Juan Carlos paga mais de quatro milhões de euros ao fisco espanhol

Sergio Barrenechea / EPA

O rei emérito espanhol, exilado nos Emirados Árabes Unidos e visado por vários inquéritos judiciais, saldou uma divida fiscal de mais de quatro milhões de euros.

O advogado de Juan Carlos I, Javier Sánchez-Junco, confirmou, esta sexta-feira, num comunicado citado pelo jornal El País, que o rei emérito apresentou uma segunda regularização fiscal no valor de 4.395.901,96 euros.

Os impostos em atraso incidiam sobre o valor dos voos de que o rei beneficiou até 2018 de uma companhia aérea de jatos privados e que não declarou.

Em dezembro do ano passado, o ex-soberano, que reinou de 1975 a 2014, já tinha liquidado voluntariamente uma primeira tranche de impostos de quase 680 mil euros.

Esta dívida ocorreu após uma declaração de imposto sobre rendimentos não declarados anteriormente que, segundo o jornal espanhol, ascendem a mais de oito milhões de euros.

Em novembro, veio à tona uma investigação anti-corrupção sobre o uso pelo ex-monarca de cartões de crédito vinculados a contas bancárias em nome de um empresário mexicano e um oficial da Força Aérea espanhol.

De acordo com fontes judiciais, esta investigação visa determinar se o rei emérito usou candidatos para lavagem de dinheiro depois de 2014, a data da seu abdicação e, portanto, o fim da sua imunidade como chefe de Estado. Duas outras investigações judiciárias visam as finanças do ex-monarca.

Um deles visa determinar se Juan Carlos embolsou uma comissão no contexto da concessão de um contrato a empresas espanholas para construir um comboio de alta velocidade na Arábia Saudita em 2011.

O outro inquérito foi aberto após denúncia do serviço de prevenção à lavagem de dinheiro e confiada ao Supremo Tribunal Federal, o único com poderes para julgar um ex-soberano.

Juan Carlos decidiu ir viver para os Emirados Árabes Unidos em agosto do ano passado, quatro meses depois de Felipe VI ter privado o seu pai de uma subvenção pública de quase 200 mil euros anuais, enquanto renunciava a qualquer herança que pudesse corresponder às suas contas no estrangeiro.

O rei emérito viu-se envolvido numa investigação judicial, desde o verão de 2018, quando agentes da polícia suíça foram enviados por um juiz para analisar as contas de uma empresa gestora de fundos alegadamente ilegais em paraísos fiscais, onde tem investimentos pessoais.

  ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas estão a plantar mesas de xadrez de corais para restaurar recifes - e contam com a ajuda de garrafas de Coca-Cola

Nas últimas três décadas, os recifes de coral têm sofrido uma grande tensão e consequente destruição, devido ao impacto das alterações climáticas. Agora, os cientistas querem minimizar os danos e já encontraram uma solução. O objetivo …

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …

Sintrense 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto, da I Liga, venceu hoje o Sintrense, do Campeonato de Portugal, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue em frente na competição. A jogar em …

Nova tecnologia usa calor dos estacionamentos subterrâneos para aquecer apartamentos

A startup Enerdrape, que funciona dentro da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, desenvolveu uma tecnologia que aproveita o calor emanado pelo solo no aquecimento de apartamentos. Quase 60% do aquecimento utilizado nos edifícios residenciais …

Pela primeira vez, um drone transportou os pulmões de um dador em segurança. Voo demorou seis minutos

Pela primeira vez na história da medicina, um drone aéreo transportou os pulmões de um dador com rapidez e segurança entre dois hospitais. O voo, que durou apenas seis minutos, ocorreu no passado dia 25 de …

Grupo de hackers clonou a voz de empresário para roubar 35 milhões de dólares do banco

Um grupo de hackers clonou a voz do diretor de uma empresa, conseguindo assim roubar mais de 35 milhões de dólares de um banco nos Emirados Árabes Unidos. No início do ano passado, o gerente de …

Portugueses comem duas vezes mais do que o recomendando

Os portugueses consumiram, em média, duas vezes mais calorias do que o recomendando para um adulto entre 2016 e 2020, ano em que a pandemia provocou uma redução do consumo de alimentos diário, mas ainda …

Aos 95 anos, a rainha Isabel II terá de abdicar da sua bebida favorita

A monarca foi aconselhada pelos médicos a abdicar do seu habitual martini de fim de dia, em antecipação a uma fase de agenda especialmente preenchida. Com 95 anos, a rainha Isabel II tem tido uma semana …

Médicos vão avaliar estado mental do atacante da Noruega

A investigação ao ataque com arco e flecha que na quarta-feira fez cinco mortos na Noruega reforçou, até agora, a tese de um ato devido a doença, anunciou hoje a polícia norueguesa. “A hipótese que foi …

Há mais de 100 anos, o Hawai teve uma monarquia - mas a força da princesa Ka'iulani não chegou para a preservar

Antes de morrer, com apenas 23 anos, a princesa Victoria Ka'iulani foi a última herdeira da coroa havaiana. A jovem era uma das últimas esperanças em manter a monarquia viva, mas nem a sua determinação …