Kim Jong-Un convida Presidente sul-coreano a visitar Pyongyang

(dv) KCNA / YONHAP

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O dirigente norte-coreano convidou o Presidente sul-coreano a participar numa cimeira em Pyongyang, anunciou Seul este sábado, o segundo dia dos Jogos Olímpicos de inverno, que estão a decorrer em PyeongChang.

De acordo com o convite, transmitido pela irmã do líder norte-coreano, Kim Yo-Jong, que se encontra de visita à Coreia do Sul para assistir aos Jogos Olímpicos de inverno, o dirigente está pronto para se reunir com Moon Jae-in “tão brevemente quanto possível”, segundo um porta-voz da Casa Azul, a presidência sul-coreana.

O Presidente sul-coreano ainda não respondeu ao convite do líder da Coreia do Norte.

A acontecer, o encontro será o terceiro do género, refere a AFP, depois de Kim Jong Il, pai do atual líder norte-coreano, Kim Jong-Un, se ter reunido com os sul-coreanos Kim DAe-jung e Roh Moo-Hyun, em 2000 e 2007.

No entanto, a reunião entre norte e sul pode provocar tensão entre Seul e a administração norte-americana, que defende que a Coreia do Norte deve provar antes do início de qualquer negociação que está disposta a desnuclearizar-se, enquanto Kim Jong-Un proclama que o seu país é já “um Estado nuclear por inteiro”.

A cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, na Coreia do Sul, ficou marcada por uma aproximação histórica entre altos representantes das duas Coreias, mas também pela atitude mais fria do vice-presidente dos Estados Unidos.

Os Jogos foram declarados oficialmente abertos hoje, numa cerimónia de abertura em que o Presidente da Coreia do Sul apertou a mão à irmã mais nova do líder da Coreia do Norte. Na pista, os atletas das duas Coreias marcharam sob uma bandeira comum.

O vice-Presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, também esteve presente – lidera a comitiva norte-americana aos Jogos – mas destoou do espírito de aproximação. Pence ficou sentado a poucos metros da irmã do ditador Kim Jong Un, mas não interagiu com a representante norte-coreana, informou a Casa Branca.

Pence estava sentado entre o Presidente sul-coreano e o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe. A irmã de Kim Jong Un estava logo na fila atrás do camarote de honra.

Kim Yo Jong é a primeira pessoa da família que domina a Coreia do Norte desde há décadas a visitar o Sul desde a guerra da Coreia, de 1950 a 1953.

Foi a primeira vez em 12 anos que as duas Coreias marcharam juntas num desfile olímpico. Os dois países têm estado em rota de colisão devido ao programa de mísseis balísticos intercontinentais norte-coreano, bem como ao seu programa de armamento nuclear.

A tensão diplomática também se estendeu aos EUA – que tem proposto e aplicado novas e mais duras sanções económicas contra Pyongyang – e, em menor medida, ao Japão, potencial alvo das armas norte-coreana.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …

Diogo Jota no Liverpool

O Liverpool oficializou hoje a contratação do futebolista internacional Diogo Jota, de 23 anos, num contrato “de longa duração”, sem especificar a duração. A imprensa inglesa tem adiantado que o jogador vai assinar por cinco épocas, …

Companhia aérea australiana oferece voos de 7 horas (para lugar nenhum)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou recentemente planos para um voo panorâmico de sete horas que fará um loop gigante em Queensland e Gold Coast, New South Wales e os remotos centros do interior do …

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …