Cachorros de larvas e gelados de insetos. A dieta do planeta vai ter de mudar

O mundo pode estar envolvido numa crise climática e as nossas dietas estão a matar-nos, mas, em breve, poderemos desfrutar de um cachorro-quente de larvas e de um gelado de insetos.

A superpopulação está a tornar-se uma realidade no nosso planeta, colocando mais pressão sobre o meio ambiente e os seus recursos. Um dos principais problemas com a nossa gestão de recursos é a forma como obtemos a proteína na nossa dieta.

Um grande pedaço da proteína do mundo vem do gado – carne de boi, porco, cordeiro, cabra, frango ou peixe – mas é um sistema terrivelmente ineficiente. Cria toneladas de emissões de carbono, ocupa muito espaço e não é bom para a saúde.

Se vamos alimentar de forma sustentável o mundo nas próximas décadas, parece que a proteína do futuro será insetos. Assim, cientistas da Universidade de Queensland estão a investigar o uso destas criaturas como uma fonte alternativa de proteína, além de torná-las suficientemente apetitosas para consumidores exigentes.

“Um mundo superpovoado vai ter dificuldades em encontrar proteínas suficientes, a menos que as pessoas estejam dispostas a abrir as suas mentes e estômagos para uma noção muito mais ampla de alimentos”, disse Louwrens Hoffman, professor de ciência da carne na Universidade de Queensland. “O maior potencial para a produção sustentável de proteína é com insetos e novas fontes vegetais”.

A carne – pelo menos como a conhecemos – é surpreendentemente antieconómica para crescer, processar e distribuir. O gado requer oito quilos de alimento para produzir um quilo de carne, mas apenas 40% da vaca pode ser consumida. Se se comparar isso com grilos, são precisos dois quilos de alimento para produzir um quilo de carne, dos quais cerca de 80% é comestível.

No entanto, a dieta dos insetos tem um problema de imagem. Hoffman observa que os consumidores ocidentais estão dispostos a experimentar insetos em alimentos pré-preparados, mas não se sentem confortáveis ​​com a ideia de comer ou preparar refeições à base de insetos – a menos que os insetos estejam disfarçados.

Juntamente com uma equipa de cientistas de alimentos, Hoffman tem vindo a desenvolver várias maneiras de combinar proteínas alternativas numa variedade de alimentos de especialidade, como salsichas feitas de larvas da mosca negra (Hermetia illucens).

“Comeria uma salsicha feita de larvas?”, perguntou Hoffman. “E quanto a outras larvas e até mesmo insetos inteiros, como os gafanhotos? Um dos meus alunos criou um gelado de insetos muito saboroso.”

Mas se isto não estimular o apetite, os insetos poderiam ser usados ​​para alimentar galinhas. O trabalho da equipa mostrou que as dietas de frangos que incluem até 15% de refeições com larvas não reduzem o desempenho da produção de frango, eficiência no uso de nutrientes, aroma, sabor, suculência e maciez da carne, ou composição de ácidos gordos de cadeia longa.

PARTILHAR

RESPONDER

Maduro acusa EUA de provocarem "perigoso momento de tensão" no continente

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, enviou na segunda-feira uma carta aos governantes internacionais, alertando que os Estados Unidos (EUA), ao oferecerem uma recompensa por informações que levem à sua detenção, conduzem a "um perigoso …

Prestações ao banco vão subir para quem recorrer à moratória

As prestações dos créditos à habitação vão subir para empresas e clientes particulares que pedirem a sua suspensão no âmbito da moratória criada pelo Governo. Os juros vencidos durante os seis meses da moratória serão …

BE e PCP querem isenção do pagamento de propinas durante estado de emergência

O Bloco de Esquerda e o Partido Comunista Português consideram que os alunos do Ensino Superior devem ficar isentos do pagamento de propinas durante o estado de emergência. Tanto o BE como o PCP sempre defenderam …

Menina de 12 anos morre na Bélgica vítima da covid-19

Uma menina de 12 anos morreu esta segunda-feira na Bélgica devido à pandemia de covid-19, anunciaram esta terça-feira as autoridades de saúde deste país. "É um caso muito raro, mas que nos afeta muito, é um …

"Bomba" de Graça Freitas rebentou-lhe nas mãos. Governo rejeita cerco sanitário ao Porto

O Secretário de Estado da Saúde, António Sales, rejeitou, nesta terça-feira, a possibilidade de impor um cerco sanitário ao Porto. Esta hipótese foi avançada pela directora-geral da Saúde, Graça Freitas, e foi fortemente criticada por …

Novo máximo diário. Covid-19 mata mais 849 pessoas em Espanha

Espanha registou, nas últimas 24 horas, 849 mortos com o novo coronavírus, um novo recorde de falecidos num só dia, elevando o balanço total para 8189. Os números do Ministério da Saúde espanhol revelam ainda um …

Termina esta terça-feira o prazo para reclamar das despesas para IRS

O prazo para consultar e reclamar das despesas gerais e familiares apuradas pelo fisco para efeitos de deduções à coleta termina esta terça-feira. Os contribuintes têm até esta terça-feira, 31 de março, para consultar e reclamar …

Ryanair avança com lay-off em Portugal a partir de 1 de abril

A Ryanair vai avançar com o lay-off simplificado, considerando o recurso à medida "indispensável para a manutenção da viabilidade e preservação dos postos de trabalho". Segundo a comunicação da sucursal em Portugal aos sindicatos relativamente à …

Recibos verdes arriscam ficar sem apoio em abril

A Segurança Social só vai disponibilizar o formulário para requerer apoio por paragem total de atividade a partir de 1 de abril. O apoio para minimizar os danos económicos dos trabalhadores independentes que enfrentem paragem …

Ex-benfiquista Jiménez só sai do Wolves por 90 milhões

O Wolverhampton só está disposto a negociar Raul Jiménez por uma verba a rondar os 90 milhões de euros. O antigo jogador do Benfica é perseguido por Arsenal e Manchester United. Raul Jiménez tem dado que …