Mistério de “ilha mágica” em lua de Saturno intriga astrónomos

NASA / JPL-CALTECH / USGS

Titã terá lagos de hidrocarbonetos e uma atmosfera espessa

Titã terá lagos de hidrocarbonetos e uma atmosfera espessa

Há algum tempo que os cientistas estão intrigados com um fenómeno – que tem sido chamado de “ilha mágica” – observado em julho do ano passado pela sonda Cassini, da Nasa, em Titã, a maior lua de Saturno.

A sonda observou a “ilha” – na realidade, uma mancha brilhante – durante um voo sobre Ligeia Mare, um lago de metano e etano do pólo norte de Titã.

Mas nas passagens seguintes da sonda, a ilha tinha desaparecido.

Agora, um estudo publicado na Nature Geoscience defende que a mancha pode ter sido causada tanto pela presença de icebergs na região, quanto pelo reflexo de ondas do lago ou gases que teriam emanado de suas profundezas.

d.r. U.Cornell

Jason Hofgartner, investigador de exploração planetária da Universiade de Cornell

Jason Hofgartner, investigador de exploração planetária da Universiade de Cornell

“Ilha mágica é o termo coloquial que estamos a usar para nos referir a esse fenómeno, mas na realidade não achamos que se trata de uma ilha”, explica Jason Hofgartner, da Cornell University, em Nova York, um dos autores do estudo.

Hofgartner afirma que, como a luminosidade apareceu e desapareceu muito rapidamente, é improvável que tenha sido causada por uma ilhota vulcânica.

“Temos quatro hipóteses diferentes para explicar as causas desse fenómeno: ondas, bolhas de gás, sólidos flutuantes e sólidos em suspensão”

Importância científica

A maior lua de Saturno chama a atenção dos cientistas por ter características muito semelhantes às da Terra.

Titã tem, por exemplo, uma atmosfera espessa, além de uma superfície moldada por ventos e chuvas, com rios, mares e dunas.

As montanhas e dunas de Titã, porém, são feitas de gelo, não de rochas ou areia. E em vez de água, os lagos são formados por hidrocarbonetos líquidos.

Os mares e lagos de sua região polar, por exemplo, são repletos de metano e etano, substâncias gasosas na Terra, mas que nas temperaturas típicas de Titã – de 180ºC negativos – existem em estado líquido.

Titã também tem algo semelhante às estações do ano da Terra, embora o seu ciclo sazonal seja de 30 anos.

Com a aproximação do solstício de verão em Titã, que será em maio de 2017, o nível de atividade atmosférica no norte dessa lua tende a crescer.

“À medida em que o verão se aproxima, mais energia do sol é depositada no hemisfério norte de Titã”, diz Hofgartner.

NASA

Titã, gémea da Terra

Titã, gémea da Terra

Os ventos da região também tendem a ficar mais fortes, causando ondas na superfície de seus lagos e mares.

São estas ondas a primeira das possíveis explicações para a “ilha mágica” – até porque os cientistas já encontraram provas de ondas em outro lago da lua, conhecido como Punga Mare.

Hipóteses

A segunda explicação possível é que a mancha de luz, ou “ilha mágica”, poderia ter sido causada por sólidos flutuantes – os icebergs.

Esses icebergs não poderiam ser formados por gelo de água, porque afundariam no mar de hidrocarboneto líquido. Seriam, portanto, de uma mistura congelada de metano e etano.

Já os sólidos em suspensão – a terceira possível causa da mancha de luz – poderiam ser poliacetileno, um composto orgânico de baixa densidade que os cientistas acreditam fazer parte da atmosfera de Titã.

A última hipótese é que a luminosidade que a Cassini observou tenha sido provocada por gases a emergir de fissuras vulcânicas submarinas para a superfície de seu lago.

Mais observações e estudos são necessários, porém, para que se determine quais destas hipóteses são mais prováveis.

“Parece que algo está a acontecer em Ligeia Mare. Titã não para de nos surpreender”, diz John Zarnecki, professor emérito da Open University de Milton Keynes, co-autor de um estudo sobre a altura das ondas em Titã.

“Esta é mais uma prova de que precisamos de voltar para lá com uma missão, preferivelmente para pousar num dos mares de Titã. Só então entenderemos o que está a acontecer nesse lugar incrível.”

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Ensino Superior com mais concursos para professores em 2019

As instituições de Ensino Superior abriram, em 2019, mais 948 concursos para a carreira docente do que em 2018, anunciou, esta quinta-feira, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. De acordo com uma nota do …

Paulo Gonçalves. Seguradoras atrasam autópsia e trasladação do corpo para Portugal

Paulo Gonçalves faleceu no domingo, aos 40 anos, na sequência de uma queda sofrida ao quilómetro 273 da sétima de 12 etapas do Rali Dakar. Exigências das seguradoras quanto a despistes toxicológicos ao corpo de Paulo …

Estivadores vão fazer greve em Setúbal e ameaçam fazer o mesmo em Lisboa

O Sindicato dos Estivadores e Atividade Logística (SEAL) revelou esta sexta-feira que vai entregar já na segunda-feira um pré-aviso de greve no Porto de Setúbal e ameaça fazer o mesmo no Porto de Lisboa. “Os trabalhadores …

Segundo maior diamante transforma-se em joias Louis Vuitton

Depois de cortado e polido, o segundo maior diamante da história será transformado numa coleção de joias da Louis Vuitton. A Lucara Diamond encontrou o diamante Sewelo, de 1.758 quilates, na sua mina do Botswana, no …

Filho do presidente da Câmara de Pedrógão Grande "sem memória" no caso da reconstrução de casas

O adjunto do presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Telmo Alves, que também é filho do autarca, disse em Tribunal que desconhece o processo de reconstrução das casas ardidas no incêndio no concelho, em 2017, …

Joacine não está inscrita no congresso do Livre

De acordo com o semanário Expresso, a deputada única do Livre não se inscreveu na reunião magna do partido, que se realiza este fim de semana, em Lisboa. A deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, e …

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE aos contratos individuais do Estado e aos precários regularizados no PREVPAP, disse Alexandra Leitão, esta sexta-feira, no Parlamento. A ministra da Modernização do Estado e da Administração …

Países "lutam" por fundos europeus para neutralizar emissões de carbono

Um novo fundo de 100 mil milhões destinado a neutralizar as emissões de dióxido de carbono na Europa até 2050 está em disputa por vários países. A Comissão Europeia quer implementar um fundo de 100 mil …

Tribunal japonês suspende atividade de reator nuclear que tinha recebido luz verde

Um tribunal no Japão ordenou esta sexta-feira que o reator nuclear da central de Ikata (oeste do país) pare por razões de segurança, numa decisão que revoga uma anterior que deu luz verde ao seu …

Panamá. Sete corpos encontrados em vala comum em área indígena controlada por seita religiosa

Os corpos de sete pessoas foram encontrados na quinta-feira numa vala comum numa área indígena do Panamá controlada por uma seita religiosa, entre eles o de uma grávida e cinco dos seus filhos. Outras 15 …