de dólares, cerca de 900 mil milhões de euros. A Alphabet tornou-se, esta quinta-feira, a quarta empresa norte-americana a conseguir …

Cientistas criam "cimento vivo" capaz de se "curar"

Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos criou um "cimento vivo" juntando areia e bactérias num material de construção capaz de se auto-reproduzir, de absorver dióxido de carbono e manter a resistência. "Já usamos materiais biológicos …

Sporting 0-2 Benfica | Águia vence dérbi e foge na frente

O Benfica foi o grande vencedor do dérbi lisboeta. Na visita ao Sporting, os “encarnados” marcaram dois golos sem resposta, ambos na segunda parte, por Rafa Silva, entrado no decorrer da segunda parte, após ter …

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos e podem levam décadas até pedir ajuda, por nem sempre aceitarem e entenderem que sofreram violência sexual. Na maior parte dos …

"Messiah", da Netflix, reacende controvérsia sobre os limites da liberdade de expressão

A série Messiah, disponível na plataforma de streaming Netflix, acende a controvérsia em torno dos limites da liberdade de expressão e da criatividade no mundo das artes e do entretenimento. Messiah, uma série produzida por Michael …

Quadro encontrado por jardineiro era mesmo a obra desaparecida de Klimt

Em 1997, Retrato de uma Senhora desapareceu da Galeria de Arte Moderna Ricci Oddi, em Piacenza. Em dezembro, o quadro foi descoberto. Estava escondido numa parede da instituição. O quadro encontrado em dezembro, escondido na reentrância …

Terramotos modificaram a geografia de Porto Rico (e a NASA mostra como)

Os terramotos que Porto Rico tem sentido desde dezembro passado, que causaram pelo menos um morto e milhões de dólares em prejuízos, estão também a mudar a geografia desta ilha das Caraíbas. A agência espacial …