Metade da matéria que estava “perdida” no Universo acabou de ser encontrada

Andrey Kratsov, da universidade de Chicago) e Anatoly Klypin, da New Mexico State University

A matéria perdida do Universo acabou de ser encontrada

Duas equipas de pesquisa encontraram a matéria “perdida” do Universo – matéria feita de partículas chamadas bariões, que ligam as galáxias através de filamentos de gás quente e difuso.

Metade dessa matéria parecia estar em falta. Ou seja, a matéria devia estar ali, mas não é possível vê-la. “O problema dos bariões desaparecidos foi resolvido”, disse Hideki Tanimura, do Instituto de Astrofísica Espacial em Orsay, em França, principal investigador de uma das equipas. A outra foi liderada por Anna de Graaff da Universidade de Edimburgo, no Reino Unido.

Como essa matéria forma um gás ténue e não suficientemente quente para os telescópios de raios-X o detetarem, ninguém tinha conseguido provar que realmente existia. Para tentar resolver a questão, os dois grupos de pesquisa tiveram que procurar uma maneira de mostrar definitivamente que os fios de gás estavam realmente lá.

As equipas aproveitaram-se de um fenómeno chamado Efeito Sunyaev-Zel’dovich, que ocorre quando a luz que sobrou do Big Bang passa por gás quente. À medida que a luz viaja, espalha eletrões neste gás, deixando uma “marca” na radiação de fundo de micro-ondas cósmica.

Em 2015, o satélite Planck criou um mapa desse efeito ao longo do universo observável. Como os filamentos de gás entre as galáxias são muito difusos, as marcas que causam são demasiado fracas para serem vistas diretamente.

Os cientistas selecionaram pares de galáxias que deveriam ser conectadas pelos filamentos de bariões, e sobrepuseram os sinais de Planck sobre os dados dessas áreas, tornando os filamentos individuais fracos detetáveis em massa.

A equipa de Tanimura analisou 260 mil pares de galáxias, e a de Graaff mais de um milhão de pares. Ambas as equipas encontraram provas definitivas de filamentos de gás entre as galáxias.

O grupo de Tanimura descobriu que o gás era quase três vezes mais denso do que a média da matéria normal no universo, e o de Graaf que era seis vezes mais denso – confirmação de que o gás nessas áreas é suficientemente denso para formar filamentos.

“Esperamos algumas diferenças porque estamos a observar filamentos a diferentes distâncias. Se este fator for incluído, as nossas descobertas são muito consistentes com as do outro grupo”, explicou Tanimura.

Encontrar os bariões “sumidos” que foram previstos por décadas de simulações valida alguns dos nossos pressupostos sobre o universo.

“Toda a gente sabe que deveria estar lá, mas esta é a primeira vez que alguém – dois grupos diferentes, inclusive – faz uma deteção definitiva. Isso mostra que muitas das nossas ideias de como as galáxias e as estruturas do universo se formam são bastante corretas”, comemorou Ralph Kraft, do Centro Harvard-Smithsonian de Astrofísica, nos EUA.

PARTILHAR

RESPONDER

Forças armadas alemãs ponderaram recrutar estrangeiros (mas ninguém se quis juntar)

As forças armadas da Alemanha estão a lutar para atrair recrutas muito necessárias, com o número de novos soldados no Bundeswehr a cair para um recorde no ano passado. A escassez é um desafio urgente para …

FC Porto vs Vitória Setúbal | Superioridade total do dragão

O FC Porto não vacilou e regressou às vitórias na Liga NOS. Na recepção ao Vitória de Setúbal, os “dragões” venceram por 2-0, num jogo que esteve longe de ser espectacular e que valeu pela …

Os portugueses dormem pouco e mal

Os portugueses estão a descansar poucas horas, dormindo em média menos de seis horas diárias, com reflexos negativos na vida ativa e social, disse esta sexta-feira o presidente da Associação Portuguesa do Sono (APS), Joaquim …

Vaticano destitui ex-cardeal dos Estados Unidos por acusações de abusos sexuais

A Congregação para a Doutrina da Fé expulsou do sacerdócio o ex-cardeal e arcebispo emérito de Washington Theodore McCarrick depois de este ser acusado de abusos sexuais de menores e seminaristas, anunciou o Vaticano. Num comunicado, …

Maré de água suja atingiu a já debilitada Grande Barreira de Coral

Um enorme manto de água poluída oriunda das recentes inundações que se registaram no nordeste da Austrália penetrou em partes da já debilitada Grande Barreira de Coral, o maior recife de coral do mundo. Estas camadas …

É oficial: Pedro Marques é o cabeça-de-lista socialista às europeias

O atual ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, é o cabeça de lista dos socialistas às eleições europeias. Era uma notícia já avançada por vários órgãos de comunicação social e hoje António Costa confirmou-a. …

Governo espanhol aprova ordem de exumação de Franco

O Governo espanhol aprovou a ordem para exumar o ditador Francisco Franco do seu atual lugar de enterro, o monumento do Vale dos Caídos, medida à qual a família ainda se opõe. Os familiares de Franco …

Sonda da NASA aperta órbita em preparação para a missão Marte 2020

A missão MAVEN (Mars Atmosphere and Volatile Evolution) da agência espacial norte-americana, já com 4 anos, está a embarcar numa nova campanha para apertar a sua órbita em torno de Marte. A operação vai reduzir …

Trump precisa de oito milhões de dólares para o muro e a Casa Branca explica onde os vai buscar

A Casa Branca identificou esta sexta-feira os fundos federais que serão utilizados pela administração de Donald Trump para conseguir financiar a construção do muro na fronteira com o México. O Presidente norte-americano declarou esta sexta-feira estado …

Desativação de bomba da II Guerra Mundial paralisa e evacua Paris

Mais de mil moradores e trabalhadores evacuados, comboios urbanos, nacionais e internacionais cancelados, estradas fechadas, rotas de autocarro desviadas e pelo menos uma estação de metro encerrada em Paris. Também o bairro de porte de La …