Maduro anuncia criação da El Petro, a “bitcoin chavista”

Fabio Rodrigues Pozzebom / ABr

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou este domingo a criação da ‘El Petro’, a “bitcoin venezuelana”.

A ‘El Petro’ é uma moeda virtual apoiada, entre outras, nas reservas petrolíferas do país e lançada para lutar contra o “bloqueio financeiro” dos Estados Unidos.

“Anuncio que a Venezuela vai criar um novo sistema monetário que tem como base as suas reservas de petróleo. A Venezuela vai criar uma moeda, a ‘Petro’, para progredir em matéria de soberania monetária, para realizar transações financeiras apesar do bloqueio financeiro”, afirmou Nicolás Maduro.

Segundo o presidente venezuelano, a proposta para a criação da criptomoeda partiu do ministro da Educação Universitária, Ciência e Tecnologia, Hugbel Roa, que deve assumir a tarefa de disponibilizar a Petro.

A Venezuela detém uma das maiores reservas petrolíferas do mundo mas, a par do petróleo, a nova moeda virtual também terá como base as reservas de gás e os ‘stocks’ de ouro e de diamantes do país, segundo precisou o chefe de Estado venezuelano durante o seu programa televisivo semanal, transmitido pelo canal estatal VTV.

“Isto vai permitir-nos avançar para novas formas de financiamento internacional para o desenvolvimento económico e social do país“, declarou ainda.

A Venezuela atravessa uma profunda crise política, económica e social. As importações diminuíram cerca de 80% e a população está a enfrentar uma grave escassez de alimentos e de remédios.

Várias agências de ‘rating’ já declararam que a Venezuela, bem como a companhia petrolífera estatal PDVSA, entrou em default, o incumprimento de pagamentos da dívida internacional.

Caracas acusa Washington de “perseguição financeira”, uma vez que o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump impôs, em finais de agosto, sanções económicas à Venezuela.

A moeda virtual chavista, no entanto, deve ter várias diferenças básicas em relação à bitcoin, já que vai ser controlada e emitida por um país e será atrelada a um bem físico, como as reservas de petróleo.

Segundo a Reuters, o anúncio da criação da nova moeda foi recebido com desdém por adversários do governo chavista, que apontaram a falta de credibilidade financeira da Venezuela para garantir o valor de uma nova moeda.

“Nicolás Maduro está a ser um palhaço. Esta moeda virtual não tem credibilidade“, disse o deputado da oposição e economista Angel Alvarado. “Não vejo futuro nisto”, acrescentou o colega legislador da oposição, José Guerra.

ZAP // Ciberia / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. quem não consegue cumprir as obrigações financeiras que já tem e já entrou em default, tem zero credibilidade para criar seja que tipo de moeda for. É uma fuga para a frente que em nada resolve os problemas da Venezuela nem do seu povo

RESPONDER

A Via Láctea roubou minúsculas galáxias à sua vizinha

Utilizando dados obtidos pelo Telescópio Gaia, os cientistas chegaram à conclusão que a Via Láctea "sequestrou" galáxias da Grande Nuvem de Magalhães, uma outra galáxia que a orbita. No nosso Universo, a regra é orbitar: a …

Pode ter sido encontrada (e ignorada) vida em Marte em 1976, defende antigo cientista da NASA

O antigo cientista da agência espacial norte-americana Gilbert V. Levin afirma que foram encontradas evidências de vida em Marte na década de 70. No entender do especialista, deviam ter sido levado a cabo mais investigações …

Era marketing. Fortnite voltou (e está diferente)

Depois de 10 temporadas, um buraco negro engoliu a ilha na qual diariamente milhões de jogadores tentavam sobreviver, matando-se uns aos outros. Durante um dia e meio, ninguém podia jogar. O susto acabou esta terça-feira, …

Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa. A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma …

Dono do Paris Saint-Germain quer comprar o Leeds (e torná-lo no novo Manchester City)

A Qatar Sports Investments (QSI), empresa que é detida por Nasser Al Khelaifi, quer dar o salto para o mercado inglês e adquirir o Leeds United, emblema que milita atualmente no segundo escalão. Na semana em …

Município italiano proíbe Google Maps. App faz com que muitas pessoas se "percam"

O autarca do município italiano de Baunei, na Sardenha, proibiu o uso do Google Maps na região, argumentando que "muitas" pessoas se perderam por causa de "sugestões enganosas" do serviço de localização. A informação é …

Pedalar mais dá direito a prémios. Tecnologia portuguesa desperta interesse de Copenhaga

Depois de se ter estreado em Matosinhos e de ter despertado interesse em Nova Iorque, um programa português que premeia comportamentos de mobilidade ambientalmente sustentáveis chamou a atenção em Copenhaga. O AYR, desenvolvido pela empresa CEiiA …

Associação de Armas americana editou artigos da Wikipédia para desacreditar o Holocausto

A National Rifle Association (Associação Nacional de Armas) dos Estados Unidos tem estado a editar artigos da Wikipédia de forma a desacreditar o Holocausto. Um trabalho de investigação da Splinter identificou pelo menos 150 edições em …

Bebé recém-nascida encontrada enterrada viva numa sepultura na Índia

Uma bebé recém-nascida enterrada viva foi encontrada na Índia por um pai que estava a enterrar a filha, que morreu após o parto, revelou o chefe da polícia local, Abhinandan Singh. A menina foi encontrada dentro …

Reutilização é a verdadeira alternativa a plástico descartável

A alternativa aos produtos de plástico descartáveis tem sido outros produtos também descartáveis, mas a melhor solução passa pela reutilização, indica um relatório divulgado esta terça-feira, que dá exemplos de sucesso. O documento, “The Reusable solutions: …