Fraude nas viagens entre ilhas e continente. PJ desmantela mais uma rede criminosa

aseemsjohri / Flickr

Avião Airbus A310-304 da SATA

Esta quarta-feira, foi desmantelada mais uma rede criminosa que se aproveitava de forma fraudulenta do subsídio que financia as deslocações dos habitantes dos Açores e da Madeira ao continente.

Existem fraudes nos subsídios das viagens entre a Madeira, os Açores e o continente e a mais recente foi anunciada esta quarta-feira pela Polícia Judiciária (PJ). Segundo o Público, envolve quatro dezenas de arguidos que, ao longo de dois anos, apoderaram-se de cerca de 300 mil euros de dinheiros públicos.

O subsídio social de mobilidade permite que os habitantes das ilhas viagem entre os dois arquipélagos e o continente a um preço reduzido: pagam 134 euros, ida e volta, e o reembolso do excedente que lhes é cobrado pelas companhias aéreas é feito através dos balcões dos CTT.

Há um ano, no Parlamento, o ministro Pedro Nuno Santos afirmou a existência de “um sistema que tem incentivos perversos e um nível de fraude brutal”. “Estão a ser investigados preços inflacionados praticados pelas agências, faturas falsas que chegam aos CTT e viagens de encaminhamento que nunca se chegam a realizar”, anunciou na altura.

Poucos dias depois da intervenção do governante, a PJ desencadeou a Operação Pégaso, no âmbito da qual foram detidos dois responsáveis de uma agência de viagens por terem lesado o Estado em centenas de milhares de euros, através da falsificação de documentos e faturação fictícia relativa a deslocações aéreas entre o Funchal e o continente.

Agora, esta quarta-feira, a PJ levou a cabo a Operação Ícaro, que desmantelou outra rede criminosa que se aproveitava de forma fraudulenta do subsídio de mobilidade, desta vez nos Açores.

De acordo com o diário, cinco pessoas forjavam bilhetes de avião e cartões de embarque, que depois eram apresentados para reembolso nas estações dos CTT do arquipélago. Os documentos correspondiam a viagens fictícias e eram passados em nome de três dezenas e meia de cúmplices.

O esquema duraria há dois anos e terá lesado o Estado em cerca de 300 mil euros. Contudo, a investigação ainda não terminou, pelo que este valor ainda pode sofrer alterações.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Juiz negacionista chama "pedófilo" a Ferro Rodrigues. CSM admite novo processo disciplinar

O Presidente da Assembleia da República já reagiu ao vídeo do juiz negacionista em que este lhe chama "pedófilo", tendo alertado o Conselho Superior da Magistratura (CSM), que também já disse que os "novos factos …

Barragem do Pisão fica pronta em 2026 (e "demonstra bem o que pretende ser o PRR")

As obras de construção da barragem do Pisão, no concelho de Crato, distrito de Portalegre, cujo contrato de financiamento foi assinado esta sexta-feira, vão arrancar até 2023 para o empreendimento entrar em "pleno funcionamento" em …

Gonçalves Pereira diz que não é recandidato por "opção exclusiva da direção"

O vereador do CDS-PP na Câmara de Lisboa afirmou, esta sexta-feira, que não é recandidato nas próximas autárquicas por opção exclusiva da atual direção do partido, que foi contra os órgãos distritais e concelhios. "Este ano, …

Fraude de quatro milhões com IVA na alimentação. MP acusa 29 arguidos

Uma rede de empresas responsável por simular transações de produtos alimentares isentas de IVA foi desmantelada pelas autoridades e 29 arguidos foram acusados pelo Ministério Público (MP), devido a um esquema que permitiu obter reembolsos …

Nove anos de prisão para primeiro condenado ao abrigo da lei da segurança nacional em Hong Kong

O primeiro residente de Hong Kong condenado no âmbito da nova lei de segurança nacional foi sentenciado a nove anos de prisão, esta sexta-feira, por terrorismo e incitação à secessão. Os três juízes, escolhidos pela chefe …

Novo Banco e Apollo entregam propostas pelo EuroBic

O Novo Banco e o fundo Apollo apresentaram propostas para as posições de Isabel dos Santos e de Fernando Teles no EuroBic, enquanto o fundo J.C. Flowers e o Abanca estão a negociar com os …

Israel vai administrar terceira dose da vacina em maiores de 60 anos

Israel vai avançar com a inoculação de uma terceira dose da vacina contra a covid-19 em pessoas com mais de 60 anos, anunciou, esta quinta-feira, o primeiro-ministro israelita, numa declaração transmitida na televisão. Confrontado nas últimas …

Autoridades chinesas e Talibãs estreitam laços enquanto EUA deixam o Afeganistão

O ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Yi, se reuniu na quarta-feira com líderes dos Talibãs na cidade de Tianjin, no norte da China, um sinal do estreitamento dos laços entre Pequim e o grupo …

Feirantes senegaleses queixam-se de "acesso bloqueado" à feira de Barcelos

Feirantes do Senegal queixaram-se esta quinta-feira de serem proibidos de operar na feira semanal de Barcelos e falaram em discriminação racial, mas a câmara contrapôs que é uma questão de cumprimento do regulamento que impede …

Tribunal de Justiça da UE retira imunidade parlamentar a Puigdemont

O Tribunal de Justiça da União Europeia retirou, esta sexta-feira, a imunidade parlamentar ao ex-presidente do Governo regional da Catalunha, Carles Puigdemont, e aos também eurodeputados catalães Toni Comín e Clara Ponsatí. Na sentença proferida esta …