Unidade de Saúde tenta afastar médico que denunciou salários ilegais

(cv) RR

António Alvim denunciou o caso em entrevista à Renascença

O médico António Alvim, que denunciou que há clínicos de Unidades de Saúde Familiar que recebem mais dinheiro para fazerem serviços que, na verdade, não prestam, foi alvo de uma tentativa de expulsão.

António Alvim, que é militante do PSD, denunciou que há médicos das Unidades de Saúde Familiar (USF) de modelo B a receberem suplementos adicionais no salário como se fizessem 40 horas de trabalho semanais quando, na prática, cumprem apenas 35 horas.

Estes médicos recebem quase 1.800 euros para garantirem o atendimento de mais doentes, mas não cumprem os requisitos de extensão do tempo de trabalho previstos. Um cenário que se verificará em várias USF de Lisboa e, designadamente, na USF Rodrigues Miguéis, em Benfica, onde António Alvim trabalha.

O médico denunciou o caso em entrevista à Renascença após o que terá sido alvo de uma tentativa de expulsão da USF onde trabalha, conta o Jornal Económico.

Numa nota interna a que o jornal teve acesso, Paulo Eiras, coordenador da USF Rodrigues Miguéis, justifica a intenção de expulsar o médico com os prejuízos causados pelas suas declarações ofensivas da imagem e ao bom nome da entidade e dos seus profissionais. Também o acusa de veicular “informações falsas sobre o desempenho dos colegas” e de criar mau ambiente no seio da unidade.

Na votação para a expulsão, 12 elementos do conselho geral da USF votaram favoravelmente e oito contra. Mas para confirmar a expulsão seria necessária “uma maioria qualificada de dois terços, o que não aconteceu”, frisa o Económico.

“Ganha mais do que o primeiro-ministro”

Num artigo de opinião no site Saúde Online, António Alvim lamenta que foi alvo de uma “tentativa de saneamento”, e acusa o coordenador da USF de o pretender expulsar por “suposto delito de opinião, sem o assunto ter sido posto previamente à discussão, sem direito a contraditório, e sem sequer ter sido ouvido”.

O médico volta a abordar, neste artigo, as denúncias que fez, salientando que há médicos a ganharem 7.000 euros mensais ilíquidos, “mais do dobro do que os seus colegas que com a mesma categoria e o mesmo número de utentes também acumulam as funções de orientadores de internato e fazem domicílios, mas que estão em USF do Modelo A ou em Unidades de Cuidados de Saúde Primários, no regime de 40 horas semanais”, cita o Económico.

Alvim fala também do caso concreto do coordenador da USF, notando que Paulo Eiras “ganha ilíquidos mais do que 7.000 euros, ganha mais do que o primeiro-ministro“, com “três tardes livres” e apenas 28 horas de consultas por semana, mais três horas para Gestão Clínica.

“No total, trata-se de um horário de 35 horas por semana, sendo que duas delas estão alocadas a domicílios que o Estado – utentes/contribuintes – pagam à parte, pelo que estão a ser pagas duas vezes“, conclui.

A Renascença contactou a Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, que não comenta o caso, anunciando que está já a decorrer uma auditoria para averiguar a situação.

Susana Valente SV, ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Neste País pretensamente democrático, quem denuncia corajosamente os lobbys , em vez de de ser enaltecido , é perseguido , humilhado, quiçá ameaçado .
    Há uns anos denunciei a uma Câmara do Algarve irregularidades de um projecto, que posteriormente descobri estarem técnicos da autarquia envolvidos no esquema.
    Resultado, fui obrigado a vender a minha casa pelas pressões e perseguições recebidas

  2. Isto é normal. O denunciante não anónimo é pendurado à arvore mais alta e depois de tudo é só ele que parece culpado. Há países (na Holanda por exemplo) onde -em teoria- o denunciante não anónimo tem proteção contra o despedimento, mas na pratica há sempre um pau para bater no cão. A corrupção pequena e média está enraizada de tal forma que é mais difícil erradicar do que é limpar a floresta Portuguesa. Especialmente no caso de dois grupos, os advogados e os médico, parece haver um conluio ao nível do estado (finanças, legislação e parlamento) que projeta uma nuvem a volta dos rendimentos destes contribuintes e daí sai o resto . . .

