A NASA não consegue explicar um enorme buraco em Marte

Uma fotografia capturada pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter está a intrigar os cientistas. A imagem mostra camadas de dióxido de carbono congelado, num fenómeno batizado de “terreno de queijo suíço”, e um misterioso buraco muito profundo, com centenas de metros de diâmetro.

A sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO) está na órbita de Marte desde 2006 e, ao longo deste anos, já nos ajudou a fazer descobertas incríveis sobre o famigerado planeta vermelho. No entanto, uma fotografia tirada do polo sul do planeta, no ano passado, está a intrigar os cientistas.

Na fotografia surge um buraco diferente de outros observados até agora, que deixou os astrónomos curiosos para tentar descobrir o que se passou. Porém, ainda não há nenhuma resposta para esta pergunta.

Embora toda a superfície do planeta vermelho esteja repleta de crateras e depressões pelos mais variados motivos ( como meteoritos, lava e atividade vulcânica), este grande buraco chamou a atenção dos especialistas por parecer um pouco mais fundo do que um buraco marciano médio.

O buraco encontra-se na região “terreno de queijo suíço”, um local marcado pelo derretimento de dióxido de carbono congelado.

Na altura em que a fotografia foi captada pela sonda, era verão no polo sul de Marte, pelo que o sol estava baixo o suficiente para acentuar as sobras, fazendo com que as mais subtis características sobressaíssem, como o gelo no fundo do buraco.

À volta dos poços, é possível observar o dióxido de carbono congelado. Os cientistas acreditam que estes círculos no gelo são os locais nos quais o gelo seco sublimou em gás, no verão, formando o que os astrónomos denominaram de “terreno de queijo suíço“.

A imagem em causa foi tirada com recurso a um sistema de imagens de alta resolução da sonda MRO, que permite aos investigadores ver objetos em Marte com mais de um metro, estando cerca de 200 a 400 quilómetros acima.

Isto significa que o buraco é enorme, já que cada píxel da imagem representa 50 centímetros. Assim, estamos a olhar provavelmente para um buraco de centenas de metros de diâmetro.

A sonda MRO está na órbita marciana desde março de 2006, e envia para a Terra imagens detalhadas da superfície do planeta vermelho que revelam um ambiente dinâmico com ventos, dunas de areia e pedaços ocasionais de tecnologia terrestre abandonados.

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Eles que falem com o Sócrates, um grande especialista em arranjar buracos !!!!
    Pelo menos deixou-nos um de grandes dimensões, que ainda estamos a pagar !!!!

  2. É o buraco onde todos os Bancos marcianos estão enterrados e que levaram o planeta e a vida no mesmo à morte, é o mesmo que irá acontecer por cá!.

"Marte está vivo". Sonda InSight regista mais de 170 eventos sísmicos no Planeta Vermelho

Resultados dos primeiros dez meses de exploração da sonda InSight da NASA revelaram que o Planeta Vermelho é um mundo com atividade sísmica ativa. "Marte está vivo e a cada diz que passa começo a ter …

Um planeta pode ter sido "roubado" do Sistema Solar

Uma nova análise de astrónomos da Universidade Stony Brook, em Nova Iorque, revelou que as estrelas "roubam" planetas umas às outras - e isso também poderá ter acontecido no nosso próprio Sistema Solar. Quase tudo o …

Netflix passa a mostrar "top 10" diário de séries e filmes

A Netflix disponibiliza, desde esta segunda-feira (24), uma nova feature para os utilizadores do serviço de streaming: uma lista com os 10 filmes e as 10 séries mais vistas no país em cada dia. Esta nova …

A Realidade Virtual pode ser a próxima terapia para tratar pânico, fobias e distúrbios

A Oxford VR, empresa britânica de realidade virtual, acaba de acumular mais de 13 milhões de euros para investir na terapia com a tecnologia do futuro. A companhia surgiu a partir do departamento de psiquiatria da …

Apple não deixa que vilões de filmes usem iPhones

A Apple não deixa que os vilões dos filmes de Hollywood usem os telemóveis iPhone no grande ecrã. Esta é apenas uma das empresas que não permite este tipo de coisa. Os filmes podem ter uma …

O coronavírus pode ser a "doença X" temida pelos especialistas

O coronavírus, que já matou 2.700 pessoas e infetou mais de 80 mil desde dezembro, está a tornar-se "rapidamente" no primeiro grande desafio pandémico do mundo, enquadrando-se nos moldes da "doença X" temida por especialistas. O …

Media Capital passou de lucros a prejuízos de 54,7 milhões

A Media Capital registou prejuízos de 54,7 milhões de euros no ano passado, contra lucros de 21,6 milhões de euros um ano antes, anunciou hoje a dona da TVI, que está em processo de compra …

Camas na classe económica dos aviões podem vir a tornar-se uma realidade

A companhia aérea neozelandesa Air New Zealand está a pensar incluir camas na classe económica de alguns dos seus voos mais longos. A ideia deverá avançar dentro de um ano. A companhia aérea neozelandesa Air New …

Temperatura do planeta pode estabilizar nos valores de há três milhões de anos

A temperatura no planeta pode estabilizar nos valores de há três milhões a cinco milhões de anos, caso a humanidade consiga estancar as emissões de gases com efeito de estufa até 2030, diz a especialista …

Operação Lex. Juiz Vaz das Neves arguido por corrupção e abuso de poder

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa Vaz das Neves é arguido na Operação Lex por suspeitas de corrupção e abuso de poder relacionadas com a distribuição eletrónica de processos, disse à Lusa fonte …