A NASA não consegue explicar um enorme buraco em Marte

Uma fotografia capturada pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter está a intrigar os cientistas. A imagem mostra camadas de dióxido de carbono congelado, num fenómeno batizado de “terreno de queijo suíço”, e um misterioso buraco muito profundo, com centenas de metros de diâmetro.

A sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO) está na órbita de Marte desde 2006 e, ao longo deste anos, já nos ajudou a fazer descobertas incríveis sobre o famigerado planeta vermelho. No entanto, uma fotografia tirada do polo sul do planeta, no ano passado, está a intrigar os cientistas.

Na fotografia surge um buraco diferente de outros observados até agora, que deixou os astrónomos curiosos para tentar descobrir o que se passou. Porém, ainda não há nenhuma resposta para esta pergunta.

Embora toda a superfície do planeta vermelho esteja repleta de crateras e depressões pelos mais variados motivos ( como meteoritos, lava e atividade vulcânica), este grande buraco chamou a atenção dos especialistas por parecer um pouco mais fundo do que um buraco marciano médio.

O buraco encontra-se na região “terreno de queijo suíço”, um local marcado pelo derretimento de dióxido de carbono congelado.

Na altura em que a fotografia foi captada pela sonda, era verão no polo sul de Marte, pelo que o sol estava baixo o suficiente para acentuar as sobras, fazendo com que as mais subtis características sobressaíssem, como o gelo no fundo do buraco.

À volta dos poços, é possível observar o dióxido de carbono congelado. Os cientistas acreditam que estes círculos no gelo são os locais nos quais o gelo seco sublimou em gás, no verão, formando o que os astrónomos denominaram de “terreno de queijo suíço“.

A imagem em causa foi tirada com recurso a um sistema de imagens de alta resolução da sonda MRO, que permite aos investigadores ver objetos em Marte com mais de um metro, estando cerca de 200 a 400 quilómetros acima.

Isto significa que o buraco é enorme, já que cada píxel da imagem representa 50 centímetros. Assim, estamos a olhar provavelmente para um buraco de centenas de metros de diâmetro.

A sonda MRO está na órbita marciana desde março de 2006, e envia para a Terra imagens detalhadas da superfície do planeta vermelho que revelam um ambiente dinâmico com ventos, dunas de areia e pedaços ocasionais de tecnologia terrestre abandonados.

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Eles que falem com o Sócrates, um grande especialista em arranjar buracos !!!!
    Pelo menos deixou-nos um de grandes dimensões, que ainda estamos a pagar !!!!

  2. É o buraco onde todos os Bancos marcianos estão enterrados e que levaram o planeta e a vida no mesmo à morte, é o mesmo que irá acontecer por cá!.

RESPONDER

A longo prazo, o distanciamento social pode até ser melhor para a economia

O isolamento social durante uma pandemia, como é o caso da covid-19, que já fez mais de 48.000 vítimas mortais por tudo o mundo, pode revelar-se melhor para a economia a longo prazo, revelou uma …

Elon Musk doou 1.000 ventiladores a hospitais (mas eram do tipo errado)

Nos últimos dias, Elon Musk, CEO da Tesla, recebeu muitos elogios por ter doado mil ventiladores a hospitais da Califórnia, que enfrentam um número esmagador de casos de coronavírus. Porém, os ventiladores não eram do …

Coronavírus pode replicar-se na boca e nariz durante uma semana antes de infetar pulmões

O coronavírus pode permanecer e replicar-se na boca e no nariz durante uma semana antes de infetar aos pulmões, à traqueia e aos brônquios, revela um estudo, que mostra igualmente que é expulso do organismo …

PSP vai utilizar câmaras portáteis em drones no estado de emergência

A PSP vai utilizar 20 câmaras portáteis de videovigilância, 18 das quais vão ser instaladas em ‘drones’, durante o estado de emergência devido à pandemia de covid-19, anunciou esta quinta-feira o Ministério da Administração Interna …

Em Nova Iorque, prisioneiros são usados para cavar valas comuns

Nova Iorque está a oferecer seis dólares por hora e material de proteção individual aos prisioneiros de Rikers Island que aceitem ajudar a cavar valas comuns. Projeções da Fundação Gates apontam que, em Nova Iorque, o …

EUA estará a pagar para desviar carregamentos de máscaras adquiridas por França

As autoridades francesas estão a acusar os Estados Unidos de terem pago para desviar um carregamento de máscaras faciais oriundo da China. Este episódio é apenas mais um na saga sobre a escassez de máscaras de …

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados antecipadamente para prevenir a propagação da pandemia de covid-19 no meio prisional, revelou esta quinta-feira a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, em declarações à RTP3. A …

OMS e EUA ponderam alargar recomendação para uso de máscaras

A Organização Mundial de Saúde (OMS) vai reavaliar as suas recomendações sobre o uso de máscaras para prevenir a contaminação com covid-19, disse esta quinta-feira o presidente do grupo de especialistas que vai discutir o …

Covid-19. Mais de 95% das vítimas mortais na Europa tinham mais de 60 anos

O diretor regional para a Europa da Organização Mundial de Saúde (OMS), Hans Kluge, revelou esta quinta-fera que mais de 95% das vítimas mortais da covid-19 na Europa têm mais de 60 anos de idade. Em …

Curva portuguesa mostra abrandamento de novos casos (mas é preciso "cautela")

Portugal tem assistido desde o dia 25 de março a um abrandamento do aumento percentual diário de novos casos de covid-19, segundo dados divulgados pelo Barómetro Covid-19 da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP). Segundo Carla …