Lula entrega-se à polícia depois de missa em memória da mulher

Ricardo Stuckert / PR / ABr

O ex-presidente do Brasil, Lula da Silva

O Partido dos Trabalhadores marcou para este sábado uma missa em honra de Marisa Letícia, que faria 68 anos. O ex-presidente informou a Polícia Federal de que se entregaria depois, em São Paulo.

O juiz federal Sergio Moro tinha definido sexta-feira como o dia em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se deveria apresentar à Polícia Federal e começar a cumprir a pena de 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Mas a estratégia de Lula da Silva alterou o guião traçado pelo magistrado, estendendo para o fim de semana o processo sobre a situação do político, explica a BBC.

Após um dia marcado pela reunião de uma multidão em volta do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, onde Lula estava abrigado desde a noite de quinta-feira, a Polícia Federal anunciou que não cumpriria o mandado de prisão contra o ex-presidente, enquanto fontes ligadas a Lula sugeriam que este se poderia entregar às autoridades nos próximos dias.

Nomes do PT e de partidos aliados e líderes de movimentos sociais passaram o dia a entreter milhares de militantes com discursos inflamados em defesa do líder, em frente ao prédio do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

De acordo com o Estadão, a defesa de Lula da Silva informou que o ex-presidente pretende entregar-se às autoridades este sábado, logo após uma missa que será realizada em memória da sua mulher que faleceu, Marisa Letícia, e que faria 68 anos.

As informações foram dadas à publicação por fontes que acompanham de perto as negociações entre Lula e a Polícia Federal para a rendição do ex-presidente. Ainda não há uma decisão sobre como será o procedimento a ser adotado.

Lula da Silva tinha até as 17:00 locais – 21:00 de Portugal – de sexta-feira, para se entregar na sequência de um mandado de prisão do juiz federal Sérgio Moro no processo do triplex do Guarujá, no qual foi condenado a 12 anos e um mês de prisão.

O político encontra-se barricado no Sindicato dos Metalurgicos. Recorde-se, que pela lei brasileira, a Polícia Federal não não pode prender ninguém depois das 18:00.

Lula exigiu não passar por práticas vexatórias, como ser algemado, uma possibilidade que o próprio Moro já tinha excluído na sua ordem de prisão.

Na prática e distante dos olhos da militância, Lula admitia se submeter à ordem judicial e ir para a cadeia em breve. No entanto, deixava claro que a sua força política e popular o credenciavam a entregar-se nos seus termos, e não nos estabelecidos pelo juiz Sergio Moro.

As negociações entraram pela noite e acabaram suspensas em condições amistosas. Pessoas envolvidas na conversa pelo lado de Lula afirmaram à BBC Brasil que a tendência é que o ex-presidente se entregue em São Paulo, este sábado.

Fontes ligadas à Polícia Federal também confirmaram reservadamente os termos e o andamento das conversas. Ainda assim, a definição da data e do local da prisão foram adiados para sábado. Até o fim do diálogo, a Polícia Federal garante que não vai prender Lula.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Eu diria que, observando o desenrolar dos acontecimentos nos últimos tempos no Brasil, houve um plano da direita, que inclui os aspetos políticos, como a destituição de Dilma, judiciários como a condenação e prisão de Lula, para impedir o avanço da democracia e a distribuição da riqueza de uma maneira mais justa por todas as camadas da sociedade brasileira. É um retrocesso e, certamente, não durará muito. O progresso, o desenvolvimento e o avanço da justiça social são fatores incontornáveis à medida que a civilização progride e a democracia se vai exercitando através do voto. Era bom é que se fizesse de um modo o mais pacífico e natural possível.

    • Recordo que os consulados Lula e Dilminha
      se celibrizaram pela corrupção, violência, enfim como é característica desse tipo de “democracias”.

RESPONDER

Iniciativa Liberal acusa comissão promotora de a tentar impedir de participar no desfile do 25 de Abril

A Iniciativa Liberal (IL) acusou, esta terça-feira, a comissão promotora do desfile do 25 de Abril de tentar impedir o partido de participar nas comemorações, pretendendo os liberais organizar o seu próprio desfile no mesmo …

EDP defende que venda de barragens não estava sujeita a imposto de selo

A EDP considera que a venda da concessão das barragens ao consórcio da Engie não beneficiou de isenção do Imposto do Selo prevista na lei desde 2020 porque a forma como a operação decorreu não …

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Lisboa

A Polícia Judiciária (PJ) está, esta terça-feira, a fazer buscas na Câmara Municipal de Lisboa, nas instalações do departamento de gestão urbanística, situadas no Campo Grande, e nos Paços do Concelho. Ao que o jornal online …

Portugal regista mais 424 casos e cinco óbitos por covid-19

Portugal registou, esta terça-feira, mais cinco mortes e 424 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

Ministro reconhece que retoma do Ensino Superior tem de ser "gradual"

O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior considerou, esta segunda-feira, que a retoma das atividades letivas tem de ser feita de forma “gradual e faseada”, mas mostrou-se satisfeito com a responsabilidade demonstrada por docentes …

Apenas uma em cada 500 pessoas foram vacinadas nos países pobres. Greta Thunberg apoia vacinação equitativa com 100 mil euros

Apenas uma em cada 500 pessoas, em média, foi vacinada contra a covid-19 nos países pobres, enquanto nos ricos uma em cada quatro já está parcial ou totalmente imunizada, revelou esta segunda-feira a Organização Mundial …

Mário Soares vai dar nome a uma rua na Covilhã

O antigo Presidente da República Mário Soares vai dar nome a uma das ruas da Covilhã, numa homenagem que integra as comemorações do 25 de Abril naquela cidade do distrito de Castelo Branco. O programa preparado …

"Estava em segredo". Comissão de inquérito abre investigação à divulgação do relatório secreto de Costa Pinto

A Comissão Parlamentar de Inquérito ao Novo Banco abriu esta terça-feira uma investigação sumária à divulgação do chamado “Relatório Costa Pinto”. A notícia é avançada esta terça-feira pelo jornal online Observador, o mesmo órgão de comunicação …

Cheias em Luanda fazem 14 mortos e mais de 8 mil desalojados

As chuvas torrenciais que esta segunda-feira provocaram o caos em Luanda, deixaram 14 mortos e mais de oito mil pessoas desalojadas, segundo dados transmitidos esta noite pelo porta-voz do serviço de protecção civil e bombeiros. Faustino …

De Ronaldo a Félix. Seleção pode perder oito jogadores com a Superliga

Se a Superliga Europeia avançar, assim como as ameaças da UEFA, a seleção das quinas poderia ficar sem oito jogadores, tendo em conta a última convocatória para os jogos de qualificação para o ​​​​​​​Mundial 2022. A …