Roma vai multar quem se sentar nas escadas da Praça de Espanha

jonaswitt / Flickr

Praça de Espanha, em Roma

Os turistas que visitem a capital italiana não vão poder sentar-se na famosa escadaria da Praça de Espanha, arriscando-se a uma multa de 250 euros.

As autoridades de Roma estão a ser acusadas de aplicar medidas “ao estilo fascista” depois de a polícia local ter começado a retirar os turistas que se sentam na famosa escadaria da Praça de Espanha, escreve o The Guardian.

A polícia começou a patrulhar a escadaria em mármore do século XVIII na terça-feira, usando apitos para afastar os turistas que planeavam sentar-se nos degraus da praça.

De acordo com o jornal britânico, quem não cumprir as regras arrisca-se a pagar uma multa de 250 euros, coima essa que pode chegar aos 400 euros caso seja provocado algum dano à escadaria, que é considerada pela Unesco património da Humanidade.

A medida está entre uma série de regras que começaram a ser reforçadas pelas autoridades locais em junho, que incluem por exemplo a proibição de comer junto aos monumentos, andar pela cidade em tronco nu, saltar para as fontes e arrastar malas com rodinhas e carrinhos de bebé pelas escadarias históricas.

“Proteger um monumento é uma coisa boa — e obviamente que ninguém deve comer nos degraus — mas a proibição de as pessoas se sentarem é realmente excessiva“, disse à agência de notícias AdnKronos Vittorio Sgarbi, crítico de arte controverso e ex-secretário de Estado da Cultura. “Parece-me uma medida ao estilo fascista que o município será forçado a rever”, acrescenta.

“Concordamos que as pessoas não devem acampar e comer nos degraus dos monumentos, porque o lixo normalmente é deixado lá”, afirma Tommaso Tanzilli, diretor em Roma da Federalberghi, a associação de hotéis italiana. “Mas criminalizar as pessoas por se sentarem, especialmente se forem idosas, é um pouco exagerado“.

O monumento, desenhado pelo arquiteto Francesco de Sanctis entre 1723 e 1726, passou por uma restauração em 2016 que custou 1,5 milhões de euros e que, na altura, foi financiada pela marca de luxo de joalharia Bulgari.

Medidas semelhantes estão a ser aplicadas noutras cidades italianas, como é o caso de Veneza. Em julho, dois turistas alemães foram multados em 950 euros e convidados a sair da cidade depois de terem sido apanhados a fazer café nos degraus da ponte Rialto.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O mesmo deveria ser feito por aqui, que com viagens low- cost, aliada à falta de cultura da maioria dos turistas que visitam a nossa capital somos obrigados a ter que lidar com verdadeiros animais arrogantes e porcos que a cada ano gastam menos dinheiro e tratam a nossa cidade como se fosse uma disneylãndia. Nãotendo gastronomia, comem e bebem na rua e deixam o lixo para nós apanharmos. São racistas, não tendo preferência por guias Portugueses, e fotografam-nos s/ licença como se fossemos figurantes.

RESPONDER

Morreu Bunny Wailer, derradeiro ícone do reggae

O cantor e percussionista jamaicano Bunny Wailer, uma lenda do reggae, morreu esta terça-feira, aos 73 anos, no Andrew’s Memorial Hospital de Kingston, o que marca o fim de uma época para este movimento musical. A …

Exilados sauditas sentem-se em perigo após dissidente desaparecer no Canadá

Exilados sauditas no Canadá temem que o dissidente que está de volta ao país de origem tenha sido forçado a revelar informações sobre a comunidade exilada. De acordo com o jornal Público, os exilados sauditas no …

Internamentos voltam a diminuir. Há mais 979 casos e 41 mortes

Portugal registou esta quarta-feira 979 novos casos de infeção por covid-19 e mais 41 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), nas …

Festas ilegais aumentaram nos últimos 15 dias. PSP já deixa avisos para a Páscoa

Numa altura em que a população já está confinada há mais de um mês, a tendência é cada vez mais para sair de casa e procurar algum contacto social. Por isso mesmo, a PSP já …

Pediatras pedem reabertura urgente das escolas. Professores querem ser consultados na elaboração do plano

A Sociedade Portuguesa de Pediatria defende a reabertura urgente das escolas especialmente o ensino pré-escolar e nos 1º e 2º ciclos do ensino básico, chamando a atenção para as consequências do fecho no desenvolvimento das …

Ventura propõe tirar subvenções a políticos condenados a mais de três anos de prisão

O deputado único do Chega entregou esta terça-feira no parlamento um projeto de lei para retirar, incluindo retroativamente, as subvenções vitalícias a ex-titulares de cargos políticos condenados por crimes "com pena de prisão superior a …

PGR analisa carta que culpa o Governo por "borla fiscal" à EDP na venda de barragens

O Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) está a analisar uma carta do Movimento Terra de Miranda que questiona a autorização dada pelo Governo à venda de seis barragens transmontanas por parte da …

Biden prevê vacinas para todos os adultos antes do fim de maio

Joe Biden assegura que até maio o país terá vacinas suficientes contra o covid para todos os adultos do país, dois meses antes do previsto. O presidente do EUA anunciou que até ao final de maio …

Pandemia não é “uma competição ou um concurso de beleza entre países”

O presidente da Aliança Global para as Vacinas (GAVI), Durão Barroso, defende que o processo de vacinação mundial contra a covid-19 não deve ser “uma competição ou um concurso de beleza entre países” e lança …

Sarkozy admite recorrer ao Tribunal Europeu dos Direitos Humanos

O ex-Presidente francês admite recorrer ao Tribunal Europeu dos Direitos Humanos contra a sua condenação a três anos de detenção, um em prisão efetiva, por corrupção e tráfico de influência. Numa entrevista ao jornal Le Figaro, …