Nacional vs Benfica | Goleada ao ritmo de Pizzi

António Cotrim / Lusa

Goleada do Benfica na visita ao Nacional da Madeira, por 4-0. Num jogo em que controlou sempre as operações e mostrou maior qualidade na maior parte dos momentos de jogo, a equipa de Rui Vitória venceu com grande naturalidade, com dois golos em cada parte.

Mesmo sem um domínio territorial, a formação “encarnada” foi sempre muito mais acutilante em termos ofensivos, rematou muito mais e fez quatro golos em sete remates enquadrados.

O Jogo explicado em Números

  • Partida muito dividida nos minutos iniciais, com o Nacional a não permitir que o Benfica assumisse as rédeas do jogo. Nesta fase, os insulares registaram 51% de posse de bola, 82% de eficácia de passe, os “encarnados” os dois únicos remates até ao momento, ambos desenquadrados.
  • Aos poucos a formação lisboeta começou a criar mais perigo, assumindo mais o jogo. Aos 20 minutos somava já 55% de posse e quatro remates, mas todos sem a melhor direcção – muito por culpa de três terem acontecido de fora da área, fruto da boa organização defensiva dos homens da casa.
  • Até que o Benfica marcou mesmo. Aos 28 minutos, Salvio, em grande destaque nesta primeira parte, trabalhou bem e serviu Haris Seferovic. O ponta-de-lança suíço, isolado, não desperdiçou a ocasião para fazer o 1-0. Um tento ao sétimo remate benfiquista, segundo enquadrado. O Nacional registava apenas um, sem a melhor direcção.
  • Ljubomir Fejsa teve de sair aos 29 minutos, lesionado, dando lugar a Alfa Semedo. Ainda assim, a equipa benfiquista não perdeu o equilíbrio e manteve o domínio, com 53% de posse e facilidade em anular as investidas madeirenses. E o segundo golo surgiu ainda antes do descanso.
  • Os protagonistas foram os mesmos, mas com papéis invertidos. Seferovic fugiu pela esquerda, cruzou de pronto e, ao segundo poste, Salvio saltou e cabeceou como mandam as regras, de cima para baixo, para o 2-0.
  • Vantagem natural do Benfica ao intervalo, mercê de uma superioridade expressa em 52% de posse de bola.
  • Mas não foi nesse domínio que mais se notou a maior qualidade benfiquista, foi sim no ataque, onde os “encarnados” registaram dez remates, três deles enquadrados e dois golos, embora somente quatro dos disparos tivessem acontecido dentro da área do Nacional.
  • Os insulares pouco ou nada conseguiram em termos ofensivos nesta fase. O melhor em campo ao intervalo era Eduardo Salvio, com um GoalPoint Rating de 6.8. O argentino fez um golo em três remates, uma assistência em dois passes para finalização e foi sempre o elemento mais desequilibrador.
  • O Benfica regressou do descanso com a mesma toada ofensiva, registando dois remates nos primeiros 15 minutos do segundo tempo. O Nacional não quis ficar atrás e enquadrou o seu primeiro disparo aos 59, com Aleksandar Palocevic a obrigar Odysseas a boa defesa.
  • O Nacional conseguiu assumir mais o jogo a partir dessa altura, chegando aos 59% de posse de bola por volta dos 70 minutos. O Benfica passava a ter um pouco mais de espaço para as suas transições.
  • Não espantou, portanto, o 3-0, aos 76 minutos. Pizzi descobriu Álex Grimaldo na esquerda, com um grande passe, e este, após entrar na grande área, rematou cruzado para o fundo da baliza. Um golo que surgiu ao 15º remate benfiquista no jogo, quinto no segundo tempo.
  • O terceiro golo benfiquista acabou com as esperanças insulares. O Nacional deixou de mostrar a mesma energia em busca do golo, notando-se que o vencedor estava encontrado.
  • Apesar de ter perdido um pouco do domínio de jogo, o Benfica nunca deixou de controlar as operações, terminando por cima nos principais registos da partida e com mais um golo, já nos descontos, por Rafa.

O Homem do Jogo

O melhor em campo não fez nenhum dos quatro golos do Benfica. Mas foi verdadeiramente decisivo na goleada “encarnada” na Choupana. Eduardo Salvio brilhou intensamente na primeira parte, mas a consistência de Pizzi acabou por vir ao de cima, com um GoalPoint Rating de 7.6.

O médio português fez duas assistências em seis passes para finalização, registou uma eficácia de passe de 82% e recuperou a bola em nove ocasiões. Excelente exibição.

Jogadores em foco

  • Eduardo Salvio 7.4 – O argentino foi fundamental na fase de jogo que começou por definir a tendência do resultado. No primeiro tempo, Salvio foi o melhor, ao servir Seferovic para o 1-0 e ao fazer, ele próprio, o segundo da equipa. No final registou quatro remates, uma assistência em dois passes para finalização e quatro dribles eficazes em seis tentativas.
  • Haris Seferovic 6.8 – O suíço parece ter recuperado confiança. Após o jogo positivo em Salónica, Seferovic manteve a titularidade em fez uma excelente partida, com um golo, uma assistência em três passes para finalização e muita interveniência no futebol ofensivo “encarnado”.
  • Gedson Fernandes 6.6 – Diz-se e escreve-se que o jovem médio está desgastado com o início de época muito preenchido do Benfica. Mas a verdade é que não se nota no desempenho. O médio rematou três vezes, fez um passe para finalização, recuperou sete vezes a bola e fez nove desarmes.
  • Álex Grimaldo 6.0 – O espanhol fez um jogo discreto, muito por culpa do pouco trabalho que teve em termos defensivos. Mas na frente compensou, com um golo marcado, 91% de eficácia de passe e quatro dribles eficazes em seis tentativas.
  • Vítor Gonçalves 5.5 – O médio foi o melhor jogador do Nacional nesta partida. Sem grande presença ofensiva, registou 86% de eficácia de passe, recuperou três vezes a posse de bola e somou quatro acções defensivas.

Resumo


PARTILHAR

RESPONDER

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …