“Made in Vietnam”. China acusada de usar etiquetas falsas para evitar tarifas dos EUA

O Vietname acusa a China de falsificar as etiquetas dos seus produtos para evitar as taxas alfandegárias norte-americanas.

Xi Jinping tem o objetivo ambicioso de transformar a certificação “Made in China” de um sinónimo de fabricação barata e de baixa qualidade para um símbolo de orgulho nacional até 2025. Mas a guerra comercial entre o país e os Estados Unidos tem dificultado a sua missão, forçando alguns exportadores a abandonarem completamente esse rótulo de forma a evitar as tarifas ao entrar nas fronteiras norte-americanas.

Recentemente, o Governo do Vietname acusou a China de estar a rotular intencionalmente como “Made in Vietnam” as etiquetas dos seus produtos para contornar as tarifas impostas por Washington.

Além disso, o Vietname alegou que alguns exportadores chineses reencaminharam ilegalmente pedidos para o país desde que o Governo de Donald Trump aumentou as taxas alfandegárias dos produtos chineses, de 10% para 25%.

Alegadamente, o esquema das empresas chinesas baseava-se em exportar os produtos para o Vietname e, lá, alterar as etiquetas para “Made in Vietnam”. Só depois os produtos seriam então exportados para os Estados Unidos, Europa e Japão.

Hong Thi Thuy, um responsável do Departamento das alfândegas, afirmou à empresa estatal que “dezenas” de produtos foram adulterados. Segundo Thuy, a maior parte dos produtos fraudulentos são da indústria têxtil, da pesca, agrícolas, aço e alumínio.

De acordo com o Observer, acredita-se que este esquema de etiquetagem falsa seja parcialmente responsável ​​pelo aumento dramático na exportação do Vietname para os Estados Unidos nos últimos tempos.

Como resposta, o Vietname vai reforçar a fiscalização para evitar este tipo de fraude. No entanto, o país não tem regulamentação específica para a certificação de produtos fabricados dentro do seu território, pelo que vê esta situação como um “risco”, uma vez que colocaria a indústria sob alvo de sanções norte-americanas.

A disputa implacável entre os Estados Unidos e a China começou no ano passado, quando Washington impôs tarifas de até 25% sobre as importações chinesas de aço e alumínio. Para Donald Trump, a balança de negócios com a China estava desequilibrada a favor dos asiáticos.

A tensão escalou recentemente quando Trump proibiu a chinesa Huawei de operar nos Estados Unidos sob acusação de “espionagem industrial”. Para solucionar esta guerra comercial, ambos os países terão de alcançar um acordo.

LM, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Meio pombo, meio drone. O PigeonBot mostra como é que os pássaros voam

O PigeonBot procura explorar a morfologia das asas de um pombo e mostrar como é que eles voam. Um melhor entendimento disto pode ter aplicações na aeronáutica. Há muitos anos que o dom dos animais de …

Incêndios na Austrália permitiram descobrir canal mais antigo do que as Pirâmides do Egipto

Depois de a vegetação ter sido devastada pelos incêndios em Victoria, na Austrália, investigadores descobriram que este sistema de canais é significativamente maior do que se pensava. Desde setembro do ano passado que a Austrália enfrenta uma …

Sírios estão a vender os seus bens pessoais para que os filhos possam comer

O coordenador do projeto Médicos Sem Fronteiras na Síria diz que muitas famílias estão a ser forçadas a vender os seus bens pessoais para que os filhos possam comer. Bombardeamentos aéreos na Síria são uma constante. …

Casa Branca prepara medidas para travar "turismo de parto"

A Casa Branca prepara-se para endurecer as medidas que permitem a emissão de vistos para mulheres estrangeiras que vão aos Estados Unidos dar à luz para que os seus filhos recebem automaticamente cidadania norte-americana. A …

Eletrões e quarks podem experimentar consciência, defende professor

O filósofo Philip Goff defende, num livro que publicou recentemente, uma teoria milenar que sustenta que todas as formas de matéria - incluindo os eletrões e até os quarks - podem experimentar consciência. Tal como observa …

Lego lança réplica da Estação Espacial Internacional

A Lego anunciou um novo conjunto para todos os entusiastas de exploração espacial. A Estação Espacial Internacional está a muitos quilómetros de distância da Terra mas, agora, quem quiser pode ter uma reprodução nas sua …

HBO anuncia sátira de animação sobre família real britânica

A plataforma de streaming HBO encomendou uma série de comédia do género de "Family Guy" em versão realeza, inspirada nos membros mais famosos da família real britânica.  De acordo com a AFP, a série vai chamar-se …

Salário mínimo sobe para 950 euros em Espanha

O Governo de Espanha anunciou, esta quarta-feira, um aumento do salário mínimo nacional para 950 euros. A ministra do Trabalho e da Economia Social, Yolanda Díaz, anunciou, esta quarta-feira, a subida do salário mínimo para os …

O Relógio do Juízo Final avança 20 segundos. Faltam 100 para o Apocalipse

O Boletim de Cientistas Atómicos anunciou, esta quinta-feira, que o Relógio do Julízo Final está mais próximo do apocalipse. Especialistas avançaram o relógio 20 segundos para alertar líderes e cidadãos de todo o mundo que …

Juiz que pediu escusa por ser benfiquista continua com o caso dos emails

O presidente do Tribunal da Relação do Porto decidiu julgar improcedente o pedido de escusa do juiz. Em causa estava o facto de ser adepto do Benfica. Segundo o jornal Público, o juiz desembargador Eduardo Pires, …