Há livrarias a recusar vouchers de manuais gratuitos por falhas no pagamento do Estado

Algumas livrarias estão a enfrentar problemas financeiros com a entrega dos manuais escolares gratuitos que, neste ano, foram alargados até ao 12.º ano. Tudo devido a atrasos no pagamento dos reembolsos do Estado. Nalguns casos, estão a recusar os vouchers.

Há livrarias de norte a sul do país que estão a recusar os vouchers para entrega de manuais escolares gratuitos porque se queixam de ainda não ter recebido reembolsos do Ministério da Educação.

O problema prende-se com o facto de a medida ter sido alargada, neste ano lectivo, aos estudantes até ao 12,º ano, o que envolve oito milhões de vouchers para 1,2 milhões de alunos. O custo total é de 145 milhões de euros, enquanto no ano passado se ficou pelos 2,8 milhões de euros.

Há estabelecimentos que não têm capacidade financeira para encomendar os manuais para entrega gratuita aos encarregados de educação, lamentando as falhas no reembolso dos valores por parte do Ministério da Educação.

Há muitas papelarias que não vão aguentar“, queixa-se o dono de um destes espaços em Vila do Conde, Pedro Silva, em declarações ao Jornal de Notícias (JN).

“No ano passado, os livros só eram gratuitos até ao 6.º ano, ou seja, o dinheiro que facturávamos com o 3.º ciclo e secundário dava para aguentar a demora do pagamento dos vouchers“, mas “este ano, com manuais gratuitos até ao 12.º ano, é muito complicado“, lamenta Pedro Silva.

E há casos de proprietários que estão a endividar-se para conseguirem dar resposta à situação, como é o caso de Pedro Silva que diz ao JN que está a rejeitar mais vouchers até receber o próximo pagamento do Estado e que tem 17 mil euros a receber.

Fonte do Ministério da Educação aponta ao JN que não tem “registo de reclamações”, garantindo que os pagamentos estão a ser “feitos dentro dos prazos”.

A Confederação Nacional das Associações de Pais também refere ao jornal que não tem indicações de quaisquer problemas.

Ao contrário do que aconteceu noutros anos, agora o pagamento às livrarias é responsabilidade do Instituto de Gestão Financeira da Educação que se comprometeu a devolver o dinheiro dos manuais gratuitos em 15 dias.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Continua a negociata dos livros escolares!…
    Se os livros são pagos pelo Estado, tem que ser recolhidos e entregues a outros alunos no ano seguinte!!

  2. Mandaram o “grande noia” dizer no último comentário na SIC, “que este era um governo de boas contas” mas os factos demonstram que afinal ele não passa também de um grande mentiroso!…

RESPONDER

Constitucional chumba barrigas de aluguer pela segunda vez

O Tribunal Constitucional chumbou, esta quarta-feira, pela segunda vez, o diploma do Parlamento sobre gestação de substituição, depois de um chumbo no ano passado. O BE apresentou uma proposta em que se previa "que a gestante …

Furacão Humberto ganha força a caminho das Bermudas

O furacão Humberto aumentou de intensidade nas últimas horas e atingiu a categoria 3 a caminho das Bermudas, informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC) nesta quarta-feira. O terceiro furacão da temporada no Atlântico, …

Brasil é o país lusófono com mais refugiados. Já Portugal tem as maiores remessas dos emigrantes

Um relatório das Nações Unidas (ONU) revelou que o Brasil é o país lusófono que acolhe mais refugiados, Portugal é o que recebe mais remessas dos emigrantes e Moçambique teve o maior aumento de estrangeiros …

Ryanair deixa de voar entre Porto e Lisboa em outubro (mas fica com base mais reduzida em Faro)

A transportadora aérea irlandesa Ryanair vai deixar de voar entre Porto e Lisboa a partir de 25 de outubro devido a “razões comerciais”. A confirmação foi dada pela empresa ao Jornal de Notícias. Em abril, a …

Frente-a-frente entre Costa e Rio teve menos 633 mil espectadores do que o debate entre Costa e Passos em 2015

O frente-a-frente entre António Costa e Rui Rio, os líderes dos dois maiores partidos, teve menos audiência do que o confronto de há quatro anos, entre António Costa e Pedro Passos Coelho. Cerca de de …

EDP condenada a multa de 48 milhões por abuso de posição dominante na produção de energia

A Autoridade da Concorrência (AdC) condenou a EDP por abuso de posição dominante. A coima de 48 milhões de euros foi aplicada à EDP Produção por manipular a oferta de serviços de sistema que regula …

Há sete anos que a média de secundário dos colocados no Ensino Superior não era tão alta

Há sete anos que a média de secundário dos colocados no ensino superior não era tão alta. Relativamente aos alunos de cursos científico-humanísticos, a média dos colocados tem vindo a aumentar desde 2015, tendo atingido …

Futebolistas internacionais russos Kokorin e Mamayev saíram da prisão

Pavel Mamayev e Alexander Kokorin foram detidos depois de atacarem dois homens, um responsável do governo, num estacionamento de um hotel, e um outro num café. Deixam a prisão por "bom comportamento". Os futebolistas internacionais russos …

Praga de baratas fecha refeitório do hospital Amadora-Sintra

Uma praga de baratas está a afetar o Hospital Amadora-Sintra, provocando sérios transtornos às centenas de trabalhadores desta unidade de saúde. O caso foi denunciado ao Correio da Manhã por funcionários e confirmado pelo hospital. A …

Singapura é a inesperada vencedora da crise em Hong Kong

A instabilidade política está a levar uma crescente instabilidade económica em Hong Kong. Quem beneficia com isto é a Singapura, que surge como alternativa no mercado asiático. Em Hong Kong, o duelo entre os manifestantes contra …