Livre exige que património das ex-colónias em museus portugueses seja devolvido

TIago Petinga / Lusa

O Livre quer que todo o património das ex-colónias, presente em território português, possa ser restituído pelos países de origem de forma a “descolonizar” museus e monumentos estatais.

O partido da papoila quer que o património das ex-colónias portuguesas, que esteja atualmente na posse de museus e arquivos nacionais, possa ser identificado, reclamado e restituído às comunidades de origem, segundo uma proposta de alteração ao Orçamento do Estado para 2020.

A elaboração da lista do património a ser restituído estaria a cargo de um “grupo de trabalho composto por museólogos, curadores e investigadores científicos”.

A medida, assinada pela parlamentar única do Livre, Joacine Katar Moreira, está inserida numa proposta que pretende implementar um programa de “descolonização da cultura” e uma “estratégia nacional para a descolonização do conhecimento”, valores presentes no programa do partido para as legislativas de 2019.

Joacine Katar Moreira sugere também que a criação de uma “comissão multidisciplinar composta por museólogos, curadores, investigadores científicos (história, história da arte, estudos pós-coloniais e decoloniais) e ativistas antirracistas”, escreve.

Esta comissão teria como objetivo “forjar diretivas didáticas para a recontextualização das coleções dos museus e monumentos nacionais” de forma a “estimular uma visão crítica sobre o passado esclavagista colonial, reenquadrando-o e recontextualizando-o à luz das mais recentes investigações académicas”, pode ler-se na proposta.

Para o partido da papoila, tendo em conta o passado colonial português, esta é uma oportunidade para o país de “fazer parte destes debates ao nível institucional” e “escolher ser parte de um movimento que congrega a procura de justiça histórica, ao mesmo tempo que responde às necessidades e desafios do tempo presente”.

O Livre apresentou ao executivo 32 propostas de alteração para o OE2020 e anunciou ontem que 11 dessas propostas têm “sinalização positiva” por parte do executivo.

A proposta do OE2020 foi aprovada em 10 de janeiro na generalidade (votos a favor dos deputados do PS, abstenções de BE, PCP, Verdes, PAN, Livre e três deputados do PSD da Madeira e contra de PSD, CDS-PP, Chega e Iniciativa Liberal) e a votação final global do documento acontecerá em 6 de fevereiro.

// Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Esta gaja não existe.
    Depois admirem-se que os atrasados mentais dos (proto) nazis ganhem força.
    Ela está a pavimentar-lhes o caminho.

  2. Ora ai está a verdadeira essência do Livre. Vamos devolver tudo o que sacámos nos últimos 500 anos, á semelhança certamente dos restantes paises Europeus que também foram colonizadores, tais como a Inglaterra, a França, a Holanda, Itália e por aí fora.
    Não esquecer as indemnizações ás familias dos escravos por favor.
    E esta gente, em que muitos nem nasceram em Portugal, tem assento no nosso Parlamento.
    Tenham dó e vão mas é fazer algo de produtivo e de útil pelo nosso País, que vos acolheu tão bem.
    Continuem assim, para dar mais força a partidos como o Chega.

  3. O que todos nós deveremos exigir é que parasitas como a Joacine devam ser todos restituídos à procedência e que os bens dos portugueses espoliados “roubados” sejam entregues aos seus verdadeiros donos que na prática fizeram alguma coisa pelo desenvolvimento de África enquanto “eles” os seus chefes com doutrina comunista, nada mais têm feito do que sacar e retroceder, aumentando a miséria do povo africano.

  4. Quando penso que vou ter que pagar com os meus impostos durante quatro Anos este Partideco e esta aberração com assento na A.R em particular. Podem crer que até me enjoa !….. Esta criatura pode-se bem juntar a outros xenófobos que raspam o rabo nas cadeiras da A.R, porque neste caso o Racismo só é diferente na cor da pele. Pessoa asquerosa que mete nojo !…não merece o ar que neste País respira !..Insulta Portugal em todas as ocasiões, portanto reservo-me o direito de a convidar a viajar de volta para a sua Pátria mãe ! Quem não está bem …mude-se!

  5. E para “descolonizar” completamente toca a devolver os bens que os portugueses foram obrigados a lá deixar quando foram corridos pelos racistas negros.~
    Hã?? embora lá trocar???

Responder a Bruno Cancelar resposta

Infarmed suspende hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19

O Infarmed suspendeu o uso de hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19. Para além da OMS, outros países já tomaram a mesma decisão que Portugal. A decisão vem no mesmo sentido da Organização Mundial de …

PCP mantém festa do Avante! e pede calma às "almas mais inquietas"

O secretário-geral do PCP admitiu hoje que “não seria um drama”, devido à pandemia de covid-19, cancelar a festa do Avante, e garantiu que não é por dinheiro que os comunistas estão empenhados em realizá-la …

Futebol inglês aponta regresso para dia 17 de junho

A Liga inglesa de futebol, suspensa desde 13 de março devido à pandemia da covid-19, vai regressar em 17 de junho, com a realização de dois encontros em atraso, de acordo com BBC e Sky …

Estado investe 2.000 milhões na ferrovia, mas comboios vão circular à mesma velocidade

O investimento da Infraestruturas de Portugal deverá rondar os 2.000 milhões de euros, mas este montante servirá quase exclusivamente para eletrificação de linhas e substituição de sinalização. De acordo com a edição desta quinta-feira do jornal …

SBSR confirma Foals, Local Natives e Boy Pablo para a edição de 2021

Os Foals, os Local Natives e o músico Boy Pablo são os primeiros nomes reagendados para a 26.ª edição do Festival Super Bock Super Rock, remarcada para julho de 2021, foi hoje anunciado. O SBSR deveria …

Artistas com espetáculos cancelados recebem pelo menos 50%

O primeiro-ministro referendou, esta quarta-feira, a lei que regula a possibilidade de festivais e espetáculos no verão e que assegura apoio financeiro a artistas alvo de cancelamento ou reagendamento dos espetáculos por causa da pandemia. Este …

EUA anunciam fim da isenção de sanções no programa nuclear civil iraniano

Os Estados Unidos (EUA) anunciaram na quarta-feira o fim das derrogações que autorizaram até agora projetos relacionados com o programa nuclear civil iraniano, acordo internacional de 2015 do qual Washington se retirou. "Hoje, anuncio o fim …

Violência doméstica, droga, bairros problemáticos. Agentes da PSP obrigados a usar coletes anti-bala

A Direção Nacional da Polícia de Segurança Pública (PSP) decidiu tornar obrigatório o uso de coletes balísticos em oito tipos de situações. De acordo com o Jornal de Notícias, os agentes da PSP vão passar a …

Benfica e FC Porto estão entre os clubes europeus com maior valor comercial

O Benfica e o FC Porto estão em 24.º e 30.º, respetivamente, na lista dos 32 clubes de futebol europeus com maior valor comercial, que é liderada pelos espanhóis do Real Madrid. O Benfica (24.º) e …

Estados Unidos podem vir a acusar Cilia Flores, mulher de Maduro, por narcotráfico

Os Estados Unidos podem vir a acusar formalmente a mulher do presidente venezuelano, Nicolás Maduro, por crimes de tráfico de droga e corrupção. A notícia foi avançada esta quarta-feira pela Reuters, que cita quatro fontes diferentes. …