Moscovo acusa Washington de treinar jihadistas na Síria

theglobalpanorama / Flickr

A Rússia acusou, este sábado, os Estados Unidos de treinarem centenas de jihadistas perto de um campo de refugiados na cidade de Al Hasaka, noroeste da Síria, para lançar uma nova contraofensiva contra o Estado sírio.

“Sob o comando de instrutores norte-americanos das forças operacionais especiais está-se a criar uma nova unidade chamada ‘Novo Exército Sírio’ a partir de grupos de terroristas dispersos”, informou o Centro para a Reconciliação da Síria russo num comunicado.

A nota oficial sublinha que o referido centro de treino se situa nas imediações do campo de refugiados que está a 20 quilómetros a noroeste da cidade de Al Shadadi, em Hasaka.

“Segundo os testemunhos de refugiados que regressaram a casa, os instrutores norte-americanos anunciaram que quando estiverem concluídos os treinos as unidades serão dispersas no sul da Síria para lutar contra as forças governamentais“, adianta.

Os refugiados asseguram que o referido centro funciona há mais de meio ano e é utilizado pela coligação internacional liderada por Washington “como base de treino para terroristas que chegam de diferentes partes da Síria”.

“Atualmente nos arredores do campo de refugiados estão concentrados cerca de 750 terroristas” procedentes de várias zonas da Síria, refere a nota.

Depois de ter proclamado a “derrota completa” do Estado Islâmico na Síria, o Presidente russo, Vladimir Putin, visitou na última segunda-feira pela primeira vez a base aérea russa naquele país árabe.

Hoje, o secretário de Defesa norte-americano, Jim Mattis, também alertou para voos perigosos de caças russos sobre o que é considerada uma zona segurança na Síria, questionando-se sobre se o incidente foi um erro de voo ou deliberado.

Mattis disse aos jornalistas que os EUA e a Rússia ainda estão a usar uma linha telefónica para coordenar os voos sobre o movimentado céu sírio, já que a coligação liderada pelos americanos pretende eliminar os militantes remanescentes do grupo terrorista.

Dois caças russos Su-25 voaram através de uma linha não oficial que separa as forças aéreas russas e norte-americanas no leste da Síria, na quarta-feira, chegando perigosamente perto de aeronaves dos Estados Unidos.

Os aviões de combate F-22 da Força Aérea dos EUA, em resposta a esta ação, lançaram avisos de advertência. Jim Mattis declarou que não espera perfeição nos voos, mas também não quer manobras perigosas.

O secretário da Defesa afirmou que não está claro se este incidente foi deliberado ou um erro, um voo desleixado.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"É com Vieira que o FC Porto consegue tirar a final da Taça do Jamor"

Rui Gomes da Silva, candidato à presidência do Benfica, apontou baterias ao atual presidente das águias, Luís Filipe Vieira, poucas horas depois de a Federação Portuguesa de Futebol ter anunciado que a final da Taça …

Rui Rio propôs fim dos debates quinzenais sem consultar deputados

A bancada do PSD só recebeu as propostas do partido para alterar o regimento da Assembleia da República mais de 24 horas depois do anúncio feito por Rui Rio, na terça-feira, no Porto. Rui Rio, líder …

TAP escapa à nacionalização. Estado assume controlo com 72,5% da companhia

O Estado e os acionistas privados da TAP estão perto de chegar a acordo, devendo a companhia aérea escapar à nacionalização. Ainda não há fumo branco, mas o acordo sobre o futuro da TAP deverá …

Encontradas 115 crianças enterradas com moedas na boca na Polónia

Trabalhadores que construíam uma nova estrada na Polónia encontraram os restos de 115 corpos de crianças enterras com moedas na boca. Durante os trabalhos de construção de uma autoestrada em Jezowe, na Polónia, trabalhadores descobriram restos …

À frente de Figo, Futre e Ronaldo. Joelson é o terceiro mais novo de sempre a estrear-se pelo Sporting

O Sporting venceu esta quinta-feira na receção ao Gil Vicente, por 2-1, no jogo de encerramento da 29.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol. A partida marcou também a estreia do jovem extremo Joelson …

Austrália pondera dar refúgio a quem abandone Hong Kong

O primeiro-ministro australiano disse esta quinta-feira que o Governo está a ponderar dar refúgio aos residentes de Hong Kong que desejem abandonar a ex-colónia britânica devido à nova lei de segurança nacional imposta por Pequim. Scott …

Vieira ainda sonha com Jesus (e a Libertadores pode ajudar no regresso)

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, não desistiu de voltar a colocar Jorge Jesus no comando técnico da equipa da Luz e, caso a Taça dos Libertadores não seja realizada, o regresso do treinador …

Marta Temido garante que não há descontrolo em Lisboa (mas assume falhas)

Em entrevista à RTP, a ministra da Saúde garantiu que não há "descontrolo" na evolução da pandemia na região de Lisboa e Vale do Tejo, mas sublinhou que se trata de uma "situação de sobressalto, …

A genética ajuda a determinar o quão afetuosas são as mulheres (mas não os homens)

A genética desempenha um papel importante no nível de afetividade das mulheres, mas o mesmo não acontece entre os homens, concluiu uma nova investigação científica levada a cabo com gémeos. Na nova investigação, recentemente publicada …

Prémio para profissionais do SNS é "uma esmola". "Mais valia terem estado quietos"

Ana Rita Cavaco, bastonária da Ordem dos Enfermeiros, diz que a proposta que prevê prémios e mais férias para os profissionais de saúde é uma "afronta" para enfermeiros. Para a bastonária da Ordem dos Enfermeiros, a …