Tecnologia da NASA revela texto bíblico escondido nos Manuscritos do Mar Morto

Fragmentos de um possível novo texto bíblico nos Manuscritos do Mar Morto foram identificados graças a uma tecnologia desenvolvida pela NASA, a agência espacial norte-americana, no âmbito de uma investigação realizada em Israel.

Os Manuscritos do Mar Morto são uma colecção de centenas de textos e pedaços de textos bíblicos, escritos em Hebreu, Aramaico e Grego, que foram descobertos na década de 1950, nas grutas de Qumran, na zona da Cisjordânia, próximo do Mar Morto.

Estes pequenos fragmentos, com dois mil anos, que foram guardados em caixas de charutos, são considerados a versão mais antiga da Bíblia.

Para garantir a sua preservação para a posteridade, os fragmentos estão a ser digitalizados, através de fotografias de alta resolução que permitem detectar, por exemplo, manchas de tinta e detalhes na escrita não visíveis para o olho humano.

Investigadores da Autoridade das Antiguidades de Israel (AAI) e de outras instituições estão também a analisar os minúsculos fragmentos, em pele, com uma máquina digitalizadora de imagens em múltiplos espectros de luz, concebida pela NASA. Uma tecnologia que permitiu identificar o que parece ser um novo manuscrito que não tinha ainda sido detectado.

Este misterioso fragmento está escrito numa forma de hebraico primitivo, com uma caligrafia distinta de manuscritos encontrados anteriormente escritos nesta Língua, como explica ao jornal Haaretz o investigador Oren Ableman da AAI e da Universidade Hebraica de Jerusalém.

As descobertas foram apresentadas num simpósio internacional no Museu de Israel, em Jerusalém, para assinalar os 70 anos da descoberta dos Manuscritos do Mar Morto. Além deste novo possível fragmento revelado, foram exibidas as conclusões relativamente às investigações levadas a cabo a dezenas dos manuscritos encontrados.

Uma dessas descobertas reporta-se a um texto bíblico do Livro dos Salmos, designadamente à versão que era usada durante o chamado período do Segundo Templo, que terminou em 70 depois de Cristo, com a destruição de Jerusalém.

No início de Janeiro deste ano, uma das últimas partes dos Manuscritos que ainda permanecia por traduzir, foi decifrada por investigadores da Universidade de Haifa, em Israel. E em Março, o Museu de Israel expôs, pela primeira vez, um dos mais antigos e intrigantes manuscritos bíblicos que narra a partida de Noé após o dilúvio.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A religião é a mais diabólica invenção da Humanidade…, e a que mais males lhe tem causado!
    A religião é um cancro da sociedade que dela se alimenta, explora, instrumentaliza e lhe cerceia os direitos, liberdades e garantias.

RESPONDER

Devolução de manuais. Diretores acusam políticos de "brincar às escolinhas"

Os diretores escolares criticaram hoje o 'timing' da proposta de suspensão de devolução de manuais escolares, acusando os políticos de andar a “brincar às escolinhas” sem perceberem o trabalho que implica reutilizar milhões de livros. O …

Passageiros dos EUA e PALOP têm de apresentar teste negativo de covid-19

O Governo prorrogou várias medidas restritivas do tráfego aéreo com destino e a partir de Portugal, com novas orientações e exceções, num despacho publicado terça-feira em Diário da República. Segundo noticiou o Expresso, um comunicado do …

PGR angolana diz que Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal

Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal ou noutro país com acordos judiciários com Angola, no âmbito do processo-crime por alegada má gestão e desvio de fundos da Sonangol, disse à Lusa fonte da …

Autoridades descartam participação da milícia "Escritório do Crime" no caso Marielle Franco

O envolvimento da milícia conhecida como "Escritório do Crime" no homicídio da vereadora e ativista Marielle Franco chegou a ser investigado, mas foi descartado pela polícia brasileira. O delegado brasileiro Daniel Rosa, da cidade do Rio …

Desconfinamento não foi suficiente. Desemprego volta a subir em Espanha para valores de 2016

O número de desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego em Espanha voltou a aumentar em 5.107 pessoas em junho, uma desaceleração em relação a maio, atingindo um total de 3.862.883 espanhóis. De acordo com os …

Governo vai monitorizar discurso de ódio na Internet

O Governo vai monitorizar o discurso de ódio nas plataformas online, estando "em vias" de dar início à contratação pública de um projeto que deverá traduzir-se num barómetro mensal de acompanhamento e identificação de sites. Segundo …

Tribunal britânico decide que é Guaidó (e não Maduro) quem manda nas reservas de ouro da Venezuela

A justiça britânica decidiu esta quinta-feira que é o líder da oposição venezuelana Juan Guaidó e não o Presidente Nicolás Maduro quem tem autoridade sobre as reservas de ouro da Venezuela depositadas no Banco de …

Mistério resolvido. Cientistas descobriram como é que as cobras "voam"

Nem todas as cobras se movem arrastando-se discretamente pelo chão. Há uma cobra do género Chrysopelea que parece voar de árvore em árvore. Agora, os cientistas descobriram como é que estes animais se movem pelo …

Mais de 80 mil pessoas registaram-se na Segurança Social desde janeiro

O programa “Segurança Social na Hora”, criado em janeiro deste ano, abrangeu até ao momento 80.700 pessoas, de acordo com os dados divulgados pela ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS). Ana Mendes Godinho avançou …

Douro. Poluição regressa a valores anteriores ao estado de emergência

Os valores de contaminação do estuário do rio Douro, que durante o estado de emergência baixaram a níveis só vistos há mais de 30 anos, já regressaram aos valores pré-pandemia. As boas notícias "rapidamente se esfumaram". …