Kim Jong-un e Donald Trump já chegaram a Singapura

O líder da Coreia do Norte e o Presidente dos Estados Unidos já chegaram a Singapura, este domingo, dois dias antes do encontro histórico e depois de três meses de preparativos marcados por avanços e recuos.

De acordo com a imprensa local, Kim Jong-un aterrou hoje no aeroporto de Changi, Singapura, pouco depois das 15h00 locais (08h00 de Lisboa).

Donald Trump também já chegou ao país, onde aterrou a bordo do Air Force One às 20h30, hora local (13h30 em Lisboa).

O aeroporto, tal como toda a cidade de Singapura, está rodeado de medidas de segurança.

A organização do encontro entre os dois líderes foi uma corrida contra o tempo – com uma frenética atividade diplomática em Washington, Singapura, Pyongyang e na fronteira entre as duas Coreias -, em que houve anúncios, ameaças, cancelamentos e retratações surpreendentes.

O Presidente norte-americano, cujo mandato conta já com diversos desencontros diplomáticos com os principais líderes mundiais, poderá obter o seu primeiro êxito de política externa na cimeira desta terça-feira com o líder norte-coreano.

Este domingo, o Presidente russo, Vladimir Putin, também disse estar pronto para se encontrar com o seu homólogo norte-americano, assim que os Estados Unidos “estiverem prontos” para a reunião.

“Assim que o lado norte-americano estiver pronto, esse encontro acontecerá, mediante a minha agenda”, declarou Putin, que falava aos jornalistas à margem da Organização de Cooperação de Xangai, na cidade portuária de Qingdao, norte da China.

Trump, que venceu as últimas eleições Presidenciais norte-americanas para surpresa de muitos, chegou à Casa Branca sem qualquer experiência política, embora com um longo percurso no mundo empresarial e mediático que o colocou entre as maiores fortunas do país.

Nascido em Nova Iorque em 1946 e licenciado em Economia Financeira pela Universidade da Pensilvânia em 1968, o multimilionário é o fundador e proprietário do grupo imobiliário Trumps Hotels and Casinos.

O seu império começou a nascer em 1982, com a construção da Trump Tower, na Quinta Avenida de Nova Iorque, e a abertura do primeiro casino em Atlantic City (Nova Jérsia).

Kevin Dietsch / EPA

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

É proprietário de mais dois casinos, o Taj Mahal e o Trump Castel, da companhia aérea Trump Shuttle e do complexo turístico Miami Doral Golf Resort & Spa, onde passa grande parte do seu tempo livre desde que é Presidente e onde já recebeu alguns dos líderes mundiais que foram aos EUA visitá-lo.

Em princípios da década de 90, viu-se a braços com uma dívida de dois mil milhões de dólares, mas conseguiu reconstruir o seu império imobiliário graças aos casinos.

A faceta mediática de Trump tem também sido importante no seu percurso profissional: foi produtor dos concursos de beleza Miss Universo e Miss América e teve o seu próprio programa de televisão, um ‘reality show’ chamado “O Aprendiz”, em que vários candidatos competiam por um emprego no seu grupo empresarial.

No domínio político, como candidato do Partido Republicano às presidenciais de 2016, enfrentou e derrotou a candidata democrata e ex-primeira-dama Hillary Clinton, depois de ter afastado nas primárias 16 concorrentes, apesar das críticas à sua incorreção política e ao discurso demagógico.

Como candidato republicano, que já concorrera sem êxito à nomeação conservadora à Casa Branca em 2000 e 2012, defendeu a construção de um muro na fronteira com o México e o veto à entrada de muçulmanos no país, para combater a imigração ilegal, a criminalidade em geral e o terrorismo jihadista.

Além destas polémicas iniciativas, os seus comentários misóginos e racistas retiraram-lhe apoios dentro do próprio partido.

Em novembro de 2016, foi eleito Presidente dos EUA por ter obtido a maioria dos votos eleitorais dos Estados norte-americanos, apesar de não ter ganhado no voto popular.

Em janeiro de 2017, após renunciar a todos os seus cargos empresariais, Trump foi investido como Presidente, num dia marcado por numerosas manifestações de protesto dos seus críticos.

Em matéria de política nacional, retirou fundos ao sistema de saúde Obamacare, aprovou uma reforma fiscal expansiva com uma espetacular redução de impostos e ameaçou expulsar do país os imigrantes ali chegados na infância, os chamados “dreamers”.

Na arena internacional, iniciou uma guerra comercial com a China, e também com a União Europeia, Canadá e México, retirou o país do Acordo Climático de Paris e do acordo sobre o programa nuclear do Irão.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Asteróide que passou recentemente pela Terra não estava sozinho

Astrónomos descobriram que o asteróide 2020 BX12, que passou pela Terra na semana passada, era afinal um sistema binário de asteróides. Estamos a falar do asteróide 2020 BX12, que passou a 4,3 milhões de quilómetros de distância da …

"Parasitas" vai ter uma série na HBO. E já são conhecidos dois nomes do elenco

A produção sul-coreana de Bong Joon Ho, especialmente condecorada pela Academia, merece agora uma adaptação para a televisão pelas mãos da HBO. A série televisiva de "Parasitas" foi anunciada em janeiro e a produção está encarregue …

O carregador do seu smartphone é mais potente do que o computador da Apollo 11

Não restam dúvidas de que a informática deu um passo gigante em termos de evolução nos últimos 50 anos. Agora, um engenheiro de software descobriu que até mesmo o carregador do seu smartphone é mais …

Tribunal suspende construção da Gigafactory na Alemanha

Um tribunal alemão ordenou à Tesla, este domingo, a suspensão das obras da sua fábrica "Gigafactory" por questões ambientais. Em novembro do ano passado, Elon Musk, presidente executivo da Tesla, anunciou que a Alemanha tinha sido …

Novos semáforos da Índia ficam vermelhos quando os condutores buzinam

A Polícia de Mumbai, na Índia, instalou detetores de ruído em vários semáforos de cruzamentos importantes da cidade, visando reduzir a poluição sonora. Agora, quanto mais os condutores buzinam, mais tempo a luz se mantém …

Polícia de Hong Kong procura autores de roubo de papel higiénico

Um camião que transportava papel higiénico foi, esta segunda-feira, alvo de um assalto à mão armada em Hong Kong, onde a escassez do produto motivou uma corrida ao comércio local. As autoridades informaram que um motorista …

Centeno considera gravações de Varoufakis "politicamente lamentáveis"

O presidente do Eurogrupo considerou, esta segunda-feira, a atitude do antigo ministro das Finanças grego, que gravou reuniões do fórum de ministros das Finanças da zona euro, "politicamente lamentável". "Honestamente, não tenho comentários a fazer sobre …

Elton John obrigado a interromper concerto devido a crise de pneumonia

O cantor britânico foi obrigado a interromper um concerto, na Nova Zelândia, devido a um diagnóstico de pneumonia atípica. No último domingo, o cantor britânico Elton John interrompeu um concerto no Auckland’s Mount Stadium, na Nova …

Tancos. Coronel da GNR nega pacto de silêncio

O ex-diretor de investigação criminal da GNR disse, esta segunda-feira, desconhecer qualquer pacto de silêncio com a Polícia Judiciária Militar que envolvesse a colaboração na investigação do furto das armas de Tancos. Na sessão desta segunda-feira …

Anel de curso perdido nos EUA encontrado 47 anos depois na Finlândia

Um anel de curso de um liceu nos Estados Unidos, perdido em 1973, foi agora descoberto numa floresta da Finlândia. De acordo com o The Guardian, Debra McKenna perdeu o anel de curso do marido em …