Legionella: especialista fala em “surto estranho”

Passaram 11 dias, 44 infetados e quatro mortes desde que foi detetado o primeiro caso de legionella no Hospital São Francisco Xavier. Pneumologista fala em “surto estranho”.

O Diário de Notícias contactou o pneumologista Agostinho Fernandes que falou sobre os casos de legionella que têm aparecido pelo país e que já vitimaram mortalmente quatro pessoas. Com o Ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, a admitir que o surto pode ainda provocar mais mortos, apesar de já se encontrar em decréscimo, Agostinho Fernandes considera este um “surto estranho”.

“Normalmente quando há fuga de água com legionella, aparece uma contaminação brusca e vão aparecendo casos ao longo do tempo, mas ao fim de dez dias deixam de aparecer. Isto faz pensar que o que quer que tenha causado o surto manteve-se a contaminar água com a bactéria”, aponta o especialista.

No entanto, Agostinho considera que o número de mortes, tendo em conta que o surto está a afetar maioritariamente população idosa e já com outras patologias associadas, está dentro do expectável. “O número de mortes por pneumonia nesta população com comorbilidades e com idade está mais ou menos dentro do esperado. São 10%. Morreriam mais se não houvesse cuidados intensivos”.

O diretor do Serviço de Pneumologia do Centro Hospitalar São João acredita que o aumento do número de pessoas internadas em cuidados intensivos poderá estar relacionado com “a gravidade da doença” ou mesmo com a “mediatização”.

É uma questão de precaução. Quando o doente tem insuficiência respiratória, vai para os cuidados intensivos. É o procedimento normal quando há agravamento da situação e questões de risco”, diz o professor catedrático de medicina.

Dos 44 infetados, sete estão nos cuidados intensivos e todos tinham já problemas de saúde crónicos e a maioria mais de 70 anos.

Em curso estão agora as investigações à origem do surto. Adalberto Campos Fernandes lembrou, na sexta-feira, que “está a decorrer “um conjunto de inquéritos” e que “é fundamental perceber como é que equipamentos que têm contratos de manutenção, de vigilância, que estão subcontratados, podem, ao que tudo indica, ter libertado para a atmosfera estas bactérias”.

O Ministro garantiu, ainda, “agir com toda a firmeza e determinação sobre aquilo que for o apuramento factual das responsabilidades”.

Já Marcelo Rebelo de Sousa recordou que o ministro espera um relatório sobre as causas dentro de uma semana e frisou que “é muito importante, por uma questão de transparência num serviço público, saber se a causa se localizou nesse serviço público, qual foi a causa e, portanto, a que conclusões chega o inquérito administrativo antes da investigação do MP”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Revelada finalmente a identidade do homem que trabalhou 18 meses em 15 anos

Foi revelada a identidade do auxiliar médico que, entre baixas e férias, só trabalhou 18 meses em 15 anos. Chama-se Juan Carlos, tem 60 anos e fez culturismo. Na semana passada, a imprensa espanhola contou a …

Duterte quer ser morto a tiro caso se torne um ditador

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, pediu para os militares o matarem a tiro caso tencione violar a Constituição e resolva permanecer no cargo mais do que o seu mandato lhe permite. "Caso permaneça no poder …

"The Shape of Water" lidera corrida aos Óscares com 13 nomeações

O filme "The Shape of Water" lidera as nomeações da 90.ª edição dos Óscares, que serão entregues a 4 de março, em Los Angeles, incluindo as categorias de Melhor Filme, Melhor Realização e Melhor Atriz, …

Queda de helicóptero da TV Globo faz duas vítimas mortais

Um helicóptero da Rede Globo caiu, esta terça-feira, na Praia do Pina, no Recife, provocando duas vítimas mortais. Um helicóptero da TV Globo caiu esta terça-feira na praia do Pina, em Boa Viagem, na zona sul …

Tribunal de Beja pediu exame psiquiátrico a um morto

A Directora de Psiquiatria do Hospital de Beja nem queria acreditar quando recebeu do tribunal da cidade uma solicitação para realizar uma perícia médico-legal psiquiátrica a um morto. "Obviamente, não é possível", foi a resposta. Ana …

Erupção violenta no vulcão Mayon pode estar iminente. 40 mil pessoas procuram abrigo

O monte Mayon, o vulcão mais ativo das Filipinas, continuou esta terça-feira a emitir lava e cinzas, obrigando cerca de 40 mil habitantes a procurar abrigo em centros de evacuação. A lava foi projetada até 700 …

Polícia quer enviar cães pisteiros à Casa dos Horrores para procurar cadáveres

A polícia norte-americana quer enviar cães pisteiros nas novas buscas à casa do casal Turpin, acusado de ter mantido em cativeiro durante vários anos os seus 13 filhos, em Perris, na Califórnia, para procurar eventuais …

Portugueses fogem da Venezuela e refazem a vida em Madrid

Madrid é uma cidade de refúgio de muitos luso-venezuelanos, principalmente jovens da segunda e terceira geração de emigrantes portugueses, que falam melhor castelhano e que tiveram de sair da Venezuela. "Viemos para Madrid devido à situação …

Corrida para evitar a nova lei já esgotou os eucaliptos nos viveiros

A semente de eucalipto mais recomendada pelas celuloses, por crescer mais depressa, está esgotada nos viveiros devido à corrida dos proprietários que tentam fazer novas plantações antes da entrada em vigor da nova lei que …

"Tinham que meter Manuel Vicente no processo"

Orlando Figueira, o ex-procurador do Ministério Público (MP) acusado de ter recebido subornos de Manuel Vicente, o ex-vice-presidente de Angola, negou todas as acusações de que é alvo. Em tribunal, Figueira ilibou Manuel Vicente e …