As mudanças climáticas estão a contribuir para a alteração do sabor do café

Há muito tempo que se tem conhecimento que as mudanças climáticas têm tido um impacto negativo no ambiente e na população, o que não se sabia é que este fenómeno também afeta o sabor do café.

De uma forma geral, todas as plantas têm uma temperatura ideal para que se possam desenvolver da melhor forma, mas o aquecimento global tem vindo a ameaça-las, sobretudo as mais sensíveis a alterações.

De acordo com um novo estudo, a situação é preocupante para todos aqueles que dependem do café para ter o seu sustento – ou apenas para acordar.



Os dois estudos divulgados na semana passada, e publicados na Scientific Reports, investigaram as consequências do aquecimento global para os principais produtores de café da Colômbia e da Etiópia. Embora nenhum dos dois preveja uma queda na produção, ambos levantaram preocupações de outro tipo.

Provavelmente, a Etiópia irá ter um aumento na quantidade de café que produz ao longo deste século, revela Abel Chemura, um dos autores do estudo. Contudo, como diz o velho ditado, quantidade não é sinónimo de qualidade, e é aqui que os produtores de café daquele país podem perder.

“A área para cultivar café pode aumentar gradualmente até à década de 2090, de acordo com as simulações de computador”, referiu Chemura num comunicado. “No entanto, mais não é melhor. Porque, por outro lado, a área adequada para tipos de cafés especiais de alta qualidade, que são valorizados pelas suas notas florais, frutadas e picantes, provavelmente irá diminuir se as mudanças climáticas continuarem a evoluir”, referiu.

Conhecida por ser o berço original do café, a Etiópia mantém variedades desconhecidas em outros lugares, como a Yirgacheffe – que pode perder 40% da sua faixa de cultivo se o aumento das temperaturas continuar com a trajetória atual.

Além dos efeitos negativos em pequenas regiões conhecidas pelas suas variedades distintas, as temperaturas mais altas aceleram a maturação da cereja do café mais rapidamente do que a do grão, resultando num café de qualidade inferior.

Como observou Chemura, este não é um problema apenas para quem valoriza o café pelo seu sabor intenso. Também será uma dor de cabeça para os produtores que dependem de preços de cafés mais caros para compensar os pequenos rendimentos.

Na Colômbia, as notícias são mais animadoras para os consumidores, mas igualmente más para alguns agricultores, diz o IFL Science.

“Locais de baixa altitude deverão ser afetados negativamente pelas mudanças climáticas, e milhares de produtores irão ver o seu sustento ser prejudicado, pois a produtividade irá cair”, disse Federico Ceballos-Sierra, que publicou uma avaliação em Sistemas Agrícolas.

Segundo Chemura, o clima afeta a produção de café de várias formas, o que inclui temperatura, precipitação e humidade.

Coletivamente, estes fatores indicaram que cinco das seis áreas especializadas no cultivo de café na Etiópia irão sofrer uma redução de rendimentos e serão forçadas a mudar para variedades mais baratas.

Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. De facto a pior notícia que jamais vi. Sem café que sabe a café nada tem piada.
    Agora estou convencido que o aquecimento global é mesmo muito perigoso

RESPONDER

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …

Chuvas torrenciais fazem mais de uma centena de mortos na Índia

Pelo menos 136 pessoas morreram na Índia, em consequência de chuvas torrenciais que assolaram o país e causaram fortes enchentes e deslizamentos de terra, enterrando casas e submergindo ruas. Numa altura em que as alterações climáticas …

China inaugurou o comboio mais rápido do mundo

O comboio-bala maglev, que pode atingir uma velocidade de 600 quilómetros por hora, fez a sua estreia em Qingdao, na China, esta semana. Tal como conta a cadeia televisiva CNN, este comboio-bala maglev foi desenvolvido pela …

Quatro portugueses detidos em Espanha por alegada violação de duas mulheres

A polícia espanhola anunciou, este sábado, ter detido quatro cidadãos portugueses por suposta violação múltipla e abusos sexuais a duas mulheres de 22 e 23 anos, numa pensão em Gijón, no norte do país. Segundo a …

Stonehenge pode perder estatuto de património mundial da UNESCO

Depois de Liverpool, também Stonehenge pode perder o estatuto de património mundial da UNESCO. O aviso surge após o secretário dos transportes, Grant Shapps, ter dado luz verde aos planos de construção de um túnel …

Mais 20 mortes e 3396 casos de covid-19. Não havia tantos óbitos desde março

Portugal registou, este sábado, mais 20 mortes e 3396 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3396 novos …

"Integral confiança". Chega segura militantes acusados de agredir homossexual

O Chega anunciou, esta sexta-feira, que mantém "integral confiança" nos candidatos e estruturas local e distrital de Viseu, referindo que só se pronunciará sobre alegadas agressões de motivação homofóbica naquela cidade depois de apurados os …

Há dezenas de autarcas envolvidos em processos sem fim à vista

Dezenas de autarcas foram neste mandato acusados por corrupção, negócios imobiliários duvidosos e abuso de poder, entre outros, em processos judiciais que se arrastam, na maioria, sem desfecho à vista a dois meses de novas …