A máfia italiana tem uma nova arma de recrutamento: o TikTok

Os jovens membros da Camorra, organização criminosa aliada à máfia siciliana, estão a recorrer ao TikTok para divulgar o seu estilo de vida e recrutar novos membros.

Em maio, um vídeo foi publicado no TikTok que chamou a atenção da comunidade italiana. Foi gravado dentro de uma prisão, que mais tarde foi identificada como sendo a ala de alta segurança da prisão de Avellino, a 50 quilómetros de Nápoles, a cidade natal da máfia italiana.

Um dos prisioneiros conseguiu contrabandear um telemóvel para a sua cela, gravando posteriormente um TikTok e divulgando-o na rede social. Rapidamente, o vídeo tornou-se viral em Itália e foi removido do TikTok, embora ainda esteja disponível no YouTube.



Segundo a VICE Itália, este é um dos muitos casos em que os jovens das fileiras da Camorra, uma organização criminosa aliada à máfia siciliana, recorrem ao TikTok para divulgar o seu estilo de vida e afirmarem-se perante as máfias do resto do mundo. A tendência tem vindo a aumentar ultimamente.

Todavia, não há forma de provar que estes utilizadores do TikTok são de facto membros da Camorra, já que não há propriamente uma lista oficial de membros.

Enquanto no passado os membros da Camorra eram provenientes de apenas algumas famílias italianas, hoje, jovens aspirantes a mafiosos rapidamente conquistam medo e respeito com demonstrações de violência nas ruas, escreve a VICE. Além disso, os jovens procuram agora as luzes da ribalta, contrariando a tendência de esconderem as suas atividades criminosas.

Desde o início dos anos 2000, cada vez mais líderes de clãs Camorra mais velhos têm sido detidos, levando crianças e jovens a tomarem os seus lugares. Estes grupos de mafiosos mais jovens são conhecidos por atos de violência aleatória e injustificado, procurando causar medo e pânico.

Tradicionalmente, os clãs Camorra geriam racionalmente a violência, de forma a não perder o respeito da população local, salienta o professor Luciano Brancaccio, que escreveu um livro sobre o tema.

Muitos dos jovens Camorra que utilizaram o TikTok gabam-se das suas armas, tatuagens, carros, motas e outros itens de luxo. Os vídeos são acompanhados de músicas no dialeto local, cujas letras muitas vezes mencionam atividades criminosas. Contudo, nenhum dos vídeos mostra explicitamente crimes a serem cometidos. Em contrapartida, as descrições das publicações subentendem a sua afiliação ao crime organizado.

Marcello Ravveduto, professor de História Pública Digital da Universidade de Salerno, disse que o uso do TikTok pela máfia para espalhar a sua mensagem faz sentido: “Muitas vezes esquecemos-nos que as organizações criminosas e as redes sociais têm uma coisa importante em comum: uma rede”.

Assim, à medida que a visibilidade da Camorra no TikTok aumenta, também o seu grupo de recrutamento vai alargando.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Este artigo mistura sistematicamente Máfia com Camorra. São organizações diferentes e não necessariamente aliadas, como é dito.

    Uma incorreção:
    “Nápoles, a cidade natal da máfia italiana.” — não, Nápoles é a cidade natal da Camorra. E Camorra e Máfia são organizações diferentes

RESPONDER

Mais de metade dos rios do mundo não flui todo o ano

Entre 51% e 60% dos 64 milhões de quilómetros de rios e riachos do planeta Terra não fluem periodicamente ou secam durante parte do ano. De acordo com a agência Europa Press, este é o resultado …

Astrónomos podem ter detetado as maiores estruturas giratórias do universo

Pela primeira vez, astrónomos acabam de encontrar evidências de que algumas das maiores estruturas do cosmos giram numa escala de centenas de milhões de anos-luz. A estrutura em questão é um filamento cósmico, uma estrutura longa …

"A melhor seleção do mundo é a Bélgica"

Elogios do selecionador da Dinamarca ao adversário, mas ainda mais elogios aos seus jogadores, apesar de nova derrota dinamarquesa. Dois jogos em casa, duas derrotas. Apesar de realizar os seus encontros em Copenhaga, a Dinamarca está …

Se extraterrestres visitassem a Terra "não estariam vivos", diz astrónomo do SETI

Especialistas do Search for Extraterrestrial Intelligence (SETI), entidade que tem por objetivo a busca de vida no espaço, estão a afastar-se cada vez mais da ideia de encontrar inteligência extraterrestre igual à humana. Num artigo de …

Cientistas ajudam enxames de drones a evitar obstáculos (copiando o instinto dos pássaros)

Uma equipa de engenheiros da EPFL, na Suíça, desenvolveu um modelo de controlo preditivo que permite que enxames de drones voem em ambientes confusos com rapidez e segurança. Usar enxames de drones tem imensas vantagens, mas …

Países Baixos 2-0 Áustria | Laranja embala e carimba oitavos

Os Países Baixos venceram hoje a Áustria por 2-0, em jogo da segunda jornada do Grupo C do Euro2020 de futebol, e são a terceira seleção a garantir o apuramento para os oitavos de final …

Espanhol condenado a 15 anos por matar a mãe e alimentar-se dos seus restos mortais

Um espanhol de 28 anos foi condenado a 15 anos de prisão por matar a mãe e alimentar-se dos seus restos mortais, que partilhou com o cão. Em maio deste ano, um júri do tribunal da …

Mistério do "Tremor de Céu" em San Diego desvendado. Foram os Marines

Há fortes indícios de que o misterioso estrondo ouvido a semana passada na região de San Diego foi causado por uma aeronave supersónica em missão de treino ao largo da costa californiana. Os US Marines …

Federação arquivou caso Diakhaby

Valência não gostou da decisão e vai tentar prolongar o processo à volta do alegado insulto racista no jogo com o Cádiz. O Comité de Competição da Real Federação Espanhola de Futebol arquivou a denúncia de …

Um orangotango ameaçado de extinção vagueou por uma aldeia remota da Indonésia

Um orangotango de Bornéu vagueou por uma aldeia remota da Indonésia e foi ajudado pelos residentes locais durante vários dias. Apesar de ligeiramente alarmados, os habitantes foram acolhedoras naquele que foi um encontro improvável entre …