May chega a acordo com Unionistas irlandeses e vai propor Governo à rainha

Stefan Wermuth / Reuters

A primeira-ministra britânica Theresa May

A líder do Partido Conservador britânico vai deslocar-se ao Palácio de Buckingham, às 12h30, para pedir autorização à rainha para formar Governo, mesmo sem ter maioria absoluta, segundo fonte do gabinete.

Declarados 649 dos 650 lugares na Câmara dos Comuns, o Partido Conservador britânico elegeu 318 lugares, menos oito do que os necessários para atingir uma maioria absoluta e menos 12 do que antes das eleições.

O Partido Trabalhista adicionou 29 aos que possuía, somando 261 deputados.

O Partido Nacionalista Escocês conquistou 35 lugares, os Liberais Democratas 12 (+4), o Partido Democrático Unionista (Irlanda do Norte) 10 (+2), o Sinn Féin sete (+3), os nacionalistas galeses do Plaid Cymru quatro (+1), os Verdes um e foi eleito um independente na Irlanda do Norte.

Segundo a imprensa britânica, Theresa May terá chegado a acordo com os Unionistas Democráticos irlandeses (DUP) e deverá apresentar, às 12h30, a proposta de Governo à rainha Isabel II no Palácio de Buckingham.

A líder do DUP, Arlene Foster, prometeu durante a noite “fazer o que for o melhor interesse da Irlanda do Norte”, e disse que esta é uma “oportunidade para [o partido] se fazer notar ainda mais em Westminster”. “Tínhamos muita influência no passado e vamos ter outra vez no futuro”, afirmou, embora se tenha recusado a referir que tipo de exigências fará para aceitar um acordo ou coligação.

O DUP é o principal partido político na Irlanda do Norte, sendo conhecidos por defenderem a permanência no Reino Unido e terem feito campanha a favor pelo Brexit.

Corbyn sugere a May que se demita

Ontem à noite, a primeira-ministra afirmou que se quer manter em funções para garantir “um período de estabilidade”. “Se, como as projeções mostram e se forem corretas, o partido Conservador ganhou mais lugares e mais votos, então cabe-nos a nós garantir que temos esse período de estabilidade e é exatamente isso que vamos fazer”, vincou.

Por sua vez, o líder do partido Trabalhista, Jeremy Corbyn, convidou a governante a dar lugar a um governo do ‘Labour’. “Se há uma mensagem do resultado desta noite é o seguinte: a primeira-ministra convocou a eleição porque queria um mandato. Mas o mandato que tem é perda de assentos, é perda de votos, é perda de apoio e perda de confiança. Penso que é suficiente para se ir embora e dar lugar a um governo que seja representativo das pessoas deste país”, afirmou.

“A política mudou e não vai voltar para a caixa onde estava. As pessoas disseram que estão fartas da austeridade, dos cortes nos serviços públicos. Estou muito orgulhoso do que o meu partido fez e do meu programa ‘para muitos, não para poucos’”, disse ainda.

Reações à derrota de May

“A senhora May, que esperava uma situação mais confortável, perdeu a aposta e encontra-se, por isso, numa situação menos simples, até porque, hoje de manhã, não conhecemos a configuração do governo”, disse o comissário europeu Pierre Moscovici à estação de rádio France 1.

“Espero que os britânicos estejam em condições de formar um Governo estável, o mais depressa possível. Não penso que as coisas tenham ficado mais fáceis, mas estamos prontos”, disse, por sua vez, o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker.

“Façam o melhor para evitar ‘um não negócio’, em resultado de ‘uma não negociação'”, apelou o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, no Twitter.

O comissário europeu Günther Oettinger advertiu que, diante de um Governo britânico “fraco”, as negociações sobre o Brexit arriscam-se a ter maus resultados para ambas as partes. “Precisamos de um Governo que possa agir, que possa negociar a saída do Reino Unido. Com um fraco parceiro de negociação, há o perigo de as negociações terem maus resultados para ambas as partes”, afirmou, em entrevista à rádio alemã Deutschlandfunk.

As urnas abriram às 07h00 horas desta quinta-feira e encerraram às 22h00 em 650 circunscrições eleitorais, com cada uma a eleger um deputado. Um total de 46,9 milhões de eleitores estavam recenseados este ano, mais cerca de um milhão do que em 2015.

O sistema eleitoral usado nas eleições legislativas britânicas é de maioria simples (first past the post), o que quer dizer que vence aquele que tiver o maior número de votos. O Governo é formado pelo partido com maior número de deputados na Câmara dos Comuns e o primeiro-ministro é o respetivo líder do partido.

Ao todo, concorreram 3.303 candidatos em 650 círculos uninominais, distribuídos por Inglaterra (533), Escócia (59), Irlanda do Norte (18) e País de Gales (40).

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Afinal a senhora estava na mó de cima e tombou uns degraus abaixo com a mania de que subiria ainda mais, isto serve de aviso à navegação!

RESPONDER

Fã descobriu morada de estrela pop nos reflexos nos olhos de uma selfie e atacou-a

A influencer japonesa Ena Matsouk que integra uma banda pop do país foi atacada sexualmente por um fã, depois de este ter descoberto onde é que morava através de uma selfie que ela publicou nas …

Comer bem melhora ativamente os sintomas de depressão

Uma nova investigação, levada a cabo por cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, sugere uma conexão casual entre a dieta e a depressão. Uma equipa de cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, realizou um estudo controlado …

Presidente da China promete esmagar o corpo e quebrar os ossos aos separatistas

O Presidente da China, Xi Jinping, afirmou que "quem tentar atividades separatistas em qualquer lugar da China acabará com o corpo esmagado e os ossos quebrados", de acordo com a edição digital desta segunda-feora do …

Ucrânia 2 vs 1 Portugal | Adeus ao primeiro em dia de CR700

O primeiro lugar do Grupo B já não foge à Ucrânia. Portugal foi a Kiev dominar e atacar muito, com 24 remates e diversas oportunidades, mas esbarrou no guarda-redes Andriy Pyatov – tal como no …

Primeira protagonista feminina de Astérix é parecida com a ativista Greta Thunberg

Como sempre, a saída de um novo álbum de Astérix, o grande herói da banda desenhada franco-belga, está rodeado de um grande segredo. Aliás, não poderia ser de outro modo pois é também um irredutível …

O Fortnite, um dos jogos mais populares do mundo, foi "engolido" por um buraco negro e desapareceu

O Fortnite, que já é considerado um dos jogos mais populares da atualidade, desapareceu durante o fim-de-semana. Agora, o que surge no ecrã dos jogadores, depois do fim da temporada X, é apenas um buraco …

Kais Saied eleito Presidente da Tunísia com 72,71% dos votos

O professor universitário Kais Saied, um estreante no mundo da política, foi eleito Presidente da Tunísia com 72,71% dos votos na segunda volta das presidenciais antecipadas de domingo, anunciou esta segunda-feira a instância eleitoral (Isie). De …

Série SpongeBob acusada de "violência", "racismo" e de perpetuar o "colonialismo"

A série infantil SpongeBob foi acusada de perpetuar o "racismo" e o "colonialismo" junto dos mais novos. A crítica é feita por uma professora da Universidade de Washington. No fundo do mar, a vida parece feliz. …

Neymar pára quatro semanas devido a lesão na coxa

O futebolista do Paris Saint-Germain Neymar (PSG) vai ficar afastado da competição nas próximas quatro semanas, após ter contraído uma lesão na coxa ao serviço da seleção brasileira, informou esta segunda-feira o clube francês no …

Vitor Baía e Villas-Boas voltam a abordar o futuro como potenciais sucessores de Pinto da Costa no FC Porto

André Villas-Boas foi entrevistado pela rádio France 3 e voltou a falar do sonho de ser presidente do FC Porto. Já Vitor Baía diz estar em paz em relação ao que poderá acontecer quando Pinto …