JSD colocou quartos na sede do PS a “arrendar” a estudantes (a 128,67 euros)

José Coelho / Lusa

Margarida Balseiro Lopes, presidente da JSD

A Juventude Social Democrata (JSD) colocou o edifício sede do PS, no Largo do Rato, em Lisboa, a arrendar num site de classificados, como forma de protesto contra a falta de medidas governamentais para fazer face ao problema do alojamento dos estudantes universitários.

A JSD colocou um anúncio num site a ‘arrendar’ quartos na sede do PS, e afixou, nesta quarta-feira, um cartaz no Largo do Rato, para sublinhar “a falta de respostas” no Orçamento do Estado para 2019 (OE2019) para o alojamento estudantil.

“A Comissão Política Nacional da JSD considera inaceitável a falta de respostas e de verbas em sede de OE2019 que respondam às dificuldades que os estudantes têm hoje no acesso ao alojamento no Ensino Superior”, critica esta estrutura em comunicado.

Com o objetivo de “chamar a atenção do país” para este problema, a JSD colocou, no site de classificados grátis Olx, um anúncio com o seguinte texto: “Arrendam-se quartos a estudantes em edifício neoclássico em zona central de Lisboa, Largo do Rato. O Palácio Marquês da Praia é o local ideal para viver enquanto estuda numa das várias Instituições de Ensino Superior da cidade. Com um preço de 128,67 euros por quarto (com casa de banho partilhada), o edifício encontra-se em zona bem servida por transportes públicos”.,

No anúncio, que já foi entretanto retirado do site, embora se refira que se trata de uma iniciativa da JSD, remete-se para o número da sede nacional do PS.

Nesta quarta-feira, a líder da JSD, Margarida Balseiro Lopes, colocou no Largo do Rato um cartaz com a mensagem “Arrendam-se quartos a estudantes” e um apelo ao contacto para o número da sede do PS.

“Com esta iniciativa a JSD pretende demonstrar a vergonha que representa o facto de o OE2019 não incluir quaisquer respostas nem verbas para dar resposta ao flagelo que afecta milhares de estudantes que, sobretudo nas grandes cidades do país, se deparam com preços pornográficos no acesso ao mercado de arrendamento e não têm vaga nas residências estudantis”, criticam os jovens do PSD.

O preço ficcionado pela JSD para o ‘arrendamento’ dos quartos na sede do PS também não foi escolhido ao acaso: 128,67 euros é o valor máximo mensal fixado – e mantido no OE2019 – para apoio aos estudantes bolseiros sem vaga em residências estudantis, o chamado complemento de alojamento.

“Aparentemente, o Governo considera possível o arrendamento de um quarto em cidades como Lisboa e Porto por 128,67 euros, o que demonstra um profundo desfasamento da realidade ou uma grande insensibilidade social“, acusa a JSD, apontando que este problema tem levando muitos estudantes a abandonarem o ensino superior.

Lamentando que nem o Governo nem os partidos que o apoiam “tenham previsto quaisquer medidas ou verbas em sede de OE2019” para esta área, a JSD propõe um conjunto de medidas, incluindo fixar o valor do complemento de alojamento até 50% do Salário Mínimo Nacional, ou seja, 300 euros.

A redução da tributação em sede de IRS/IRC dos imóveis arrendados a estudantes do Ensino Superior, o aumento do limiar de elegibilidade na atribuição de bolsa de estudo para os 18 IAS (Indexante dos Apoios Sociais) e um plano de contratualização de serviços de alojamento estudantil na comunidade de proximidade são outras propostas da JSD.

A JSD pretende ainda um aumento das acções de fiscalização dos arrendamentos ilegais e uma dotação orçamental para a construção de novas residências estudantis e para a adaptação e requalificação das residências existentes.

