Medina contratou ex-presidente da Junta de Benfica por 4 mil euros mensais (e não se sabe para quê)

Inês Drummond / Facebook


Inês Drummond, ex-presidente da Junta de Benfica, e Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa.

A contratação de Inês Drummond, ex-presidente da Junta de Benfica, eleita pelo PS, para o cargo de “assessoria” de Fernando Medina na presidência da Câmara de Lisboa está envolta em polémica. O contrato é de 4.615 euros mensais brutos, mas ninguém sabe muito bem que funções está ela a desempenhar.

Em Janeiro passado, Inês Drummond anunciou a renúncia ao cargo de presidente da Junta de Benfica, justificando a saída com um “convite feito pelo presidente da Câmara de Lisboa para integrar a equipa do seu gabinete”. Na altura, em declarações ao Público, ela não especificou as funções que ia desempenhar, salientando apenas que seria “assessora de Fernando Medina, ainda sem uma área específica“.

A Sábado consultou o contrato de Inês Drummond com a autarquia e aponta que não fica claro o que é que ela vai fazer na Câmara.

“O presente contrato tem por objecto a prestação de serviços de assessoria no âmbito da definição, desenho, implementação e avaliação de políticas públicas, incluindo o acompanhamento de reuniões do executivo, por forma a assegurar o apoio à actividade e suprir as necessidades técnicas verificadas, bem como implementar e suportar a necessária articulação da actividade autárquica desenvolvida”, especifica o vínculo laboral assinado entre a autarquia e Inês Drummond, como cita a Sábado.

O ordenado da nova assessora de Medina é de 4.615 euros mensais brutos, o mesmo que ganham os outros assessores da autarquia, respectivamente, Francisco Silva Pinto que colabora com o vice-presidente João Paulo Saraiva e Ricardo Bandeira Jorge que assessora o vereador Ricardo Manuel Morais Veludo e Silva.

Esta passagem da Junta de Freguesia para a autarquia poderá indiciar uma futura promoção de Inês Drummond, de 45 anos, na equipa de Fernando Medina para as próximas eleições autárquicas, prevendo-se que o presidente de Câmara volte a candidatar-se ao cargo.

Inês Drummond foi eleita presidente da Junta de Freguesia de Benfica em 2009, tendo desempenhado o cargo durante 10 anos. Por inerência, era também era deputada na Assembleia Municipal de Lisboa, estando ligada a Comissões da área das Finanças, Património, Recursos Humanos, Habitação, Transportes Mobilidade e Segurança.

É licenciada em Relações Internacionais e mestre em Economia Internacional, sendo também quadro da TAP desde 1997.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Antes do 25 de Abril havia umas quantas famílias que dominavam a economia, agora estamos subjugados por uma casta politica que se apropriou dos recursos do país. Por acaso estes senhores têm noção do ordenado mínimo e médio neste país, seja no sector privado seja no público? E a comunicação social também não deve saber porque tantas notícias destas não merecem qualquer notícia de 1ª página. Se o assessor fosse um homem nem notícia havia…

  2. Ao fim de quase 50 anos de Democracia, acho que já é tempo de assumirmos enquanto sociedade que o Estado em Portugal, não foi, não é, e nunca será, uma “pessoa” de confiança. Como tal, devíamos estar a fazer um caminho inverso ao que vejo. Devíamos estar todos a exigir menos impostos (visto que não se pode confiar no Estado para gerir o nosso dinheiro), um Estado mais pequeno com menos serviços geridos e prestados pelo Estado (se pago menos impostos não posso esperar os mesmos serviços), e um sector Privado mais forte, ficando o Estado com a competência de regular e fiscalizar a atividade privada.

  3. Pela fotografia vejo que estão ambos com sorriso feliz, portanto o homem deveria andar stressado e decidiu fazer o contrato da felicidade, é bom para ele, bom para a sociedade que poderá ter um autarca mais apto e eficaz e bom para a senhora que ficou também com um bom salário, portanto nem tudo será negativo como muitos tentam ver as coisas!

  4. Completamente vergonhoso. Estes animais desqualificados auto-intitulados políticos, fazem com o nosso dinheiro o que lhes apetece? Mas ninguém lhes dá com uma marreta na tromba???

RESPONDER

O buraco negro mais faminto do Universo engole por dia uma massa equivalente à do Sol

No centro do quasar mais brilhante já descoberto "mora" um dos maiores buracos negros que é também o mais "faminto" de todo o Universo: por dia, engole o equivalente à massa do nosso Sol. As …

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …