Marcelo quer estar na sombra até tomar posse (mas não o deixam)

Marcelo Rebelo de Sousa só toma posse no próximo dia 9 de Março como novo Presidente da República e até lá, vai tentar manter-se longe das câmaras. Mas, dada a sua marca de estrela da televisão, talvez não consiga fazê-lo.

O ex-comentador televisivo deverá limitar a exposição pública ao mínimo possível, enquanto já prepara a equipa que o vai acompanhar na sua aventura como Presidente da República, conforme apurou o Diário de Notícias.

O jornal nota que Marcelo vai manter a actividade académica e na Fundação, mas que não deve dar nenhuma entrevista até tomar posse, apostando na “prudência para não haver deslizes“.

Depois de na semana passada, ter sido filmado pela SIC, no âmbito de uma reportagem especial, a conduzir aparentemente, sem cinto de segurança e a estacionar num lugar reservado a deficientes, Marcelo pretenderá evitar inconvenientes que prejudiquem a sua imagem em estado de graça.

Mas será difícil àquele que será o Presidente da República de Portugal mais mediático de sempre manter-se longe dos holofotes.

Nos últimos dias, várias publicações da imprensa dita mais séria à cor-de-rosa, passando por televisões e jornais, têm dedicado espaço a Marcelo, nas suas diversas facetas.

A TVI24 tem anunciado um especial sobre o novo Presidente da República no âmbito dos bastidores da campanha eleitoral e o professor até é capa da revista masculina GQ, onde aparece num estilo de modelo sessentão sensual.

Marcelo Rebelo de Sousa na GQMesmo que não queira, Marcelo deverá manter-se no topo das notícias, tanto mais porque a sua imagem “vende”.

E os dados avançados pelo CM de que o Jornal das 8 da TVI, onde comentava a política nacional ao domingo, perdeu, em média, 210 mil telespectadores desde a sua saída, comprovam-no.

Alheio ao mediatismo que o ajudou a chegar à Presidência, Marcelo começa nesta semana, a preparar a equipa que o vai acompanhar em Belém e ainda não há muitos nomes na roda de especulações.

O DN aponta o nome de João Silveira Botelho, o administrador da Fundação Champalimaud, como um dos “mais fortes” para chefe da casa civil.

De resto, o jornal sustenta que nem o director de campanha de Marcelo, Pedro Duarte, nem o publicitário Rodrigo Moita de Deus, que também apoiou a campanha, ou sequer o seu mandatário nacional, Fernando Fonseca Santos, vão fazer parte da equipa do novo Presidente da República.

SV, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Hackers bloquearam mais de 30 organismos públicos em 2019

Desde o início deste ano, mais de 30 organismos públicos foram alvo de ataques informáticos, escreve o Jornal de Notícias esta terça-feira. De acordo com o diário, os hackers atacam sistemas informáticos de câmaras municipais, juntas de …

Liderança da bancada do PSD: Negrão quis sair, Rio é "boa solução" a curto prazo

Fernando Negrão, que no último ano e meio liderou a bancada parlamentar do PSD, admitiu esta terça-feira não estava disponível para continuar no cargo. "Não estava disponível [para continuar à frente da bancada] porque foi …

José Maria Ricciardi diz que está disponível para "erguer o Sporting"

José Maria Ricciardi, um dos candidatos nas eleições de setembro de 2018, anunciou através das redes sociais que está disponível para "erguer o Sporting". Na página do Facebook "Ricciardi - Erguer o Sporting", José Maria Ricciardi …

Boris Johnson volta aos Comuns para aprovar Brexit em tempo recorde e sair dia 31 de outubro

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, vai tentar esta terça-feira aprovar a legislação necessária para poder garantir que o Reino Unido sai da União Europeia no dia 31 de outubro quer haja ou não consenso na …

Líbano. Governo corta metade dos salários de políticos em resposta aos protestos

Ao quinto dia de manifestações, o governo libanês respondeu com a aprovação de um pacote de emergência de reformas económicas que deixa cair a introdução de novos impostos e passa pela redução do défice. O primeiro-ministro …

Caso Griezmann. Barcelona paga 15 milhões pelo silêncio do Atlético (e fica com benefício futuro)

Escreve o jornal espanhol El Mundo que Barcelona e Atlético de Madrid já chegaram a acordo no "caso Griezmann". O clube catalão pagou 15 milhões de euros pelo silêncio dos colchoneros, ficando ainda com benefício …

Professor detido depois de ser acusado de agredir aluno “com enorme violência”

Um aluno do 8.º ano da Escola Secundária Rainha Dona Leonor, em Alvalade, em Lisboa, terá sido esta segunda-feira agredido por um professor durante uma aula. Segundo o relato da Associação de Encarregados de Educação dos …

Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último. O primeiro-ministro, António Costa, …

Fim do cessar fogo na Síria. Turquia ameaça que milicianos curdos no terreno serão abatidos

O período de cessar-fogo de 120 horas acordado entre a Turquia e os Estados Unidos (EUA) para permitir que as milícias curdas saiam do nordeste da Síria termina esta terça-feira, pelas 19:00 (20:00 em Lisboa), …

Ministro adjunto cabo-verdiano encontrado morto no gabinete

O ministro adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde para a Integração Regional, Júlio Herbert, foi encontrado morto, esta segunda-feira, no seu gabinete, no Palácio do Governo, na Praia, confirmou fonte governamental. Elementos da Polícia Nacional cabo-verdiana …