Legislativas 2019: Assunção Cristas deixa liderança do CDS

Estela Silva / Lusa

Assunção Cristas, líder do CDS, reconheceu a derrota do partido nas eleições legislativas deste domingo, anunciando a realização de um congresso extraordinário para escolher uma nova liderança, frisando que não se recandidata.

Foi a primeira líder dos grandes partidos a eleições que falou à comunicação social, depois do fecho das urnas, e foi para reconhecer a derrota histórica do CDS. As projecções apontam o CDS como um dos grandes derrotados das legislativas, com uma votação entre 3% a 5%. Na pior das hipóteses, pode ficar com apenas 2 deputados no Parlamento. Em 2015, o CDS conseguiu eleger 17 deputados.

Perante este resultado, Assunção Cristas anunciou que vai convocar o Conselho Nacional do CDS para a realização de um congresso extraordinário para eleição de um novo líder para o partido. Certo é que Assunção Cristas não se recandidata ao cargo, como garantiu.

“Dei o meu melhor. Decidi não me recandidatar”, frisou Assunção Cristas numa curta declaração aos jornalistas na sede nacional do CDS, em Lisboa.

“Durante quatro anos, o CDS foi uma oposição forte e construtiva, muitas vezes sentimos que fomos uma voz isolada no Parlamento”, apontou ainda Cristas numa farpa ao PSD.

Filipe Lobo d’Ávila em “estado de choque”

Filipe Lobo d’Ávila, do grupo “Juntos pelo Futuro” do CDS, afirmou-se hoje “em estado de choque” com os resultados do partido nas legislativas, acrescenta estar “consciente das responsabilidades”, mas não esclarece se poderá candidatar-se no próximo congresso.

“Em estado de choque num dos dias mais tristes da minha vida política no CDS mas consciente das responsabilidades que um resultado destes tem para todos nós no CDS. Sempre CDS. Nos bons e nos maus momentos”, escreveu Lobo d’Ávila na sua conta do Facebook.

Lobo d’Ávila, ex-deputado e membro do conselho nacional do CDS, só deverá fazer novas declarações nos próximos dias, disseram à Lusa fontes partidárias.

Matos Santos candidata-se à liderança

Abel Matos Santos, porta-voz da Tendência Esperança em Movimento-CDS (TEM-CDS), saudou hoje a demissão de Assunção Cristas da presidência do partido, e vai candidatar-se à liderança no próximo congresso.

Em declarações à Lusa, Matos Santos afirmou que será candidato porque este não é “tempo de estratégias ou táticas”, mas de assumir as “responsabilidades” e vai apresentar uma moção e uma candidatura no congresso nacional, que será antecipado, por proposta da líder, Assunção Cristas.

É preciso o partido assumir as suas ideias com clareza, assumir-se como partido de direita democrática e deixar o politicamente correto”, disse. Em comunicado, a TEM assinalou que o CDS “teve um mau resultado, um dos piores de sempre da sua história, e com isso o espaço socialista e de esquerda mantém a governação”.

A tendência afirma ainda congratular-se “com a decisão da presidente do CDS de convocar um conselho nacional para a marcação do congresso”, que espera realizar-se “no mais curto espaço de tempo”.

SV, ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Não disse antes , que esta Sra e o seu partideco iriam apanhar um banho de água gelada !!!!!!………. Não era preciso ser vidente para adivinhar tal derrota. A hipocrisia paga-se caro !

RESPONDER

Operação Rota do Cabo leva à detenção de 22 pessoas

A Procuradoria-geral Distrital de Lisboa (PGDL) anunciou hoje a detenção de 22 pessoas no âmbito a operação Rota do Cabo, efetuada para desmantelar uma alegada rede criminosa de auxílio à imigração ilegal. Em comunicado, a PGDL …

Garcia de Orta. Governo admite recorrer a pediatras do privado para assegurar urgência

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ramos, disse que a falta de médicos pediatras nas urgências do hospital Garcia de Orta “é uma situação que não é possível resolver de um …

Cientistas descobrem um novo benefício de tomar chá

https://vimeo.com/366605754 Se já se sabia que beber chá era bom para a nossa saúde, uma nova investigação vem confirmar ainda mais essa ideia. Cientistas encontraram no chá um novo benefício para o nosso cérebro. Várias investigações apontam …

Governo da Escócia quer novo referendo sobre independência em 2020

A ministra principal da Escócia e líder do Partido Nacionalista Escocês (SNP), Nicola Sturgeon, afirmou esta terça-feira que quer um novo referendo sobre a independência em 2020 e abrir negociações com Londres até ao fim …

As bactérias contradizem Darwin: a mais apta não sobrevive

Uma recente investigação levada a cabo pela Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, revela que, no que diz respeito às bactérias, a "sobrevivência das mais cooperativas" excede a "sobrevivência das mais fortes". As bactérias são capazes de …

A Via Láctea roubou minúsculas galáxias à sua vizinha

Utilizando dados obtidos pelo Telescópio Gaia, os cientistas chegaram à conclusão que a Via Láctea "sequestrou" galáxias da Grande Nuvem de Magalhães, uma outra galáxia que a orbita. No nosso Universo, a regra é orbitar: a …

Pode ter sido encontrada (e ignorada) vida em Marte em 1976, defende antigo cientista da NASA

O antigo cientista da agência espacial norte-americana Gilbert V. Levin afirma que foram encontradas evidências de vida em Marte na década de 70. No entender do especialista, deviam ter sido levado a cabo mais investigações …

Era marketing. Fortnite voltou (e está diferente)

Depois de 10 temporadas, um buraco negro engoliu a ilha na qual diariamente milhões de jogadores tentavam sobreviver, matando-se uns aos outros. Durante um dia e meio, ninguém podia jogar. O susto acabou esta terça-feira, …

Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa. A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma …

Dono do Paris Saint-Germain quer comprar o Leeds (e torná-lo no novo Manchester City)

A Qatar Sports Investments (QSI), empresa que é detida por Nasser Al Khelaifi, quer dar o salto para o mercado inglês e adquirir o Leeds United, emblema que milita atualmente no segundo escalão. Na semana em …