Morreu Jerry Lewis

Guillaume Horcajuelo / EPA

Jerry Lewis em Cannes em 2013

O humorista, ator, realizador, produtor e argumentista Jerry Lewis, de 91 anos, um dos mais célebres comediantes da década de 1950, morreu hoje em Las Vegas, no Estado do Nevada, anunciou o seu agente.

Vedeta da comédia norte-americana, nas décadas de 50 e 60 do século XX, Jerry Lewis, o Rei da Comédia, como era conhecido, morreu em Las Vegas, aos 91 anos.

A notícia da sua morte foi dada em primeira mão no Twitter por John Katsilometes, colunista do Las Vegas Review-Journal. Pouco depois, o Variety, através do agente do ator, e o Deadline, que cita um depoimento da família, confirmaram o óbito, que terá ocorrido às 09h15, hora local.

Jerry Lewis iniciou a carreira ao lado do cantor Dean Martin, na década de 1940, e na década de 1960 protagonizou comédias como “The BellBoy” (1960) ou “The Nutty Professor” (1963).

A parceria entre os dois foi um enorme sucesso, durou uma década, gerou 17 filmes e enormes receitas de bilheteira, incluindo “O Grande Jogador” (1953), “O Rei do Circo” (1955), ou “O Barbeiro e o Professor”.

A solo, Lewis continuou a obter o favor do público com o seu estilo de humor físico, vozes exageradas e caretas. “Jerry no Grande Hotel” (1960), “Cinderelo dos Pés Grandes” (1960), “O Mandarete” (1961), “As Noites Loucas do Dr. Jerryll” (1963), “Jerry, Enfermeiro sem Diploma” (1964), “Jerry e os Seis Tios” (1965) e “Onde Fica a Guerra?”(1970) são os títulos que mais se destacam deste período da sua carreira.

Em 1971, um projeto sério e ambicioso marcou-o para sempre. “The Day the Clown Cried“, sobre um palhaço aprisionado pelos nazis que acompanha as crianças judias à morte nos campos de concentração, nunca estreou.

Os executivos que o viram pela primeira vez ficaram horrorizados e a obra deslizou para um limbo do qual nunca mais saiu. Só em 2013 chegaram a público algumas cenas isoladas, mas o filme completo nunca foi exibido. Em outubro do ano passado, 46 anos depois de filmado, um documentário da BBC divulgou algumas das cenas do filme.

Lewis nunca mais teria o brilho de outrora. O seu humor, cada vez mais fora de moda, valeu-lhe fracasso após fracasso. Só a sua maratona televisiva anual de angariação de fundos para a Associação de Distrofia Muscular teve sucesso, e tornou-se numa tradição junto dos espectadores norte-americanos.

Lewis nunca explicou porque se dedicou a esta causa, que lhe valeu o prémio humanitário Jean Hersholt na cerimónia dos Óscars, em 2009. “O importante é fazê-lo, não porque é que o faço”.

O último grande papel de Jerry Lewis surgiu em 1982, na companhia de Robert DeNiro em “O Rei da Comédia“, de Martin Scorsese.

Bastante mais apreciado pela crítica francesa do que na imprensa norte-americana, Lewis viu-se elevado ao estatuto de autor pelos Cahiers do Cinema e foi condecorado com a Legião de Honra, em 1984.

Com duas estrelas na Calçada da Fama, ganhou prémios honorários incluindo o American Comedy Awards, The Golden Camera, Los Angeles Film Critics Association e do Festival de Venice.

Casado duas vezes, com Patti Palmer e Sandra Pitnick, deixa cinco filhos da primeira união e uma filha da segunda.

ZAP // Lusa / Filmspot

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Na China, é ilegal pedir comida em excesso nos restaurantes

A China aprovou uma lei anti-desperdício de alimentos que proíbe clientes de restaurantes de pedirem mais do que precisam, uma legislação abrangente pode prejudicar a experiência de comer fora de casa. A lei, que entrou em …

Sindicato de pilotos denuncia pedidos da TAP para voos em folga

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) denunciou pedidos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) para que alguns trabalhadores efetuem voos em dias de folga, ao mesmo tempo que afirma ter pilotos em excesso. Num email …

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …

Cimeira Social. Jerónimo de Sousa diz que não se respondeu aos verdadeiros problemas

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este sábado, no Porto, que a Cimeira Social da União Europeia não respondeu às necessidades associadas ao emprego, à valorização dos salários e ao fim da precarização …

Babbage escreveu uma carta a Tennyson. Exigia a "correção matemática" de um poema

A perspicácia matemática de Charles Babbage levou-o a escrever uma carta ao poeta Alfred Tennyson, que exigia, de certa forma, rigor e precisão no poema The Vision Of Sin. Charles Babbage é conhecido como o pai …

Covid-19: Portugal com uma morte e 324 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje uma morte atribuída à covid-19, 324 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e uma ligeira subida no número de internamentos em enfermaria, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o …

Roma já tem uma máquina de venda automática de pizza

A capital italiana tem agora uma máquina de venda automática que faz pizzas em apenas três minutos. Os preços variam de 4,50 aos seis euros (e as opiniões sobre esta ideia também). Raffaele Esposito, o napolitano …

Morreu Bo, o cão de água português de Barack Obama

Bo, o cão de água português que o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, adotou em 2009 morreu este domingo com 13 anos, em consequência de um cancro, anunciou o político nas redes sociais. O cão …