Myanmar. Junta militar anula resultados das eleições de 2020

Nyein Chan Naing / EPA

Militares entendem que a votação não foi “livre e justa”. Anúncio da anulação das eleições de 2020 não foi acompanhado de uma data para a realização de um novo ato eleitoral — tal como seria expectável.

Depois de em fevereiro ter organizado um golpe que retirou do poder Aung San Suu Kyi (Nobel da Paz), a junta militar birmanesa anunciou esta segunda-feira que os resultados do ato eleitoral seriam anulados por entender que a votação não decorreu de forma “livre e justa“. A comissão eleitoral justifica a decisão com uns alegados 11 milhões de casos de fraude detetados.

“A Liga Nacional para a Democracia (NLD) tentou tomar o poder em detrimento de outros partidos e candidatos, usando indevidamente as restrições da Covid-19“, disse Thein Soe, presidente da comissão eleitoral. “Não foi livre e justo, razão pela qual o resultado das eleições de 2020 foi anulado”, acrescentou.

A junta já tinha anunciado a intenção de convocar novas eleições nos próximos dois anos, apesar de até ao momento não ter sido avançada qualquer data — paralelamente, e tal como lembra a Lusa —, os militares também ameaçam dissolver o NLD.

Desde 1 de fevereiro, data do golpe, que Aung San Suu Kyi está detida por acusações de violação de restrições de saúde e importação ilegal de walkie-talkies, entre outras, que lhe podem valer mais de dez anos de prisão.

De acordo com as organizações não governamentais, mais de 900 pessoas perderam a vida desde fevereiro na sequência de ações violentas dos militares em protestos da população. A crise sanitária provocada pela pandemia está a ser especialmente trágica no país, com a junta a desviar oxigénio que se destinava aos doentes Covid-19 para hospitais militares, à semelhança do que aconteceu com as vacinas.

De acordo com informações divulgadas pelo Banco Mundial, a economia birmanesa deverá cair 18% em 2021.

ARM, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Marques Mendes defende expulsão de juiz negacionista da magistratura

Comentador avaliou negativamente o desempenho de Carlos Moedas nos debates com Fernando Media, elogiou António Costa, recomendou o uso de máscara na rua apesar do fim da obrigatoriedade e atirou-se ao lóbi das farmacêuticas. No seu …

Um Mundial a cada dois anos? Entre várias críticas, há quem o defenda com unhas e dentes

Um Mundial a cada dois anos e a concentração dos jogos internacionais em um ou dois períodos por ano? As opiniões dividem-se. Ultimamente tem-se discutido a possibilidade de mudar a periodicidade da realização do Campeonato do …

Hospital de Santa Maria está a realizar cirurgia inovadora no combate à obesidade

O Hospital de Santa Maria, em Lisboa, está a realizar uma nova cirurgia à obesidade que não implica incisões e requer menos tempo de internamento. Inovadora e revolucionária, a cirurgia realizada no Hospital de Santa Maria …

Premier League: ninguém vê pela TV os jogos das 15h. Porquê?

Se estiver a passar na televisão um Manchester United-Liverpool, as equipas mais pequenas terão as bancadas vazias. O argumento foi apresentado pelo presidente do Burnley, há mais de 50 anos. E a regra mantém-se. O assunto …

Alunos regressam às aulas — e professores já têm greve marcada para os primeiros dias

Cerca de 1,2 milhões de alunos do ensino obrigatório começam esta semana as aulas, que arrancam com uma greve anunciada num ano marcado pelo início do plano de recuperação de aprendizagens ainda em ambiente de …

Sporting atira-se ao VAR e reclama dois penáltis e uma expulsão

O Sporting contestou a atuação do VAR do encontro frente ao FC Porto, João Pinheiro. Em causa estão dois penáltis por assinalar e um cartão vermelho por mostrar. Rúben Amorim já só pensa no próximo jogo …

Exclusividade dos médicos ao SNS "nunca irá passar do papel", diz ex-ministro da Saúde

O antigo ministro da Saúde Adalberto Campos Fernandes considera que a questão da exclusividade dos médicos ao SNS "nunca irá passar do papel". Em contexto da pandemia de covid-19, a saúde tem sido um tema bastante …

Rosto de Neandertal que viveu há mais de 50 mil anos foi reconstruído (e pode ser visto ao vivo)

Krijn, o primeiro Neandertal encontrado na Holanda, ganhou agora uma nova vida, depois de uma equipa ter reconstruído o seu rosto. Em 2009, o Museu Nacional de Antiguidades da Holanda apresentou um fragmento de crânio do …

Em julho, quase 20% das chamadas para o SNS24 ficaram por atender

A linha de SNS24 atendeu 736 mil chamadas em julho, mas ficaram por atender quase 20%. De acordo com o jornal Público, que divulga os dados do Portal do Serviço Nacional de Saúde, no mês de …

Vamos lá contar os recordes de Emma Raducanu

Feito impensável? Maior momento de sempre no desporto britânico? Personalidade do ano? Abundam as análises à nova campeã do US Open, que não quer largar o troféu. Foi um dos maiores momentos da história do desporto …