    • A saúde é um negócio em todo o mundo, e, se tivesse lido a noticia, talvez tivesse percebido que este caso NADA tem a ver com saúde!!

      • … nada tem a ver com saúde mas é CORRUPUÇÃO ou até ROUBO aos contribuintes escrevo isto em países sérios e orgulhosos de serem independentes e talvez não em Portugal. que de serio nada tem e de louvável ainda pior.

        • Claro, será corrupção, burla, roubo, etc, mas, tal como eu escrevi, nada tem a ver com saúde!
          E, quanto a Portugal não ter nada de “sério” ou de “louvável”, não deves confundir um país inteiro contigo ou com os teus!…

  3. Se um dia faltarem pacientes a este senhor eu poderei ser um deles. A notícia prova que o ser humano perdeu o interesse em viver uma vida fundamentada em bens morais, simplicidade, tranquilidade e harmonia e prefere a disputa dos bens materiais, motivo da pseudo felicidade. Será preciso um salário de 7000 € para se ser feliz?

RESPONDER

Pintura de Van Gogh de Paris nunca antes vista exibida pela primeira vez

Uma pintura de Vincent Van Gogh de uma rua de Paris foi exposta pela primeira vez depois de passar mais de 100 anos "escondida" pelos seus proprietários. Uma cena de rua em Montmartre, em Paris, pertenceu …

Imagens mostram construção de instalação nuclear secreta em Israel

Está a ser construída uma instalação nuclear secreta em Israel, diz a Associated Press depois de analisar imagens de satélite. Os trabalhos estão a decorrer a poucos metros do antigo reator do Centro de Pesquisa …

Supremo confirma prisão efetiva de cinco anos e oito meses de João Rendeiro

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou a nulidade do acórdão que proferiu em janeiro e confirmou, assim, a condenação do antigo presidente do BPP. Num acórdão datado da passada quarta-feira, e a que a agência …

Portugal regista mais 33 mortes e 1071 novos casos de covid-19

Portugal registou, este sábado, mais 33 mortes e 1071 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 1071 novos …

Ana Gomes revela que Europol está pronta para investigar o Chega

A Europol está disponível para "ajudar as autoridades portuguesas" a investigar eventuais ligações do Chega de André Ventura a "actividades criminais internacionais". É Ana Gomes quem o revela depois de ter enviado uma participação ao …

João Almeida termina Volta aos Emirados no pódio, o seu primeiro numa prova do World Tour

O ciclista português, da equipa Deceuninck-QuickStep, assegurou, este sábado, o primeiro pódio numa prova do World Tour, ao ser terceiro na Volta aos Emirados Árabes Unidos, após a sétima e última etapa. João Almeida concluiu a prova …

Alemanha vai autorizar vacina da AstraZeneca a maiores de 65 anos

A Comissão Permanente para a Vacinação na Alemanha vai alterar a recomendação que limitava o uso da vacina da farmacêutica AstraZeneca para maiores de 65 anos. O anúncio foi feito, este sábado, por Thomas Mertens, chefe da …

Éter, Teia e Tutti-Frutti. PS e PSD decidem "os bons e os maus" entre uma centena de autarcas suspeitos

PS e PSD estão na recta final da escolha dos candidatos às próximas eleições autárquicas e os dois partidos coincidem na forma como estão a avaliar os potenciais candidatos que estão envolvidos em processos judiciais. …

"Lei Khashoggi". Estados Unidos restringem vistos a 76 cidadãos sauditas

Os Estados Unidos anunciaram a restrição à atribuição de vistos a 76 cidadãos da Arábia Saudita acusados de "ameaçar dissidentes no estrangeiro", nomeadamente o jornalista saudita assassinado, em outubro de 2018, na Turquia. Segundo o secretário …

OMS quer isenção de direitos de propriedade intelectual para vacinas

A Organização Mundial da Saúde (OMS) reclamou, esta sexta-feira, o uso de "todas as ferramentas" para aumentar a produção de vacinas contra a covid-19, incluindo a transferência de tecnologia e a isenção de direitos de …