“A JSD acredita que estas medidas são justas e imprescindíveis, porque sem elas o preço dos arrendamentos praticados consubstancia verdadeiros obstáculos ao acesso ao Ensino Superior”, defendemos jovens sociais-democratas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Que falta de bom senso e noção de civilidade. A JSD tem todo o direito de protestar contra o que entende, independentemente do que o PSD tenha feito na Governação. Mas colocar um anúncio de arrendamento com o telefone do local? Sendo que este é a sede de uma instituição – neste caso outro partido – é uma infantilidade e desqualifica quem o faz.
    Não sabem que não podem anunciar arrendar uma coisa que não lhes pertence e menos ainda com o número de telefone? Isso engana os interessados, faz com que se ocupem os telefones com coisa diversa do objecto da instituição e o único objectivo é “chatear” neste caso o PS sem nenhum sentido reivindicativo prático.
    Que tristeza…. pensava eu que os jovens eram mais capazes…

  2. isso não é normal este de coisa, mas coitado dos alunos que não tem dinheiro para pagar quartos nem as suas obrigações, eu é que os obriguei ir estudar, mas para ir para festas, noitadas que até cair bêbados tem dinheiro para isso, na minha casa aprendi uma coisa, queres trabalha para o ter, querem ser dotores toca a ir trabalhar para que tenha direito de protestar e não como fezem neste momento, que muitos nem tiveram grande custos para se formar, mas querem continuar a mamar a custa do reste do país..

RESPONDER

Portugal regista três mortes e o maior número de casos desde fevereiro

Portugal registou nas últimas 24 horas três mortes associadas à covid-19, 1.497 novos casos de infeções confirmadas - o maior número desde 24 de fevereiro - e uma diminuição nos internamentos em enfermaria e cuidados …

PAN quer proibir animais de companhia acorrentados e em varandas

O PAN quer proibir os donos de animais de companhia de os acorrentarem permanentemente ou os colocarem em varandas por largos períodos de tempo, através de um projeto de lei entregue hoje na Assembleia da …

IGAI abre processo ao protesto do Movimento Zero. Manifestante fez a saudação fascista

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) anunciou, esta terça-feira, que abriu um processo administrativo à manifestação dos elementos das forças de segurança que pertencem ao Movimento Zero, tendo pedido informações à Polícia de Segurança Pública …

Iniciativa Liberal garante que sardinhada de S. João é um “jantar como outro qualquer”

O evento foi divulgado ontem no Facebook mas acabou por ser retirado ao fim da tarde da página do partido para não gerar “más interpretações”. Ao contrário do “Arraial Liberal”, que se realizou em Lisboa, …

Membros do comando saudita que assassinou Khashoggi foram treinados nos EUA

Os quatro membros do comando que matou o jornalista saudita Jamal Khashoggi, em 2018, terão recebido formação paramilitar nos Estados Unidos. O jornal norte-americano The New York Times noticiou, na terça-feira, que quatro membros do comando …

Homem de etnia cigana morre após polícia pressionar joelho no seu pescoço. Caso já é comparado ao de Floyd

O caso ocorreu na República Checa. Um homem de etnia cigana morreu depois de um polícia ter pressionado o joelho sobre o seu pescoço durante vários minutos. A vítima, Stanislav, de 40 anos, viria a …

Relatório dos Sistemas de Saúde arrasa gestão da pandemia

O Relatório de Primavera 2021, do Observatório Português dos Sistemas de Saúde, critica a gestão da pandemia em Portugal, salientando que "não estamos a aprender ainda, com a experiência da pandemia, aquilo que seria necessário …

Líderes independentistas catalães já começaram a sair da prisão

Os nove líderes independentistas catalães que receberam o indulto do Governo espanhol começaram, esta quarta-feira, a sair das prisões onde se encontravam. A ex-presidente do parlamento regional Carme Forcadell foi a primeira a abandonar o estabelecimento …

Afinal, Bruxelas não vai restringir conteúdos britânicos na TV e no streaming

A Comissão Europeia desmentiu o facto de estar a ser preparada uma alteração legislativa para restringir a difusão de conteúdos audiovisuais produzidos no Reino Unido na programação das estações televisivas ou nas plataformas de streaming …

Altice culpa ANACOM e Governo por despedimento colectivo (e ameaça deixar Portugal)

A Altice anunciou o despedimento colectivo de quase 300 trabalhadores depois das saídas de cerca de mil funcionários por mútuo acordo. Mas admite que continua a ter colaboradores "dispensáveis" e deixa o alerta de que …