Ministro do Ambiente garante que Espanha cumpriu Convenção de Albufeira

Manuel Araújo / Lusa

O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, intervém no Workshop “Gestão da água nos rios internacionais: novos desafios e oportunidades”.

Depois das acusações da associação ZERO, o ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, disse que Espanha cumpriu a Convenção de Albufeira entre Portugal e Espanha, tendo assegurado todos os caudais acordados para o Douro, Tejo e Guadiana com “pequeníssimas exceções”.

“Portugal reconhece que, este ano que passou, Espanha cumpriu a Convenção de Albufeira com pequeníssimas exceções e fez um grande esforço para poder cumprir”, disse o governante, no final do workshop Gestão da água nos rios internacionais: novos desafios e oportunidades, que contou com a participação da homóloga espanhola, no Porto.

João Pedro Matos Fernandes explicou que, no que diz respeito ao Guadiana e ao Douro, Espanha cumpriu a 100% os parâmetros, enquanto no Tejo, onde há obrigações de caudais semanais, trimestrais e anuais, houve “uma única” semana, na qual o débito da água não foi o esperado, devido a umas obras numa barragem, tendo sido “compensado largamente” na semana seguinte.

“O nível de pluviosidade foi de 66% daquilo que é a média em Espanha, que atravessa uma situação de seca tão grave como a nossa, bastava que fosse de 65% para que Espanha pudesse pedir uma condição de exceção e não pediu”, frisou.

Na segunda-feira, a ZERO Associação Sistema Terrestre Sustentável defendeu a revisão e melhoria da Convenção de Albufeira entre Portugal e Espanha, alertando que o país vizinho não tem assegurado todos os caudais acordados.

Contactada pela agência Lusa, a vice-presidente da ZERO, Carla Graça, indicou que a associação avaliou os registos dos caudais destes rios em 2016 e 2017, e concluiu que houve vários períodos em que não foram assegurados.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Segunda vítima mortal nos protestos de Hong Kong. Xi Jinping condena manifestações

O quarto dia consecutivo de protestos ficou marcado pela morte de um homem de 70 anos. Esta é a segunda vítima mortal desde o início das manifestações em Hong Kong. De acordo com a imprensa internacional, …

Governo prepara dois novos escalões de IRS para a classe média

O primeiro-ministro afirmou esta quinta-feira que o objetivo do Governo no próximo Orçamento é dar “um primeiro passo” para conferir uma maior progressividade no IRS e diminuir o peso deste imposto sobre os vencimentos da …

Dois procuradores do caso Tancos vão sair do DCIAP

Os procuradores Vítor Magalhães e João Valente, da equipa que investigou o caso Tancos, vão sair do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) no âmbito do movimento de magistrados do Ministério Público (MP), …

Cerca de 40% dos hospitais têm ruturas diárias de medicamentos

Os preços "excessivamente baixos dos medicamentos genéricos" são a causa mais importante identificada pelos hospitais para as ruturas de fornecimento. Quase 40% dos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) indicam ter diariamente ruturas no fornecimento …

Secretário de Estado: despenalizações como a que absolveu o Benfica vão terminar. "Será inapelável"

João Paulo Rebelo assegurou que a entrada em vigor da lei de combate à violência no desporto evitará situações como a que levou à recente anulação do castigo imposto ao Benfica. O secretário de Estado da …

Morales quis dialogar. Presidente interina da Bolívia mandou-o calar-se

O ex-Presidente Evo Morales ofereceu-se para regressar à Bolívia para "ajudar a pacificar o país, não para ser candidato", mas Jeanine Añez, que assumiu a presidência interina do país, respondeu que Morales não pode participar …

Cientistas reconstruiram a cara mutilada de uma guerreira Viking

Um esqueleto encontrado num cemitério Viking em Solør, na Noruega, tinha sido identificado como sendo de uma mulher há vários anos, mas os especialistas não tinham a certeza se tinha sido verdadeiramente uma guerreira. Agora, a …

Banco de Portugal vai pagar ao Estado valor recorde em dividendos em 2020

O Banco de Portugal deverá pagar ao Estado cerca de 550 milhões de euros em dividendos em 2020. Este é o montante que está em cima da mesa, mas ainda é prematuro calcular o valor. A remuneração …

Governo aprova salário mínimo de 635 euros para 2020

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o aumento do salário mínimo para 635 euros a partir de janeiro de 2020, medida que o Governo estima que poderá abranger 720 mil trabalhadores, foi anunciado. Em conferência …

A Igreja Católica medieval moldou a sociedade ocidental (e deu à luz europeus "estranhos")

As pessoas do Ocidente são psicologicamente diferentes de todas as outras pessoas do mundo. Estudos globais descobriram que os europeus ocidentais e os seus descendentes tendem a ser mais individualistas, menos conformistas e confiam mais …