Mexia e Manso Neto deverão ser acusados de corrupção ativa

Tiago Petinga / Lusa

O presidente da EDP, António Mexia

O Ministério Público (MP) deverá acusar formalmente os presidentes da EDP, António Mexia, e da EDP Renováveis, João Manso Neto, de corrupção ativa.

O jornal online Observador avançou este domingo que os dois gestores, António Mexia e João Manso Neto, deverão ser acusados de quatro crimes de corrupção ativa e um de participação económica em negócio no caso das rendas excessivas da energia. Além disso, o Ministério Público (MP) querem afastá-los de funções.

Já João Conceição, administrador executivo da REN, deverá ser acusado de dois crimes de corrupção passiva.

Os procuradores querem que, no final de um eventual julgamento, António Mexia, João Manso Neto e João Conceição venham a ser proibidos de exercerem funções em empresas públicas e privadas.

No início de junho, o MP pediu a suspensão de funções de Mexia e de Manso Neto, propondo que os gestores ficassem impedidos de entrar em todos os edifícios da empresa e de contactarem arguidos e testemunhas do processo.

De acordo com o Correio da Manhã, para travar o MP de avançar com um agravamento de medidas de coação, a defesa deverá entregar esta segunda-feira, na data limite, um conjunto de e-mails do chefe de gabinete do ex-secretário de Estado da Energia e atual secretário de Estado da Defesa, Seguro Sanches, que revelam a vontade e empenho do responsável para que o ex-secretário de Estado da Energia, Artur Trindade, fosse nomeado para a vice-presidência do OMIP – Operador do Mercado Ibérico de Energia.

Os emails enviados por Paulo Mauritti, de março de 2017, são dirigidos ao presidente da REN, Rodrigo Costa, e ao administrador da EDP, Manso Neto — as empresas que deveriam propor ao Executivo um nome para ocupar a vice-presidência do OMIP e a presidência do OMIE.

De acordo com o CM, nos e-mails, o chefe de gabinete de Seguro Sanches envia uma série de documentos para sustentar a idoneidade de Artur Trindade, que tinha sido contestada pela CMVM.

O processo das rendas excessivas da EDP está há cerca de oito anos em investigação no Departamento Central de Investigação e Ação Penal. Conta com cinco arguidos, sendo eles António Mexia, João Manso Neto, o ex-ministro Manuel Pinho, o administrador da REN e antigo consultor de Pinho, João Faria Conceição, e Pedro Furtado, responsável de regulação na empresa gestora das redes energéticas.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. É mais certo o pilha-galinhas ir parar à prisão que estes, um passarinho falou-me ao ouvido que o António Mexia é para arquivar é dos que pertence à casta dos que são para arquivar.

RESPONDER

Andrea Bocelli dá dois concertos em Coimbra em 25 e 26 de junho

O tenor italiano Andrea Bocelli vai atuar no Estádio Cidade de Coimbra em 25 e 26 de junho, em dois concertos que contam com a participação da fadista Mariza. "Em cumprimento das normas de segurança e …

Califórnia vai ter o maior sistema de armazenamento de energia não hidrelétrica do mundo

A empresa canadiana Hydrostor, que fornece soluções de armazenamento de energia de longa duração, revelou esta semana que irá desenvolver 1.000 MW de CAES na Califórnia, de acordo com um comunicado. O CAES é um tipo …

Seis anos e mil milhões de links depois, cientistas concluem que a Internet está a crescer (e a encolher)

Uma equipa de investigadores analisou mil milhões de links ao longo de seis anos e concluiu que a Internet está tanto a crescer como a encolher. O mundo online está em constante expansão — sempre agregando …

Há estranhas rádios-fantasma na Rússia (e exploradores entraram numa delas)

Aos 14 anos, um jovem comprou um rádio de ondas curtas e estava a testá-lo quando encontrou a transmissão errada - uma rádio fantasma. Imagine que é um entusiasta da rádio, sozinho à noite, a trabalhar …

Dinheiro e refeições grátis. A Sérvia vai recompensar os cidadãos que forem vacinados

O Presidente da Sérvia, Aleksandar Vucic, anunciou esta quarta-feira que serão pagos 25 euros aos cidadãos já vacinados contra a covid-19 e aos que se vão vacinar até final de maio, uma iniciativa original no …

Ivã, o (não tão) Terrível. Aliado de Putin reescreve história para reabilitar reputação do primeiro czar da Rússia

Segundo um alto funcionário russo, Ivã, o Terrível, não era terrível e a sua reputação de tirano cruel é o resultado de uma campanha de difamação realizada pelo Ocidente no século XVI. Nikolai Patrushev, o poderoso …

A Linha 12, que desabou no México, tem um longo histórico de problemas

Na segunda-feira, na Cidade do México, uma ponte do metropolitano de superfície ruiu à passagem de uma composição. A Linha 12 do metro, onde ocorreu o acidente, tem um longo histórico de problemas desde que …

Epic Games e Apple em batalha judicial por "abuso de poder"

A Epic Games, criadora do famoso jogo Fortnite, abriu um processo judicial contra a Apple, por esta deter o monopólio das aplicações móveis e prejudicar todo o mercado, inovação e os utilizadores. A Epic Games baseia …

Indónesia. Zaragatoas usadas eram vendidas como novas para testes à covid-19

Funcionários de uma empresa farmacêutica na Indonésia foram detidos por terem lavado, empacotado e vendido como se fossem novas zaragatoas usadas em testes à covid-19, num esquema que as autoridades acreditam ter começado em dezembro …

Odemira: SEF não detetou imigrantes em situação irregular. Donos de casas do Zmar mantêm protesto

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) não detetou qualquer migrante em situação irregular em Odemira na inspeção realizada esta quarta-feira no concelho. As autoridades de saúde, bem como o SEF, a Autoridade para as Condições …