Entre lágrimas e após três tentativas, lista dirigente de Ventura foi aprovada

Nuno Veiga / Lusa

O presidente do Chega, André Ventura, na II Convenção Nacional do partido

O presidente do Chega conseguiu, este domingo, à terceira tentativa, a maioria de dois terços dos votos exigida para eleger a sua direção na II Convenção Nacional, em Évora.

Apenas às 20h02 foram proclamados os resultados de 247 votos favoráveis e 26 contra, num universo de 273 votantes, mais de cinco horas depois do horário previsto se tudo tivesse decorrido como previsto pela organização.

Ainda antes do almoço, votaram 378 delegados do total de 510 inscritos, com 183 a apoiarem o rol de nomes apresentado por André Ventura, mas 193 rejeitaram a lista para a direção nacional, ou seja, não foram atingidos os dois terços dos votos exigidos pelos estatutos. Houve ainda um voto branco e um nulo.

À tarde, os mesmos nomes propostos para dirigentes pelo líder foram novamente chumbados, apesar dos 219 votos favoráveis e 121 contra.

De acordo com o jornal online Observador, quando foi conhecido o resultado da segunda votação, Ventura, emocionado, assumiu a responsabilidade da derrota e sugeriu que iria avançar com a demissão.

Mas, depois, perante os “não!” dos delegados presentes e das lágrimas, incluindo do próprio líder, seguiu-se uma nova suspensão dos trabalhos para formar uma nova lista, que acabaria por ser a mesma.

Segundo o Diário de Notícias, na lista aprovada mantêm-se no organismo de cúpula do partido Diogo Pacheco Amorim, Nuno Afonso e José Dias, assim como Antonio Tanger Correia e Gabriel Mithá Ribeiro.

Como vogais transitam da direção cessante Ricardo Regala e Lucinda Ribeiro, aos quais se juntam Rita Matias, Pedro Frazão, Patrícia Sousa Uva, Tiago Sousa Dias, Fernando Gonçalves e Rui Paulo Sousa, indicado pelo Partido Pró-Vida/Cidadania e Democracia Cristã (PPV/CDC), no âmbito da fusão dos dois partidos.

No discurso da vitória, Ventura prometeu “lutar até à última gota de sangue por Portugal” para que “seja de novo um grande e enorme país”, cita o DN.

“Aqueles que pensavam que seria um partido como os outros em que jogadas de bastidores decidiam o poder interno, desenganem-se. Este partido é dos militantes. Nunca cederei a jogos de bastidores”, declarou ainda.

“Podem desenganar-se porque nós temos democracia interna e saímos daqui mais fortes do que nunca. Aqueles que hoje pensavam que a luta contra a corrupção ia acabar, que o compadrio ia acabar, que a única voz na Assembleia da República se ia calar tiveram uma grande desilusão. Porque nós somos feitos de uma incrível massa de resistência“, cita ainda o semanário Expresso.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Lágrimas de crocodilo! Esperemos que vença o NOT TO BE !! “Lutar até à última gota de sangue” temos aqui outro Egas Moniz! Ele que me perdoe a comparação!

RESPONDER

Pessoas com 55 anos ou mais já podem agendar a vacina contra a covid-19

Depois dos maiores de 60 anos, chegou a vez da inscrição dos utentes com 55 anos ou mais. Estes cidadãos já podem agendar a toma da vacina contra a covid-19. O auto-agendamento para a vacina contra …

Primeiro-ministro israelita garante que o país usará "força crescente" contra Hamas

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, avisou na quarta-feira que Israel vai continuar a intensificar a força dos ataques retaliatórios contra as milícias palestinianas em Gaza e que vai visar vários comandantes da liderança militar do …

Melhorias nos edifícios e uma nova plataforma. PRR tem 45 milhões para ajudar pessoas com deficiência

O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) tem 45 milhões de euros para acelerar as acessibilidades físicas para pessoas com deficiência ou incapacidades. Na terceira componente do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) disponibilizado pelo Governo, …

Siza Vieira diz que Governo está “disponível para colocar recursos públicos” na transição digital

Pedro Siza Vieira revelou estar "inteiramente disponível para colocar recursos públicos" ao serviço da transição digital e assegurou que o país "está preparado" para aproveitar fundos da UE. O ministro da Economia e da Transição Digital …

Partido de Macron impede candidata de concorrer a eleição por usar hijab

O partido do presidente francês Emmanuel Macron impediu uma mulher muçulmana de concorrer como candidata às eleições locais porque tirou uma fotografia para um panfleto de campanha usando um hijab na cabeça. Sara Zemmahi ficou famosa …

Coroa de D. Maria II arrematada por 1,3 milhões. Não vem para Portugal por falta de dinheiro

A tiara de diamantes e safiras da década de 1840, que pertenceu à rainha D. Maria II e suscitou interesse da direção do Palácio Nacional da Ajuda, foi arrematada em leilão da Christie’s por 1 …

Nova alteração no apoio à retoma. Empresas podem cortar horários em 100% em maio e junho

O Governo voltou a alterar o apoio à retoma e decidiu permitir que as empresas com quebras de, pelo menos, 75% continuem a reduzir os horários dos seus trabalhadores até 100%, no mês de maio …

É oficial. Dragão vai receber final da Champions (e com adeptos nas bancadas)

A UEFA anunciou, esta quinta-feira, que o Estádio do Dragão, na cidade do Porto, vai ser o palco da final da Liga dos Campeões, entre Chelsea e Manchester City, a 29 de maio. "A final da …

Nuno Mendes entra na agenda do Nápoles

Depois de ter chamado a atenção de vários clubes europeus, o clube napolitano é o mais recente interessado no jovem lateral do Sporting. Segundo o jornal Corriere dello Sport, com a qualificação quase garantida para a …

Nova ponte no Douro vai estar pronta em 2025. Vai custar 36,9 milhões de euros

A nova ponte rodoviária sobre o rio Douro custa 36,9 milhões de euros, incluindo acessos, e fica pronta em 2025, indica a proposta de lançamento de concurso que vai esta quinta-feira à reunião camarária de …