/

Justin Bieber reforma-se aos 19 e promete que é a sério

1

Joe Bielawa / Wikimedia

-

O canadiano Justin Bieber, de 19 anos, anunciou esta quarta-feira no Twitter que vai abandonar em definitivo o mundo da música, cenário já levantado na semana passada mas que o agente do músico entretanto desmentiu.

“Queridos beliebers, vou oficialmente reformar-me”, escreveu o músico na sua conta na rede social no dia de Natal, aproveitando Bieber para desejar Boas Festas aos seus fãs e garantindo que vai estar do seu lado “para sempre”.

“A imprensa fala muito sobre mim. Inventam muitas mentiras e querem que eu falhe, mas nunca vos vou deixar, ser um ‘belieber’ é um estilo de vida”, frisou ainda o cantor.

Muitos observadores e jornalistas ligados ao entretenimento questionaram nos últimos dias se Bieber vai realmente abandonar a música ou se tal não mais é do que uma jogada de ‘marketing’, para mais numa altura em que chega aos cinemas norte-americanos o seu novo filme, “Believe”, centrado no mais recente álbum de originais do músico.

Justin Bieber, um adolescente da música pop que faz furor desde criança, actuou em março em Lisboa para alguns milhares de fãs.

Com 47,9 milhões de seguidores no Twitter e mais de 60 milhões no Facebook, Justin Bieber é um fenómeno que ultrapassa a escala musical.

Daniel Ogren / Flickr

Justin Bieber em 2010

Justin Bieber em 2010

Aos 12 anos, ficou em segundo lugar num concurso de talentos em Stratford, na Canadá. A família partilhou os vídeos na Internet e, em menos de nada, Justin Bieber conheceu um dos seus ídolos, Usher, assinou contrato discográfico e gravou o primeiro álbum, “My world”, editado em 2009. Tinha então 15 anos.

Em todo o mundo há uma legião de fãs – que se auto-intitulam “beliebers” – e “paparazzi” que seguem todos os passos do jovem músico.

Justin Bieber esteve até há pouco tempo em digressão mundial com o terceiro álbum, “Believe”, editado no verão passado.

/Lusa

1 Comment

  1. Realmente a estupides e a ignorância nunca escolheu idade.
    Não sei qual a massa de arquitetura que este inocente é feito, mas…
    Consegui começar e acabar a sua estupida carreira com os ossos todos inteiros. Também com os seguranças que lhe asseguravam a sua burrice não era de esperar outra coisa.
    Existem BURROS de carga, esses eu muito respeito, agora com o grau de qualidade como o que falamos não consigo arranjar objeto de igual.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE