Menino acorda do coma pouco antes de desligarem as máquinas

Um menino de dois anos acordou do coma um dia após a família decidir desligar as máquinas que o mantinham ligado à vida.

Dylan Askin tinha dois anos e sofria de um raro cancro nos pulmões quando “o milagre”, assim lhe chamou a família, aconteceu. Foi no domingo de Páscoa de 2016 em Nottingham, no Reino Unido, mas a notícia só foi divulgada agora pela família, citada pelo Daily Mail.

Acredito que foi um milagre, apesar de não me considerar religiosa. Quando contámos ao nosso filho mais velho, ele disse: ‘é como Jesus’, porque tinha aprendido sobre isso na escola”, disse a mãe, Kerry Askin.

Os médicos não acreditavam que o menino sobreviveria, mas Dylan decidiu desafiar todas as expectativas e probabilidades, e começou a mexer-se. O menino estava internado no Queens Medical Hospital.

Após ter batizado a criança no hospital, na Sexta-Feira Santa, a família já se tinha despedido de Dylan. Segundo Kerry, quando os médicos começaram os procedimentos habituais para desligar as máquinas, Dylan começou a dar sinais de vida e os níveis de oxigénio começaram a subir.

O pequeno Dylan já tinha ganho forças para voltar a casa no domingo de Páscoa.

Venceu o cancro

No dia de natal de 2015, Dylan foi levado para o hospital de urgência com graves problemas respiratórios. Já na unidade hospitalar, os pais descobriram que os seus pulmões tinham colapsado.  Os exames médicos revelaram então que 80% dos pulmões de Dylan estavam cobertos com quistos.

Dylan foi diagnosticado com uma forma extremamente rara de cancro nos pulmões: a PLCH, ou histocitose de células de Langerhans pulmonar.

Inicialmente, o menino recuperou o suficiente para deixar os cuidados intensivos, mas  teve depois uma convulsão febril na enfermaria e apanhou uma pneumonia bacteriana, que deixou os seus pulmões praticamente destruídos.

De acordo com os pais, os médicos concordaram então em ligar Dylan às máquinas de suporte de vida.

Dois anos passados, Dylan venceu a doença. O menino terminou o tratamento contra o cancro com sucesso no ano passado e agora o seu quadro clínico está estável. Após a recuperação, a família, agradecida, foca-se agora em ajudar instituições de caridade.

 

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Não acham coincidência a mais o facto do menino ter dado entrada no hospital no dia do Natal e depois ter saído no domingo de Páscoa dois anos depois, quando a ciência nada mais podia fazer e se preparava para deixá-lo morrer?????? Porquê tanta dificuldade em aceitar a presença constante do divino nas nossas vidas?? Porquê tanta resistência em aceitar que algo maior do que nós sempre existiu??? Vamos ser mais humildes, pois já o grande sábio grego dizia que existem mais coisas entre o céu e a terra de que o homem jamais poderá entender.

    • Pois, porque será?!
      Será porque esse “divino” não evitou que uma criança de 2 anos tivesse cancro de pulmão?!
      Será porque não evitou que ele tivesse estado meses em coma?!
      Se não fossem as máquinas/hospital a manter a criança viva até o tal divino decidir “ajudar”, onde estaria agora a criança?!…
      Pois!…
      Quando tiver algum problema de saúde não vá ao hospital e fique à espera da cura do divino e depois venha cá contar como correu!…

  2. A Fé, o Acreditar, geram Forças Energéticas potentíssimas capazes de produzir os ditos “milagres”. O milagre é apenas um resultado com ínfima probabilidade de acontecer, mas existente. Independentemente de se acreditar em Deus ou não (mas para mim é inegável a existência de uma Força Universal regedora da Vida, ou seja, “Deus”), é deveras curioso as datas de internamento e do acordar do coma, sem esquecer que a criança foi Baptizada na 6ª Feira Santa. E no Universo simplesmente não há coincidências! Há acção e a sua reacção consequente! Força Dylan! Que a tua “Ressurreição” tenha um significado positivo para a Humanidade!

Responder a Mucki Cancelar resposta

China parece ter controlado segunda vaga de coronavírus em 21 dias, sem registar mortes

A China parece ter controlado a segunda vaga de covid-19 após um surto que começou num mercado de Pequim, em junho, e que levou a pelo menos 328 novos casos e ao encerramento parcial da …

Guerra aberta pelo ouro da Venezuela em Inglaterra. Maduro ordena investigação ao "roubo"

Nicolás Maduro, Presidente da Venezuela, ordenou uma "investigação penal" ao que denomina "o roubo de ouro venezuelano" que está depositado no Banco Central de Inglaterra. Esta é a resposta do governante depois de o Tribunal …

Hospitais da Papua-Nova Guiné recusam atender grávidas. Médico aconselha mulheres a evitar gravidez

Um obstetra da Papua-Nova Guiné aconselhou as mulheres daquele país a não engravidarem nos próximos dois anos, revelando que o medo de transmissão do coronavírus tem levado os hospitais a recusarem atender grávidas. Segundo noticiou esta …

China vai encerrar gradualmente todos os mercados de aves vivas

A China vai fechar gradualmente todos os mercados onde aves vivas são vendidas, visando reduzir os riscos para a saúde pública, informou hoje a imprensa oficial. Chen Xu, alto funcionário da Administração Estatal de Regulação do …

Em 33 anos, Amazónia perdeu 72,4 milhões de hectares de floresta. O equivalente ao território do Chile

A floresta amazónica, presente em nove países da América do Sul, perdeu 72,4 milhões de hectares de cobertura vegetal entre 1985 e 2018, uma área equivalente ao território do Chile, segundo dados divulgados na quinta-feira …

Decisão do Reino Unido é "absurda", "errada" e "desapontante"

O chefe da diplomacia portuguesa considerou hoje a decisão do Reino Unido de excluir Portugal dos “corredores de viagem internacionais” como um “absurdo”, “errada” e que causa “muito desapontamento”, trazendo ainda graves consequências económicas e …

"Peixe racista". Estátua da Pequena Sereia novamente vandalizada

A icónica estátua da "Pequena Sereia" em Copenhaga, um dos monumentos mais famosos da Dinamarca, foi novamente vandalizada, ao ter sido pintada com uma frase antirracismo, divulgou hoje a polícia dinamarquesa. “A Pequena Sereia foi vandalizada …

Itália admite segunda vaga e defende restrições a viagens

Itália abriu esta terça-feira fronteiras aos viajantes de países que não integram o espaço europeu de livre circulação Schengen, mas com restrições. O ministro da Saúde de Itália afirmou, esta quinta-feira, não poder afastar uma segunda …

Menos férias e mais dias de aulas para quem não tem exames no próximo ano letivo

O próximo ano letivo vai ter menos dias de férias e mais dias de aulas para os alunos que não tenham exames. Os alunos terão aulas presenciais e aulas à distância. O ministro da Educação, Tiago …

FC Porto revela camisola para a próxima época (e as opiniões dividem-se)

O FC Porto revelou a camisola oficial do clube para a próxima temporada. Pelas redes sociais, as opiniões dividem-se, havendo quem não esteja satisfeito com a mudança. Os adeptos portistas acordaram esta sexta-feira com a imagem …