Juncker ameaça Hungria com batalha se reintroduzir pena de morte

Zinneke / wikimedia

Jean-Claude Juncker

Jean-Claude Juncker

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, ameaçou o primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orban, com uma batalha se este insistir na proposta de reintroduzir a pena de morte no país.

“A Carta dos Direitos Fundamentais da União Europeia proíbe a pena de morte e o sr. Orban deverá imediatamente clarificar que não tem esta intenção [de reintroduzir a pena capital], e se tiver mesmo esta intenção, prepare-se para uma batalha”, declarou Juncker esta quinta-feira, numa conferência de imprensa.

Por seu lado, a Conferência de Presidentes do Parlamento Europeu (PE) decidiu hoje que a comissão parlamentar das Liberdades Cívicas irá analisar com urgência a situação na Hungria.

O presidente do PE, Martin Schulz, sublinhou que a pena de morte “não é compatível com o estatuto de membro da UE”.

O gabinete de Orban emitiu na quarta-feira um comunicado, esclarecendo que a posição de Orban é de que “a pena de morte deverá permanecer na agenda“, adiantando que o primeiro-ministro está à disposição para esclarecer a questão, sublinhando ainda que as consultas sobre o tema deverão “naturalmente prosseguir a nível europeu”.

O primeiro-ministro húngaro afirmou na terça-feira que a pena de morte “deveria manter-se na ordem do dia” no país, depois de esta ter sido abolida em 1990, com a adesão ao Conselho da Europa.

Orban, um conservador nacionalista que governa a Hungria há cinco anos com maioria absoluta, acrescentou ainda – reagindo ao assassínio de uma jovem empregada de uma tabacaria – que “é preciso deixar claro aos delinquentes que a Hungria não retrocederá quando se trata da segurança dos seus cidadãos”.

Já em 2011, quando Orban alterou o código penal húngaro para introduzir a pena de prisão perpétua sem liberdade condicional, o Governo de Budapeste foi duramente criticado pela União Europeia e pela oposição.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O Ártico pode ficar sem gelo no verão de 2044

As mudanças climáticas provocadas pelo Homem estão muito perto de tornar o Ártico livre de gelo, já a partir do verão de 2044. Um artigo científico, publicado recentemente na Nature Climate Change por investigadores da Universidade …

Estamos sozinhos no Universo? Cientistas detalham que exoplanetas poderiam albergar vida

Através da modelagem climática, uma equipa de cientistas da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, apontou que tipo de planetas têm maior probabilidade de serem habitáveis. A descoberta pode ajudar os astrónomos a selecionar áreas …

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …