Maiores bancos europeus declaram 26% dos lucros em paraísos fiscais

Os 20 maiores bancos europeus declaram um quarto dos seus lucros em paraísos fiscais, com preferência por Luxemburgo, Hong Kong e Irlanda, segundo um estudo da organização britânica Oxfam divulgado esta terça-feira.

Estes bancos “declaram 26% dos seus lucros em paraísos fiscais, ou seja, 25 mil milhões de euros em 2015, mas apenas 12% do seu volume de negócios e 7% dos seus funcionários” estão nesses locais, assinala a organização não-governamental, que publica este estudo com a Fair Finance Guide International.

“Apontamos a divergência entre a atividade declarada pelos bancos nos paraísos fiscais e a atividade real que ali têm. É enorme”, disse à France Presse Manon Aubry, co-autora do relatório.

Segundo o estudo, são declarados no total “628 milhões de euros de lucros em paraísos fiscais onde os bancos não têm qualquer funcionário”.

Esta “utilização abusiva de paraísos fiscais” pode permitir aos maiores bancos europeus “deslocalizar artificialmente os seus lucros para reduzir as contribuições fiscais, facilitar a evasão fiscal dos clientes ou contornar as suas obrigações regulamentares”, sublinha a Oxfam.

A ONG britânica considera paraísos fiscais os Estados que figuram nas principais listas sobre assunto, incluindo as da Organização de Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI), e acrescenta outros países de acordo com critérios próprios, como uma taxa de imposto baixa.

Os autores do estudo apoiaram-se em dados por país, sendo a sua publicação obrigatória para os bancos da União Europeia por motivos de transparência.

O Luxemburgo, a Irlanda e Hong Kong fazem parte dos paraísos fiscais privilegiados pelos estabelecimentos bancários estudados.

Na Irlanda, cinco bancos – o britânico RBS, o francês Société Générale, o italiano UniCredit e os espanhóis Santander e BBVA – “obtiveram uma rentabilidade superior a 100% e conseguem mais de lucro do que de volume de negócios”, sublinha a Oxfam.

Segundo o estudo, a taxa de imposto dos bancos analisados é em média de 6% e baixa até 2% para alguns bancos “bastante abaixo das taxas normalmente em vigor de 12,5%, o mais baixo da União Europeia”.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Eles tem lucros em offshores e o ZE LORPA anda a pagar impostos e + impostos p/ a banca que está em dificuldades. Povo até quando???

RESPONDER

"Fui muito feliz". Gaitán admite que gostava de voltar ao Benfica

O internacional argentino, que saiu do Benfica há três anos, admitiu em entrevista que gostava de voltar a jogar pelos encarnados. "Claro que gostaria, fui muito feliz no Benfica, senti-me muito confortável no clube. Mas também …

Harvey Weinstein perto de chegar a acordo de 22 milhões de euros com vítimas

O produtor, acusado de vários casos de abusos sexuais a atrizes e funcionárias, terá chegado a um acordo de 22 milhões de euros com 30 atrizes que o processaram. O acordo exige a aprovação do tribunal …

"A minha militância é já longa, nunca tive padrinhos" na política, diz Miguel Pinto Luz

O candidato à liderança do Partido Social Democrata (PSD), Miguel Pinto Luz, disse que o financiamento para a campanha vem de si próprio e de outros militantes. Afirmou que não recusa apoios de quem quer …

Nu num cavalo branco e de saltos altos. Retrato de Emiliano Zapata gera indignação no México

Centenas de manifestantes invadiram o Palácio de Belas Artes do México, na passada terça-feira, por causa de um retrato do general Emiliano Zapata (1879-1919), considerado um herói revolucionário no país. A obra, pintada pelo artista …

Felipe VI designa Sánchez como candidato a formar o próximo Governo

O Rei de Espanha designou, esta quarta-feira, em Madrid, o secretário-geral do PSOE e primeiro-ministro em funções como candidato a chefe do próximo Governo, anunciou a presidente do Parlamento. "Sua majestade o Rei [...] comunicou-me a …

No Porto, há um painel publicitário que recicla tanto ar como 230 árvores

O painel publicitário da Volvo, instalado na fachada de um prédio entre a Avenida da Boavista e a Rua 5 de Outubro, no Porto, é mais do que publicidade. A tela ajuda a reciclar o …

Governo recua e deixa cair proposta sobre perda de férias em caso de baixa prolongada

O Governo recuou e deixou cair a proposta apresentada aos sindicatos que previa que os funcionários públicos mais antigos que estivessem de baixa prolongada perdessem dias de férias, disse esta quarta-feira o líder da Fesap, …

Marta Temido recusa ser "refém" de Centeno e anuncia maior concentração de Urgências até ao verão de 2020

"Eu nunca me senti refém [de Mário Centeno]. Tenho alguma dificuldade nessa leitura. Este reforço de meios também permitirá injetar mais confiança no sistema e criar respostas. Mas não considero que tenho estado refém do …

IVA da luz. Proposta do Governo foi afastada há um ano porque "não tinha enquadramento legal"

Em 2018, o Bloco de Esquerda apresentou a proposta da taxa reduzida do IVA da luz para um primeiro escalão de consumo. O Governo não fez o pedido a Bruxelas - como fez agora -, …

Nenhum dos treinadores do FC Porto ou Belenenses relatou agressões à PSP

Nem Sérgio Conceição nem Pedro Ribeiro mencionaram uma eventual agressão nas suas declarações à polícia. O treinador portista deverá ser ilibado de qualquer acusação. No domingo, os treinadores de FC Porto e Belenenses, Sérgio Conceição e …