Médicos de fertilidade usaram o seu próprio esperma em centenas de pacientes

Uma longa reportagem do The New York Times dá conta de vários casos de mulheres que recorreram a médicos especialistas em fertilidade à procura de esperma anónimo e acabaram por receber o esperma do próprio médico, sem que o soubessem.

O teste de ADN correspondeu a parentes do próprio médico. “Assim que soube dos resultados, percebi que era o médico e fiquei enojada“, disse Marenda Tucker, de 36 anos, após ter feito um teste de ADN para saber sobre a sua sucessão. “Quando conversei com minha mãe sobre isto, ela sentiu-se violada“.

Este é apenas um dos muitos casos de mulheres que, durante os anos 70 e 80, recorreram a médicos especialistas em fertilidade para engravidar. Sem que soubessem, o médico usou o seu próprio esperma, apesar de garantir que se tratava de esperma anónimo.

Casos como estes já eram conhecidos nos Estados Unidos, mas a recente reportagem do The New York Times dá conta que também aconteceram na Europa. Jan Karbaat, médico holandês, morreu em abril de 2017 com 56 filhos. O especialista em fertilidade continuou a exercer até 2009, quando foi proibido pelas autoridades holandesas.

“O Dr. Karbaat poderia ter sido um doador anónimo — não sabemos disso. Não havia sistema de registo na altura”, tentou explicar J.P. Vandervoodt, um dos advogados de Karbaat.

O Expresso explica que, na altura, muitos médicos acreditavam que quanto mais recente a amostra fosse, mais saudáveis eram as células e maior era a probabilidade de a mulher engravidar. No entanto, não se sabe se esta era a verdadeira razão pela qual os especialistas usavam o seu próprio esperam nas pacientes.

Jody Madeira, professora de Direito na Universidade do Indiana e especialista no tema, diz que este poderia ser o caso, já que nem sempre tinham esperma de outros dados disponível.

Contudo, abre ainda a porta a uma possibilidade mais aterrorizante. “Penso que pode haver razões que têm que ver com a sensação de poder: narcisismo, perturbações psicológicas ou simplesmente sentirem-se atraídos pelas suas pacientes”.

O número de casos de mulheres que descobrem que foi utilizado sémen do seu médico para as suas gravidezes chega às centenas e tem tendência a aumentar. Não porque a prática seja recorrente nos dias de hoje, mas porque os testes de ADN “ao domicílio” são cada vez mais comuns, o que pode levar mais pessoas a descobrirem os seus verdadeiros pais biológicos.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. “O Dr. Karbaat poderia ter sido um doador anónimo — não sabemos disso. Não havia sistema de registo na altura” doador anónimo e resultou em 56 gravidezes em pacientes suas. o assunto é sério de mais para desculpas tão esfarrapadas.

    • Com esse racio de sucesso, se porventura era doador anónimo, é uma pena que não tenha jogado muitas vezes no Euromilhões!
      Só que esta segunda opção teria porventura garantido a independência económica, mas nunca uma tamanha descendência…

  2. Em suma, se fosse de um gajo qualquer, sem stress! Como era do médico que lhes tinha visto a “pardaloca”, as senhoras sentiram-se violadas….
    A hipocrisia não tem limites!!!

      • Em suma, como não alinha no politicamente correcto já é estúpido.
        Não é a hipocrisia e a incoerência das senhoras que o Sr. contesta. É o comentário que saliento óbvio.
        Enfim, haja paciência…

    • Completamente de acordo!
      O médico fez o que lhe foi pedido (fertilização com esperma “anonimo”), portanto, agora não há nada de que reclamar!…
      .
      Gostei do nome da professora de direito: Jody Madeira

RESPONDER

Imigrante do Bangladesh em Itália encontra e devolve carteira com 2 mil euros

Mossan Rasal, um bangladeshiano de 23 anos que vive em Roma, encontrou na rua uma carteira com dois mil euros, documentos de identificação, cartões de crédito, carta de condução. Em vez de retirar o dinheiro e …

Austrália conclui que China foi responsável por ciberataque ao parlamento

A agência de inteligência cibernética da Austrália (ASD) concluiu que a China foi a responsável por um ataque informático, no início deste ano, contra o parlamento nacional. Os serviços de inteligência australianos (Australian Signals Directorate) concluíram …

"A bola apenas bateu no peito". VAR admite erro no penálti do Portimonense-FC Porto

O vídeo-arbitro do encontro entre Portimonense e FC Porto, Vasco Santos, admitiu esta quarta-feira que não existiu razão para assinalar grande penalidade a favor do clube portista. "No momento em que o árbitro apita fiquei com …

Na Índia, usar cigarros eletrónicos já pode dar prisão

O Governo indiano anunciou esta quinta-feira a proibição de cigarros eletrónicos no país, de 1,3 mil milhões de pessoas, numa ação que pretende ser a favor da saúde e contra os vícios. "A decisão foi tomada …

Iñaki Urdangarín pode sair da prisão dois dias por semana

Detido na cadeia de Brieva, Ávila, há 15 meses, Iñaki Urdangarín, cunhado do rei de Espanha, soube esta terça-feira que poderá sair da prisão duas vezes por semana para fazer voluntariado numa instituição que ajuda …

Criança com anemia aplástica grave submetida a transplante inédito em Portugal

Um menino de quatro anos com anemia aplástica grave foi submetido a um transplante com células estaminais de sangue do próprio cordão umbilical, um tratamento inédito em Portugal realizado no Instituto Português de Oncologia (IPO) …

Renováveis baixaram fatura da luz em 2,4 mil milhões na última década

A produção de eletricidade a partir de fontes renováveis permitiu ao sistema elétrico português acumular uma poupança de 2,4 mil milhões de euros ao longo dos últimos 10 anos. Esta é a principal conclusão de um …

Constitucional chumba barrigas de aluguer pela segunda vez

O Tribunal Constitucional chumbou, esta quarta-feira, pela segunda vez, o diploma do Parlamento sobre gestação de substituição, depois de um chumbo no ano passado. O BE apresentou uma proposta em que se previa "que a gestante …

Furacão Humberto ganha força a caminho das Bermudas

O furacão Humberto aumentou de intensidade nas últimas horas e atingiu a categoria 3 a caminho das Bermudas, informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC) nesta quarta-feira. O terceiro furacão da temporada no Atlântico, …

Brasil é o país lusófono com mais refugiados. Já Portugal tem as maiores remessas dos emigrantes

Um relatório das Nações Unidas (ONU) revelou que o Brasil é o país lusófono que acolhe mais refugiados, Portugal é o que recebe mais remessas dos emigrantes e Moçambique teve o maior aumento de estrangeiros …