Morte de bebé no hospital da Guarda investigada por alegada falta de assistência

A administração da Unidade de Saúde Local da Guarda está a investigar o caso de uma mulher que, esta quinta-feira, perdeu a sua bebé, depois de só ter sido atendida por um obstetra uma hora e meia depois.

Segundo o Jornal de Notícias, a mulher em final de gestação deu entrada no Hospital da Guarda, esta quinta-feira, com perdas de sangue. No entanto, terá estado uma hora e meia à espera do obstetra, que só chegou quando já não havia nada a fazer.

A administração da Unidade de Saúde Local da Guarda já abriu um processo para apurar responsabilidades pela morte da bebé, por alegada falta de assistência.

De acordo com o JN, a mulher só tinha cesariana agendada para o próximo dia 27 mas, naquela manhã, decidiu deslocar-se ao serviço de obstetrícia, onde acabou mesmo por entrar em trabalho de parto.

Em conferência de imprensa, a administração do hospital recusou-se a confirmar qualquer cenário, declarando que já foi aberto um inquérito.

“Esta situação precisa de ser observada por alguém externo. Não posso estar a dizer algo que não está provado ainda”, explicou o diretor clínico, citado pelo Correio da Manhã. O corpo da bebé foi entretanto transportado para o Instituto de Medicina Legal do Porto.

Escreve o CM que a mulher, de 39 anos, estava grávida de uma menina, depois de ter recorrido a vários tratamentos para conseguir engravidar.

ZAP //

2 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma notícia envolvendo este hospital pelos piores motivos….

    Sou de Coimbra mas de “ascendência” da Beira Alta terra de boa gente; tenho no entanto muita vergonha por, desde pequeno, ouvir dizer muito mal deste hospital….estes últimos meses então têm sido profíquos em desgraças….

    A ideia com que fico das notícias destes útlimos tempos é a de que tudo se deve a razões economicistas, que não contratam/pagam o necessário para que este tipo de tragédias ocorra…

    Sr Ministro, veja o histórico deste hospital e aja…puna severamente quem põe dinheiro à frente da saúde

    ps. não tenho nem nunca tive qualquer afiliação com este o outro hospital, nem tão pouco trabalho em saúde; esta notícia foi apenas o transbordar do copo talvez por imaginar o sofrimento desta família que tanto terá penado, através de PMA’s e não só para poder ser pais….o que aconteceu é de uma injustiça indescritível

  2. Uma triste noticia que envolve o Hospital da Guarda. O meu filho nasceu há quase um ano na maternidade do Hospital da Guarda e só posso dizer bem deste Hospital. As aulas de preparação para o parto nesta instituição foram sem duvida uma grande ajuda, muito esclarecedoras. A médica que seguiu a minha esposa foi incansável, uma excelente profissional. Enquanto a minha mulher lá esteve internada vi que toda a equipa se preocupava com o bem estar das mães e dos bebés. É de facto uma das melhores maternidades do país!

    Esta situação é desoladora, é necessário apurar factos e responsabilidades e perceber o que falhou.

RESPONDER

Condenado ex-agente secreto alemão que fingia ser um terrorista

Um tribunal alemão condenou, esta terça-feira, um antigo agente dos serviços secretos alemães a uma pena suspensa de um ano por ter tentado partilhar informação confidencial com grupos radicais salafistas na Internet. Segundo a Deutsche Welle, o …

Mosquito do dengue detetado pela primeira vez em Portugal

Uma espécie de mosquito que é transmissor do vírus da dengue foi identificado pela primeira vez em Portugal, na região Norte do país, anunciou esta quarta-feira a Direção-geral da Saúde (DGS) e o Instituto Doutor …

Organização de Direitos Humanos denuncia abuso sexual de menores na Coreia do Norte

A organização Human Rights Watch (HRW) instou esta quarta-feira as Nações Unidas a pressionarem a Coreia do Norte para prevenir e investigar os abusos sexuais a menores, crime que o regime de Pyongyang diz não …

Cidadão de Baião é candidato pela CDU à Câmara e pelo PSD em freguesia

Em Baião, distrito do Porto, há um cidadão que se candidata à Câmara pela CDU e a uma Junta de Freguesia pelo PSD, nas autárquicas do próximo 1 de Outubro, confirmou a Lusa no tribunal …

MAI ordena à Proteção Civil auditoria para verificar todas as licenciaturas

O secretário de Estado da Administração Interna ordenou à Autoridade Nacional de Proteção Civil que realize uma auditoria para verificar as licenciaturas de todos os dirigentes e elementos da sua estrutura operacional, que deve estar …

Theresa May quer pagar 20 mil milhões de euros para saldar saída da UE

A primeira-ministra britânica vai propor o pagamento de 20 mil milhões de euros para saldar a separação entre o Reino Unido e a União Europeia, segundo fontes conhecedoras do tema citadas pelo jornal Financial Times. Olly …

BE quer que menores possam contestar em tribunal pais que lhes neguem mudança de sexo

Menores de 16 anos de idade a requerer mudanças de sexo, sem ser obrigatório apresentar um relatório médico, e a mover acções judiciais contra a eventual recusa dos pais em iniciarem esse processo. Estas são …

Ao primeiro dia de campanha, Catarina e Jerónimo já trocam farpas

A paz no seio da geringonça parece "ferida de morte" depois das declarações azedas trocadas entre Jerónimo de Sousa e Catarina Martins, líderes de PCP e Bloco de Esquerda. E tudo por causa das eleições …

Funcionária da PJ acusada de desviar 178 mil euros em barras de ouro

Uma funcionária da Polícia Judiciária foi acusada de, juntamente com o seu companheiro, aceder ao cofre desta força policial para se apropriar de objectos em ouro, nomeadamente de duas barras daquele metal precioso avaliadas em …

André Ventura foi a um bairro de ciganos, mas evitou-os

No primeiro dia de campanha, André Ventura visitou o bairro Quinta da Fonte, uma das zonas de Loures que o candidato considera ter maiores problemas com a insegurança. Segundo os jornais que o acompanharam, o …