#MeToo: a hashtag que está a mostrar a magnitude do assédio sexual

Mais de 200 mil pessoas já partilharam a hashtag “Me too” (“eu também” em inglês) para mostrar a magnitude do assédio sexual, um problema que tem feito correr muita tinta nos últimos dias devido às denúncias contra Harvey Weinstein.

Desde o último sábado que apenas duas palavras estão a tomar conta das redes sociais e a ser partilhadas vezes sem conta, tanto por mulheres como homens: “Me too” (“eu também” em inglês), uma hashtag para mostrar o número de pessoas a nível mundial que já sofreu algum tipo de agressão sexual.

A iniciativa começou depois das denúncias contra um dos produtores mais conhecidos e influentes de Hollywood, Harvey Weinstein, que já foi despedido da sua própria empresa e entretanto expulso da Academia de Cinema.

O produtor, a quem Meryl Streep chegou a chamar “Deus”, foi acusado de violação e assédio sexual por mais de duas dezenas de mulheres, incluindo as famosas atrizes Angelina Jolie, Gwyneth Paltrow e Rose McGowan.

Desde que estas acusações vieram a público, várias personalidades usaram as redes sociais para falar sobre o assunto, algumas acabando por detalhar o assédio que sofreram.

A hashtag já foi usada mais de 200 mil vezes. O termo ganhou ainda mais força depois de a atriz norte-americana Alyssa Milano ter pedido às vítimas de assédio sexual que se pronunciassem, numa demonstração de solidariedade.

Várias celebridades responderam ao apelo, desde personalidades do cinema à música, entre as quais Debra Messing, Anna Paquin, Lady Gaga e Monica Lewinsky. Milhares de outros utilizadores não conhecidos partilharam as suas histórias.

No Twitter, uma mulher, que decidiu manter o anonimato, escreveu: “Tinha 19 anos. Ele encheu-me de álcool, forçou um beijo com língua e tocou nos meus seios. Na altura, culpei-me por estar bêbada. #MeToo”, pode ler-se.

Mas nem só de mulheres se faz esta onda para mostrar a magnitude mundial do problema. Homens e transexuais também já expressaram o seu apoio como, por exemplo, o ator e cantor Javier Munoz.

A utilizadora Cortney Anne Budney chegou mesmo a destacar isso: “O ‘Me Too’ também serve para os homens. Não nos podemos esquecer dos homens e dos rapazes. O ‘Me Too’ deles é igualmente importante e frequentemente encoberto“.

Para o escritor Charles Clymer, que foi vítima de violação, embora os dois géneros sofram abuso, “há um componente misógino específico na cultura da violação”. “Faz sentido perder tempo para destacar especificamente a misoginia e amplificar a voz das mulheres”.

ZAP // BBC

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Concordo.
    O problema é que depois aparece um maluco que ataca as mulheres por esta atitudes parvas e idiotas de meia dúzia de anormais, levando a que as “verdadeiras” mulheres, que não se identificam com estas palermices, acabam também por sofrer.

  2. Alves, lamento porque provavelmente estava a responder a um comentário que eu postei aqui por engano mas que se reportava a outra notícia da estudante que tirou selfies na Holanda para expor os assediantes.

    Claro que tudo o seja abusivo, como apalpar uma mulher ou assédio físico em geral, insultar, chamar nomes obscenos, perseguir, agredir, enfim… Tudo o que a lei já consagra como ilegal e que no fundo exprime desrespeito pela integridade física e moral de alguém (e aqui ressalvo que isto se aplica a qualquer sexo), claro que isso não deve ser admitido.

    Agora, estaríamos mal se bastasse uma mulher escrever “me too” para isso contar como estatística comprovada e factual de alguma forma de assédio. Foi como aquela história há quase um ano de um casalinho bêbedo que se andou a “comer” numa festa académica à frente de toda a gente… E depois queriam as feministas todas que o gajo fosse acusado de abuso sexual. Epá, eu também gosto imenso que me dêem dinheiro mas assim também já é fácil demais!

    Tudo o que for abusive realmente, é punível por lei… MAs não basta agora vir prá praça pública dizer que se é vítima. Se isso não basta nos outros crimes, com as mulheres também não tem nada que ser diferente… Porque sendo oser humano oportunista como é (é a mulher não é em nada menos manipuladora do que o homem) as falsas acusações passariam num instante a ser a norma.

RESPONDER

Proposta do BE sobre IVA da energia vai ser rejeitada pelo Governo, revela PS

Uma proposta do Bloco de Esquerda (BE) para reduzir o IVA sobre a eletricidade e o gás natural, sem impacto no Orçamento de Estado para 2020, vai ser rejeitada pelo Governo, por não corresponder à sua …

Petição quer enfermeiros como profissão de desgaste rápido e subsídio de risco. 2.500 já assinaram

Mais de 2.500 pessoas já assinaram uma petição online que defende a atribuição do estatuto de profissão de desgaste rápido aos enfermeiros, bem como a atribuição de um subsídio de risco. No texto, os promotores defendem …

Para os norte-americanos, Portugal é o melhor país para gozar a reforma

Para os norte-americanos, Portugal é o melhor país para gozar a reforma depois de uma vida de trabalho. Os custos de vida, o clima e as pessoas são alguns dos motivos que levam os pensionistas …

Berardo apresenta recurso contra arresto de imóveis de luxo

Joe Berardo apresentou um recurso contra o arresto a dois imóveis de luxo em Lisboa. As propriedades foram arrestadas pela Caixa Geral de Depósitos por dívidas superiores a 300 milhões. O empresário madeirense Joe Berardo interpôs …

Para além de autocarros, Cascais quer comboios gratuitos dentro do município

Desde 1 de janeiro de 2020, Cascais tornou-se no primeiro concelho do país a ter transportes públicos rodoviários gratuitos. Agora, quer alargar a iniciativa aos comboios. "Estamos a abrir um novo paradigma, que encara a mobilidade …

Governo convoca sindicatos para negociar aumentos acima dos 0,3%

O Governo convocou as estruturas sindicais da administração pública para voltar a negociar a proposta dos aumentos salariais de 0,3% para este ano. De acordo com a agência Lusa, o Governo convocou as estruturas sindicais da administração …

Governo prepara injeção final de 1400 milhões no Novo Banco

Desde a venda, em outubro de 2017, o Estado já injetou 1,9 mil milhões de euros no Novo Banco. Agora, o Fundo de Resolução estuda injetar mais 1,4 mil milhões. O Fundo de Resolução e o …

Em Espanha, há jogadores a serem pressionados a sair para países árabes

Jogadores do UD Almería estão a ser pressionados pelo dono do clube a sair para clubes de países árabes. Alguns atletas já apresentaram queixa ao sindicato. O xeique Turki Al-Sheikh, dono do Almería, da segunda divisão …

Chuva forte inunda Hospital de São José, em Lisboa

As chuvas fortes que se fizeram sentir esta quinta-feira inundaram o Hospital de São José, em Lisboa, deixando algumas salas alagadas. A informação é avançada pelo Correio da Manhã, que publicada algumas fotografias nas quais se …

Aos 58 anos, Carlos Sainz volta a fazer história ao conquistar o seu terceiro Dakar

Carlos Sainz reforçou o estatuto de piloto mais veterano a conquistar o Dakar, ampliando assim por mais um par de anos o recorde que já lhe pertencia. O espanhol Carlos Sainz (Mini) conquistou a terceira vitória …