/

Maldivas desesperam por fundos enquanto continuam a afundar

1

As Maldivas correm o risco de desaparecer completamente a menos que o Governo consiga aceder a financiamentos para combater a subida das águas. Atualmente, 80% do país está um metro abaixo do nível do mar.

“Não podemos esperar”, alertou o ministro dos Negócios Estrangeiros das Maldivas,  Abdula Shahid, em declarações à agência Reuters.  “Para pequenos Estados, não é fácil. Quando obtivermos o financiamento, podemos estar debaixo de água”, lamentou.

Há dez anos, em outubro de 2009, o Governo das Maldivas, que tinha à época Mohamed Nasheed, como Presidente, reuniu-se no fundo do mar para alertar para os efeitos das alterações climáticas e o avanço do mar. Apesar do Conselho de Ministros inédito, a cinco metros de profundidade, as Maldivas não têm conseguido financiamento para construir infraestruturas para travar a subida das águas.

Em dezembro deste ano, durante a cimeira do clima da ONU, que decorreu em Madrid, Espanha, Maldivas e outros países mais vulneráveis pediram esforços concretos para conseguirem financiamento para lidar com o problema.

Apesar do apelo, voltaram sem resultados, como escreve a revista Sábado, dando conta que novas conversações estão marcadas para novembro deste ano.

Cerca de 80% das Malvidas, que recebe anualmente milhares de turistas, está um metro abaixo do nível do mar, deixando cerca de 530 mil habitantes locais vulneráveis.

  ZAP //

1 Comment

  1. O Pentágono, sabe muito mas mesmo muito sobre Ovnis e extraterrestres. Ainda deve ter em suas cadeias secretas, habitantes de outros planetas. Nada de novo sobre este tema. Esses arquivos um dia destes, serão tornados bem públicos.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE