Metro de Lisboa vende património para financiar expansão e equipamentos

jaime.silva / Flickr

-Estação Saldanha I do Metro de Lisboa

A Metro de Lisboa vai vender o seu património imobiliário, que não é considerado estratégico para a atividade, de forma a financiar a extensão da rede a compra de novos equipamentos.

De acordo com o Jornal de Negócios, que avança com a notícia nesta sexta-feira, a empresa pública prevê um investimento na ordem dos 266 milhões de euros na expansão da rede de transportes, incluindo material circulante e sinalização.

Para conseguir arrecadar parte deste valor, o Metro da capital deverá vender um terreno de seis hectares em Sete Rios, em Lisboa, que poderá gerar 30 a 40 milhões de euros. Esta indicação consta do plano de atividades e orçamento para 2018 da empresa.

Além do terreno em Sete Rios, o Metro de Lisboa pretende ainda vender durante este ano cerca de 36 apartamentos que que é proprietária em Sintra e Odivelas, cujo valor global de venda foi orçamentado em 300 mil euros.

De acordo com o Orçamento da empresa pública para este ano, existiam ainda para venda uma loja em Telheiras e uma Vivenda da Alameda das Linhas de Torres, cujos valores ainda não estavam estimados,

Com a venda de património, o Metro “pretende preparar os seus ativos ‘não essenciais à operação’ para poderem ser transacionados no mercado imobiliário e, com isso, contribuírem para financiar o investimento programado nas novas linhas e nos novos equipamentos”, disse fonte oficial do Metro de Lisboa ao Jornal de Negócios.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Pfizer diz que vacina é "segura" para crianças dos cinco aos 11 anos

A Pfizer/BioNTech anunciaram, esta segunda-feira, que a vacina é segura e parece gerar uma resposta imunitária robusta nas crianças dos cinco aos 11 anos. Depois de um estudo com 2.268 participantes, a Pfizer/BioNTech anunciaram que a …

PS e CDS na Madeira desencontrados, PSD e Bloco continuam no Norte

No arranque da segunda semana de campanha para as autárquicas, os líderes do PS e do CDS-PP apostam na Madeira mas com horários desencontrados, enquanto BE e PSD continuam a norte, e PAN e PCP …

Confronto entre EUA e China é "perigoso para o mundo", alerta Guterres

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou no domingo que um confronto entre os Estados Unidos (EUA) e a China é "perigoso para o mundo" e que, apesar das diferenças, há áreas onde …

Portugal recebeu no domingo grupo de 80 afegãos

Portugal recebeu no domingo 80 afegãos, na maioria atletas da equipa de futebol feminino e seus agregados familiares, elevando para 178 o total de cidadãos acolhidos após a emergência humanitária no Afeganistão, anunciou esta segunda-feira …

Inspeção obrigatória das motas começa em janeiro de 2022

Quase dez anos depois de a medida ter sido aprovada pelo Governo, a inspeção obrigatória de motas com mais de 125 cc vai arrancar em janeiro de 2022. Jorge Delgado, secretário de Estado das Infraestruturas, referiu …

André Ventura - Chega

Ventura diz que PSD está "igual" ao PS - e desafia Rio a justificar atraso no interior

O líder do Chega, André Ventura, manifestou-se hoje preocupado com o panorama político à direita, observando que o PSD está “igual” ao PS e acusando ambos os partidos de terem abandonado o interior do país. “Estou …

Sem Cristiano, o que se passa com a Juventus?

Nenhum triunfo em quatro jornadas do campeonato. Não acontecia há 60 anos. E o problema maior não estará no ataque, apesar da saída de Cristiano Ronaldo. Estreia na temporada: 2-2 no terreno da Udinese. Receber o …

Pacto AUKUS. Nova aliança dos EUA na Ásia-Pacífico pode levar a "corrida às armas nucleares"

A nova aliança dos Estados Unidos (EUA) na região da Ásia-Pacífico e a recente compra de submarinos norte-americanos por parte da Austrália pode desencadear uma "corrida às armas nucleares" na região, avisou esta segunda-feira a …

Costa foi omnipresente, agradeceu a regueifa e recarregou a "bazuca" como arma política

António Costa correu oito concelhos do Norte, em missão de campanha eleitoral. A "bazuca" europeia é usada como arma política, assim como a gestão da pandemia. A pandemia era um ponto de inflexão para as eleições …

"Queremos justiça", exigem famílias de vítimas do ataque em Cabul. CIA alertou para a presença de civis

A família das 10 vítimas mortais do ataque com drone dos EUA a um veículo em Cabul exigem que os operadores sejam julgados em tribunal. A CIA terá alertado para a presença de civis segundos …